Conecte-se Conosco

Educação

Preconceito e modernização indígena: veja como foi a prova do vestibular da Unicamp

Publicado

em

Candidatos do inédito vestibular realizado pela Universidade de Campinas tiveram cinco horas para responder 50 questões alternativas e escrever uma redação na fase única realizada neste domingo (2).

Assim como o prometido, a prova do primeiro vestibular para indígenas da Unicamp, aplicada neste domingo (2), levou em consideração o cotidiano e experiências dos candidatos, com enunciados curtos e diretos. Foram abordados temas como preconceito e modernização dos povos índigenas. [veja algumas das questões abaixo]

Em uma das questões, a Unicamp contrapõe a informação de que projetos de lei no Congresso Nacional pretendem endurecer as regras contra as invasões de terra com a imagem de uma indígena que questiona quando os territórios de seus povos serão desocupados.

As mudanças dos hábitos alimentares de indígenas, influenciados após o contato com a população em geral, também estão presentes em duas questões.

Diferentemente do processo seletivo tradicional, dividido em duas fase, os candidatos tiveram cinco horas para responder 50 questões alternativas e escrever uma redação de uma fase única. O teste agradou aos candidatos.

“A prova serviu para mostrar que mesmo em áreas distantes das metrópoles existem jovens que procuram ingressar uma universidade. A Unicamp está proporcionando a oportunidade pra gente construir um novo caminho, uma profissão”, destacou a candidata Daniela Patrícia Villegas Barbosa.

Candidatos ao vestibular indígena da Unicamp esperam prova começar em São Gabriel da Cachoeira, no Amazonas — Foto: Cássio Ribeiro/EPTV

Candidatos ao vestibular indígena da Unicamp esperam prova começar em São Gabriel da Cachoeira, no Amazonas — Foto: Cássio Ribeiro/EPTV

Redação

Em relação a redação, a prova apresentou duas propostas, uma de texto argumentativo, no qual o candidato deveria criar um texto expressando sua opinião, e outra de narrativa, onde o aluno tinha à disposição de dois irmãos visitando uma aldeia indígena e eles deveriam completá-la. Confira os enunciados:

Texto argumentativo

  • “Imagine a seguinte situação: um jornal de grande circulação no Estado em que você mora publicou uma matéria com o título “Índios estão perdendo suas culturas: eles agora preferem ver televisão, usar celular e navegar na Internet!”.

Após ler a matéria, você decidiu escrever um texto expressando sua opinião sobre o assunto, para ser publicado nesse mesmo jornal.

Narrativa

  • “Flávio e Roberto são dois irmãos, nascidos e criados em Goiás. Flávio fez faculdade em Goiânia e voltou para sua cidade, onde dá aulas de História no Ensino Médio. Roberto seguiu a vocação do pai e se dedicou à lavoura, tornando-se um produtor de soja no cerrado.
  • Os dois irmãos sempre gostaram de pescar e todo ano tiram férias para uma viagem de pescaria. No ano passado decidiram fazer sua pescaria anual em um rio do Estado de Mato Grosso. Bem equipados, partiram em uma camionete. Depois de centenas de quilômetros, chegaram ao local escolhido. Montaram acampamento na beira do rio e dormiram, exaustos, a primeira noite.
  • No manhã seguinte, encontraram um outro pescador acampado perto do rio. Conversando com ele ficaram sabendo que estavam acampados na divisa de uma área indígena. O homem disse a eles que, atravessando o rio, com mais dois quilômetros de caminhada chegariam a uma aldeia. Cheios de curiosidade, os dois irmãos decidiram que, no dia seguinte, iriam conhecer a aldeia.”

Continue essa história, relatando a visita dos irmãos à aldeia indígena, a recepção e as conversas que tiveram lá e suas descobertas.

Confira questões da prova

Questões do primeiro vestibular da Unicamp para indígenas, realizado neste domingo (2) — Foto: Comvest/Divulgação

Questões do primeiro vestibular da Unicamp para indígenas, realizado neste domingo (2) — Foto: Comvest/Divulgação

Questões do 1º vestibular indígena da Unicamp, realizado neste domingo (2) em cinco cidades do Brasil — Foto: Comvest/Divulgação

Questões do 1º vestibular indígena da Unicamp, realizado neste domingo (2) em cinco cidades do Brasil — Foto: Comvest/Divulgação

Vestibular indígena da Unicamp teve 50 questões e será disputado em fase única — Foto: Comvest/Divulgação

Vestibular indígena da Unicamp teve 50 questões e será disputado em fase única — Foto: Comvest/Divulgação

Segundo a Unicamp, serão desclassificados os candidatos que não acertarem, no mínimo, dez questões de múltipla escolha e não obtiverem, no mínimo, 5 dos 25 pontos de Redação — Foto: Comvest/Divulgação
Segundo a Unicamp, serão desclassificados os candidatos que não acertarem, no mínimo, dez questões de múltipla escolha e não obtiverem, no mínimo, 5 dos 25 pontos de Redação — Foto: Comvest/Divulgação
Por Fernando Evans, G1 Campinas e região

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram. Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Educação

UFPE está entre as 10 melhores universidades de Engenharia Civil do país

Publicado

em

Universidade Federal de Pernambuco está entre as 10 melhores do país.

