Conecte-se Conosco

Saúde

4 problemas dentais muito comuns depois dos 50 anos

Publicado

em

sorriso

Há 30 anos, era muito comum um adulto jovem recorrer à dentadura.

Nunca as pessoas cuidaram tanto do sorriso como hoje em dia. Não só no que se refere a investir em tratamentos odontológicos, como na preservação dos dentes naturais por mais tempo. Há 30 anos, era muito comum um adulto jovem recorrer à prótese móvel (dentadura) depois de perder alguns dentes. Hoje isso acontece com cada vez menos frequência, principalmente longe das grandes cidades. Mas manter os dentes naturais requer cuidados permanentes. Por isso, é importante estar bem informado sobre os problemas mais comuns que podem afetar a saúde bucal.

De acordo com Kátia Izola, professora da Escola de Aperfeiçoamento Profissional da APCD (Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas), acárie é muito comum, mesmo para quem já passou dos 50 anos. “Claro que pode surgir cárie na superfície de um dente que nunca deu problema anteriormente. Mas é muito comum surgirem lesões de cárie em torno de velhas restaurações e até mesmo na raiz do dente – que, com o passar do tempo, vai ficando mais macia e, inclusive, mais exposta. Por isso, além de consultar um cirurgião-dentista com regularidade, é importante incluir mais flúor na rotina – quer seja na água, no creme dental ou em forma de gel e enxaguatórios. Trata-se de uma medida preventiva muito importante”.

Boca seca é outro problema recorrente do envelhecimento. De acordo com a especialista, a saliva tem o poder de nos proteger contra cárie, por conta da presença de cálcio, fosfato e outros componentes. Com o passar do tempo, entretanto, o volume diário de produção salivar vai diminuindo gradativamente até que na terceira idade a pessoa tem metade da saliva de um jovem. “Quem não produz saliva o suficiente está em risco no que se refere à saúde bucal. Os sinais e sintomas de boca seca (xerostomia) variam de intensidade de uma pessoa para outra. As queixas mais comuns incluem sensação de ressecamento na boca, língua áspera, ardente e esbranquiçada, além de sede frequente. Vale ressaltar que essa condição pode contribuir para a halitose, ou mau hálito”.

A solução para boca seca está relacionada à estimulação da produção salivar. Katia Izola recomenda ingerir muita água durante o dia, fazer bochechos entre as refeições, mascar gomas à base de xilitol (que não provoca cárie) para estimular a salivação, parar de fumar, incluir alimentos com alto teor de água durante as refeições e, inclusive, recorrer a medicamentos prescritos pelo cirurgião-dentista em casos especiais.

Na opinião da especialista, a gengivite também incomoda muita gente ainda – sendo que poucos recorrem na hora certa ao cirurgião-dentista para tratar inflamações. O ideal é buscar ajuda especializada sempre que inchaço, vermelhidão e sangramento persistirem por mais de dez dias. “Uma gengiva infectada cria uma espécie de bolso entre ela e os dentes, facilitando com que essa região seja infectada. Caso não seja tratado a tempo, o problema pode resultar inclusive na perda do dente. Novamente, a melhor prevenção para casos de gengivite é melhorar a higienização bucal, fazendo uso de uma escova com cerdas macias e fio dental sempre. Visitas regulares ao cirurgião-dentista também contribuem para evitar a doença periodontal”.

O câncer de boca é, na opinião de Kátia Izola, a doença bucal mais grave que pode acometer quem já passou dos 50 anos. De acordo com o Inca (Instituto Nacional do Câncer), estão previstos mais de 15 mil novos casos da doença até o final de 2016 – acometendo mais homens do que mulheres, na proporção 3:1. Trata-se de um tipo de câncer que afeta lábios e interior da cavidade oral. “O principal sintoma do câncer de boca é o aparecimento de feridas que não cicatrizam dentro de uma semana. Manchas brancas, vermelhas ou pretas, além de sangramento e dificuldade para engolir alimentos também são sinais relevantes. Por isso, é importante sempre contar com um profissional da Odontologia para observar a gengiva, a mucosa das bochechas, o céu da boca, a língua e o assoalho – que é a região abaixo da língua. Afinal, esse tipo de câncer tem um prognóstico mais favorável quando diagnosticado bem no início”.

