Conecte-se Conosco

Esporte

Follmann será transferido neste sábado para Chapecó

Publicado

em

goleiro_chapeco

Goleiro da Chapecoense comemorou recuperação também nas redes sociais.

O goleiro Jakson Follmann, um dos sobreviventes do desastre aéreo da Chapecoense na Colômbia, deverá ser transferido na manhã deste sábado (17) do Hospital Albert Einstein, em São Paulo, para o Hospital Unimed, em Chapecó. A informação é do hospital paulista, que divulgou boletim médico neste sábado.A transferência está prevista para as 9h40, mas o hospital não soube dizer se Follmann havia deixado o local no horário.

Ele deverá ser removido em um helicóptero da Uniair/Unimed até o aeroporto de Congonhas, de onde partirá em avião equipado para o traslado de pacientes até a cidade de Chapecó. No trajeto, usará um colar cervical rígido e manterá os curativos na perna esquerda e no coto da amputação (direita).

Ainda segundo o boletim, a equipe do Einstein seguirá acompanhando a recuperação de Follmann. “Até que o paciente esteja apto para ir de alta para sua casa, haverá o contato diário das equipes do Einstein, lideradas pelo Dr. Jorge Roberto Pagura, com as equipes da Unimed Chapecó, a cargo do Dr. Marcos Sonagli”, informa a nota. O jogador comemorou as recuperação nas redes sociais.

Continue lendo
Clique para comentar

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esporte

A Champions começa hoje; tudo o que você precisa saber

Publicado

em

O maior campeonato de clubes do mundo começa nesta terça-feira.

espera terminou. A nova edição da Liga dos Campeões começa nesta terça-feira(18), e contará com uma primeira fase cheia de emoção com grandes jogos. Esta temporada, a UEFA introduziu várias novidades que prometem tornar a competição ainda mais competitiva. 

Mais do que um campeonato de clubes, a Champions é uma grande prova para todos os jogadores que ambicionam chegar mais longe.

Mas vamos por partes. 

Quem são os favoritos à conquista? 

Com a fase de grupos saindo, desde já começam as apostas para apontar eventuais favoritos para chegar à final e levantar o tão ambicionado troféu. 

O Real Madrid seria, à princípio, o natural favorito. O histórico é indiscutível: sete Champions [no novo formato] na sala de troféus. No entanto, as casas de apostas dão o favoritismo a outros dois gigantes do futebol mundial: Manchester City e Barcelona. 

Tendo em conta as odds apresentadas pela 1Xbet e a bet365, o campeão inglês e o campeão espanhol são as equipes que estão mais perto de vencer a Champions. Mas há mais candidatos. A Juventus, de Cristiano Ronaldo, o PSG e o Bayern Munique também entram nestas contas. 

Equipas 1Xbet bet365
Barcelona 7.00 6.00
Manchester City 7.00 6.50
Real Madrid  8.50 7.50
PSG 9.50 7.50
Bayern Munique 8.50 7.50
Juventus  9.50 8.00
Liverpool  17.00 15.00
Atlético de Madrid  15.00 15.00
Manchester United 18.00 15.00
Tottenham  30.00 26.00
Nápoles  46.00 41.00
Borussia Dortmund 56.00 41.00
AS Roma 56.00 41.00

Quanto ganham as equipes? 

A grande novidade da UEFA nesta nova Liga dos Campeões reside nos prêmios monetários. Só por estarem nesta fase de grupos, as equipes recebem 15,5 milhões de euros (75 milhões de reais). Este montante aumentará se o desempenho for positivo. Ou seja, cada vitória vale um prêmio de 2,7 milhões de euros (13 milhões de reais) e cerca de 900 mil euros por empates (4 milhões de reais).

View image on Twitter
Assim, e caso uma equipe consiga vencer todos os jogos na fase de grupos – seis jogos – consegue recolher um total de 16,2 milhões de euros (78 milhões de reais), sendo este valor somado ao já ‘creditado’ pela entrada na competição. 

Como é natural, os valores começam a ser mais elevados quando a competição entra na fase eliminatória: 

Por sua vez, o goleiro do FC Porto também merece nota de destaque. Porquê? Pois bem, Casillas já faz parte da história da Liga dos Campeões por ser o jogador com mais jogos realizados na prova: 167 partidas. 