Pensando em prestar vestibular para o curso Engenharia Civil? Uma boa notícia: as 10 melhores faculdades do ranking são públicas e a Universidade Federal de Pernambuco é uma delas. O ingresso nessas instituições acontece através do vestibular tradicional, como é o caso da Fuvest na USP, com a nota do Enem ou através dos programas do Governo como o Sisu, que possibilita o acesso às vagas de instituições públicas do ensino superior, e Fies – programa de financiamento estudantil. 

Quem pretende estudar em uma faculdade particular, também pode tentar o Prouni, projeto que disponibiliza bolsas de estudo integrais e parciais em instituições privadas. Para conseguir uma vaga através das iniciativas governamentais é necessário preencher uma série de requisitos, relacionados a escolaridade e renda familiar. 

Como são bastante concorridas e nem todos os estudantes se enquadram nessas exigências, uma alternativa para ter desconto na mensalidade de Engenharia Civil é aderir a uma bolsa de estudo de programas como o Educa Mais Brasil, focado na inclusão educacional. A inscrição é gratuita e realizada no site (https://www.educamaisbrasil.com.br/folhape) Encontre a sua bolsa de estudo de Engenharia Civil e dê o primeiro passo para uma carreira de sucesso. 

A lista a seguir foi criada com base no Ranking Universitário Folha (RUF) que, anualmente, analisa as melhores faculdades e cursos do país. Para isso, o RUF utiliza os indicadores de Pesquisa, Mercado, Ensino, Internacionalização e Inovação. Com base no ranking, conheça o ranking de melhores faculdades públicas Engenharia Civil:

1. Universidade de São Paulo (USP)
2. Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ)
3. Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
4. Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP)
5. Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
6. Universidade Federal do Paraná (UFPR)
7. Universidade de Brasília (UNB)
8. Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
9. Universidade Federal de São Carlos (UFSCAR)
10. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP)

(Por Folha PE)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Educação

Cartão de inscrição do vestibular do IFPE ainda não foi acessado por 25% dos candidatos

Publicado

em

Um em cada quatro candidatos do vestibular do Instituto Federal de Pernambuco (IFPE), marcado para o próximo domingo (16), ainda não acessou o cartão de inscrição, segundo a comissão organizadora do concurso. Significa que cerca de 6 mil estudantes (uma média de 25%), de um universo de 25 mil inscritos, ainda não sabem o local em que farão as provas. A apresentação do documento é obrigatória.

Além do cartão, o candidato deverá mostrar um documento oficial de identificação com foto e em bom estado de conservação. Os testes, de acordo com o manual do vestibular, devem ser respondidos com caneta esferográfica preta.

Clique aqui para acessar o cartão.

Para os cursos técnicos, as provas terão três horas de duração, das 9h às 12h. Os concorrentes dos cursos superiores terão avaliação das 9h às 13h, ou seja, com quatro horas de duração.

Matemática, português e conhecimentos gerais serão as três provas para os candidatos dos cursos técnicos, cada uma com 10 questões.

A seleção para os cursos superiores terá uma redação e mais 50 questões objetivas, sendo 10 quesitos de português, 10 de matemática e 5 de cada uma das seguintes disciplinas: língua estrangeira, física, química, biologia, história e geografia.

O vestibular oferece 4.538 vagas, distribuídas entre 65 cursos técnicos e superiores em 16 unidades acadêmicas (Abreu e Lima, Afogados da Ingazeira, Barreiros, Belo Jardim, Cabo de Santo Agostinho, Caruaru, Garanhuns, Igarassu, Ipojuca, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Palmares, Paulista, Pesqueira, Recife e Vitória de Santo Antão).

Entre os técnicos integrado,o mais disputado é segurança do trabalho, no turno da manhã, no Recife, com 38,30 candidatos por vaga.

Na modalidade técnico subsequente, o curso mais concorrido é o enfermagem de Belo Jardim, com 17,37 candidatos por vaga.

Análise e desenvolvimento de sistemas, oferecido no Recife, é o preferido dos cursos superiores. Cada vaga será disputada por 18,89 estudantes. (Por PE notícias)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Educação

IF Sertão-PE de Serra Talhada abre inscrições para curso de Edificações na modalidade PROEJA nessa terça-feira

Publicado

em

As inscrições para o curso de Edificações na modalidade de Educação de Jovens e Adultos (PROEJA) do Campus Serra Talhada do IF Sertão-PE serão abertas nessa terça-feira, 11. A informação consta no Edital n° 17/2018, referente ao processo seletivo para ingresso no primeiro semestre de 2019. Os cadastros podem ser feitos via internet, neste link.

O campus oferece 35 vagas no período noturno. A modalidade exige que o candidato não possua Ensino Médio completo e deseje concluí-lo juntamente com uma formação técnica, no caso, Edificações.

Os candidatos serão avaliados pelo histórico escolar dos anos finais do Ensino Fundamental, usando como critério a média geral nas disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática. Pode participar somente quem concluiu o Ensino Fundamental ou a 4ª fase da Educação de Jovens e Adultos (EJA). A idade mínima requisitada é 18 anos. (Do Blog Alvinho Patriota)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

 

 

Continue lendo
Propaganda

Trending