Saúde

Ministro vai propor substituir cubanos por médicos formados pelo Fies

Publicado

em

[responsivevoice_button voice=”Brazilian Portuguese Female

O ministro da Saúde, Gilberto Occhi, vai propor ao presidente eleito Jair Bolsonaro chamar médicos formados usando recursos do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) para substituir os cubanos que estão sendo retirados do programa Mais Médicos.

“Chamar os estudantes formados pelo FIES é uma alternativa que consideramos. Devemos ter uma reunião na próxima semana com a equipe de transição. Essa é uma das propostas que vamos apresentar”, disse Occhi durante a inauguração de um Centro Especializado em Reabilitação (CER) em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

O ministro não explicou, no entanto, como seria feita essa chamada específica dos médicos formados com recursos do Fies. A proposta já tinha sido levantada anteriormente, mas não havia sido sugerida ao novo governo.

O ministro informou que o edital de seleção será lançado ainda em novembro. “Vamos lançar o edital na próxima semana, segunda ou terça-feira. Nossa intenção é que, à medida que surgirem vagas, os médicos brasileiros, com CRM brasileiro, já possam fazer opção. Em um segundo momento, vamos abrir para médicos brasileiros formados no exterior. Acreditamos que existe um universo de 15 a 20 mil médicos aptos a participarem do edital”, disse Occhi. (Do Blog do Magno)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram. Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Saúde

Um exame de sangue que detectaria precocemente diferentes tipos de câncer

Publicado

em

Cientistas desenvolvem um teste sanguíneo para diagnosticar tumores no início, quando a chance de cura é mais alta. E os primeiros resultados animaram.

Pense em um exame de sangue que pode detectar precocemente o câncer. Mais: em uma única coleta, você já se preveniria contra diferentes tipos de tumor, alguns dos quais até hoje não contam com esquemas de rastreamento eficazes.

Pois esse é o potencial de um método desenvolvido por instituições canadenses, americanas e francesas. E tem dedo brasileiro nessa história: o trabalho é chefiado pelo imunologista Daniel de Carvalho, do Princess Margaret Cancer Centre.

Então vamos aos detalhes dessa promessa. Atualmente, já é possível confirmar o diagnóstico de um ou outro tipo de câncer e acompanhar suas evoluções com exames de sangue batizados de biópsias líquidas. Essa técnica basicamente analisa pedacinhos microscópicos da doença (DNA tumoral, fragmentos de células…) que se desprenderam e caíram na circulação.

No momento, ela é utilizada no Brasil para monitorar determinados casos de câncer de pulmão, enquanto, nos Estados Unidos, também já foi aprovada para câncer de mama, intestino e próstata. No entanto, repare que a biópsia líquida atual ajuda a confirmar os resultados de exames feitos anteriormente e vigiar o desenvolvimento da enfermidade – não detectá-la nos primeiros passos.

Continue lendo

Saúde

Receitas médicas serão válidas em todo o território nacional

Publicado

em

Lei vale também para os medicamentos sujeitos ao controle sanitário especial.

As receitas de medicamentos serão válidas em todo o território nacional, independentemente da Unidade da Federação em que forem emitidas. É o que determina a Lei nº 13.732, sancionada na última sexta-feira (9) pelo presidente Michel Temer.

O texto sancionado altera a Lei nº 5.991, de 17 de dezembro de 1973, que trata do Controle Sanitário do Comércio de Drogas, Medicamentos, Insumos Farmacêuticos e Correlatos.

A medida entrará em vigor 90 dias após a sanção e será válida, inclusive, para os medicamentos que estiverem sujeitos ao controle sanitário especial. Com informações do Portal Brasil.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram. Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo
Propaganda

Trending