O palco da final 

No dia 1º de junho, a final desta edição da Liga dos Campeões será realizada em Madrid, na nova casa do Atlético de Madrid. O Wanda Metropoliano é um palco que tem tudo para acolher uma final digna de Champions. Inaugurado a 16 de setembro de 2017, o Wanda tem capacidade para 70 mil pessoas. 

Notícias ao MinutoO Wanda Metropoliano será palco da final da Champions no dia 1 de junho. © Reuters Pictures

O calendário 

Se gosta de se organizar por datas, deve começar a tirar nota disto. Aqui está o calendário da Champions dividido por fases.  

18/19 de Setembro: 1ª rodada;

2/3 de Outubro: 2ª rodada;

23/24 de Outubro: 3ª rodada;

6/7 de Novembro: 4ª rodada;

27/28 de Novembro:  5ª rodada;

11/12 de Dezembro: 6ª rodada;

Fase a eliminar 

17 de Dezembro: Sorteio das oitavas-de-final;

12/13/19/20 de Fevereiro: Oitavas-de-final, 1ª mão;

5/6/12/13 de Março: Oitavas-de-final, 2ª mão;

15 de Março: Sorteio das quartas-de-final e das meias-finais;

9/10 de Abril: Quartas-de-final, 1ª rodada;

16/17 de Abril: Quartas-de-final, 2ª rodada;

30 de Abril/1 de Maio: Semifinais, 1ª rodada;

7/8 de Maio: Semifinais, 2ª rodada;

1 de Junho: Final disputada no Wanda Metropolitano, em Madrid.

Continue lendo

Esporte

Corinthians vira na Arena, continua na parte de cima da tabela e mantém o Sport no Z-4

Publicado

em

Corinthians vira na Arena, continua na parte de cima da tabela e mantém o Sport no Z-4.

VIRA, VIROU

O Corinthians venceu o Sport de virada por 2 a 1 na noite deste domingo, na arena de Itaquera, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. Foi a primeira vitória do Timão sob o comando Jair Ventura no terceiro jogo do técnico. O resultado manteve o time paulista na parte de cima da tabela, agora a nove pontos do G-6 e a oito do Z-4. O Leão, que terminou na frente do placar no primeiro tempo, perdeu a chance de sair da zona de rebaixamento, permanecendo na penúltima posição – veja aqui a classificação

PRIMEIRO TEMPO

Jair Ventura não conseguiu fazer o Corinthians ser perigoso em seu primeiro jogo em Itaquera. Jadson, jogador mais criativo do time, até teve liberdade no início – e dessa maneira, Roger teve duas chances claras de abrir o placar, sem sucesso. O Sport surpreendeu com marcação alta, assustando os zagueiros corintianos, que não conseguiam sair jogando. Aos poucos, os pernambucanos equilibraram a partida, lançaram bolas na área e, numa disputa de Henrique com Hernane Brocador, conseguiram um pênalti. O mesmo Hernane bateu e abriu o placar, aos 21 minutos. Depois disso, o Timão tocou, tocou e pouco fez.

SEGUNDO TEMPO

O Corinthians continuou com dificuldades no segundo tempo, mas com uma alteração: Mateus Vital substituiu Douglas e deixou o time mais ofensivo, num 4-1-4-1. Com isso, o Sport se fechou ainda mais e permitiu que o rival criasse chances – quase sempre quando Jadson conseguia se livrar da marcação. Sem forçar a qualquer custo, o Timão manteve a calma e empatou com o próprio Jadson, aos 13 minutos, um golaço de canhota. Tomando conta do jogo, a equipe da casa rondou a área, finalizou mais vezes, mas só chegou à virada aos 43, com Danilo Avelar. Vitória que dá alívio a Jair Ventura em seu início de trabalho. (Do GE)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.


Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram. Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Esporte

São Paulo empata com o Santos e assume a ponta do Brasileirão

Publicado

em

Em jogo de pouca emoção, Santos e São Paulo não saíram do 0 a 0 na tarde deste domingo.

Em jogo de pouca emoção, Santos e São Paulo não saíram do 0 a 0 na tarde deste domingo, na Vila Belmiro, em duelo válido pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro. O resultado não ajudou muito nenhuma das equipes, mas acabou sendo mais comemorado pelos visitantes.

O ponto conquistado garantiu aos são-paulinos a liderança provisória na tabela, com 50 pontos, um à frente do Internacional, que só entra em campo nesta segunda-feira, contra a Chapecoense, na Arena Condá, em Chapecó (SC). Já os donos da casa desperdiçaram a chance de colar no G6. Permanecem na oitava posição, com 32 pontos, mas podem ser ultrapassados ainda neste domingo pelo Corinthians, que encara o Sport às 19 horas em sua arena.

Na próxima rodada, o time de Cuca sai da Baixada Santista para visitar o Cruzeiro no Mineirão, domingo que vem, às 19h. Um dia antes, a equipe de Diego Aguirre recebe o América-MG no Morumbi, a partir das 16h.

O JOGO – Com suas formações titulares praticamente completas, Cuca e Aguirre mandaram as equipes a campo com propostas bem distintas. O técnico santista quis acelerar com o paraguaio Derlis González e o garoto Rodrygo pelas pontas. O são-paulino, sem seus dois laterais-direitos, optou por um esquema reativo com três zagueiros. O equatoriano Arboleda ficou encarregado de jogar mais aberto.

A ideia dos visitantes era bem clara: tirar a velocidade do jogo, ciente da principal característica do ataque adversário. No início, parecia que não funcionaria, especialmente porque a linha de três zagueiros batia um pouco de cabeça na hora de um deles deixar a formação para dar o primeiro bote. Não à toa, com cinco minutos de jogo, Bruno Alves já estava amarelado após falta mais forte em Rodrygo, justamente quando tentou adivinhar o movimento do oponente e errou o tempo de bola.

Aos poucos, porém, o próprio Santos foi tirando o pé do acelerador e permitindo ao São Paulo equilibrar a partida na base da força física – Jucilei se destacou nesse aspecto. Na verdade, nenhuma das equipes criou chances claras de gol, apesar de os anfitriões terem rondado mais a área rival. Gabriel, artilheiro do Brasileirão com 12 gols, mal encontrou espaço para finalizar.

Ao fim da etapa inicial, Aguirre ainda recebeu péssima notícia: Everton, de volta à equipe após três jogos fora por conta de uma lesão muscular, voltou a sentir o problema e foi substituído por Liziero.

A dinâmica da parte final do San-São mostrou um jogo mais pobre tecnicamente, com as duas equipes sofrendo para criar do meio para frente. Até os 20 minutos, Sidão e Vanderlei eram meros espectadores na Vila.

Cuca, então, tentou mudar algo no seu time ao trocar Derlis González pelo estreante Felippe Cardoso, contratado da Ponte Preta. A ideia era explorar um pouco mais do jogo aéreo. Mas quem acabou ajudando o Santos foi Arboleda. Aos 28, o zagueiro perdeu uma disputa com Rodrygo, que saiu na cara de Sidão. A conclusão, porém, foi para fora, na melhor chance da partida.

Aos 31, então, foi a vez de Aguirre buscar alguma alternativa. Tirou Diego Souza, peça praticamente nula no jogo, e apostou no colombiano Tréllez. Instantes depois, o Santos mexeu de novo: saiu Carlos Sánchez, entrou Bruno Henrique.

Apesar das substituições, o que chamou mais a atenção foi a quantidade de cartões amarelos mostrados pelo árbitro Ricardo Marques Ribeiro: 12 ao todo, sendo sete para o Santos e cinco para o São Paulo. Um retrato do que acabou sendo o jogo: sobrou força, disposição e reclamação, faltou inspiração e técnica.

FICHA TÉCNICA

SANTOS 0 x 0 SÃO PAULO

SANTOS – Vanderlei; Victor Ferraz, Robson Bambu, Gustavo Henrique e Dodô; Alison, Carlos Sánchez (Bruno Henrique). e Diego Pituca (Felippe Cardoso); Derlis González, Gabriel e Rodrygo (Arthur Gomes). Técnico: Cuca.

SÃO PAULO – Sidão; Arboleda, Bruno Alves e Anderson Martins; Hudson, Jucilei, Nenê e Reinaldo; Rojas (Everton Felipe), Diego Souza (Tréllez) e Everton (Liziero). Técnico: Diego Aguirre.

ÁRBITRO – Ricardo Marques Ribeiro (MG).

CARTÕES AMARELOS – Alison, Bruno Henrique, Derlis González, Diego Pituca, Gustavo Henrique, Robson Bambu e Victor Ferraz (Santos); Anderson Martins, Arboleda, Bruno Alves, Hudson e Rojas (São Paulo).

RENDA E PÚBLICO – não disponíveis.

LOCAL – Estádio da Vila Belmiro, em Santos (SP).

 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.


Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram. Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Trending