Conecte-se Conosco

Veículos

Volkswagen deve pagar mais US$ 1 bilhão por fraude em motores 3.0

Publicado

em

Resultado de imagem para vw

A Volkswagen (VW) deverá pagar cerca de US$ 1 bilhão no acordo anunciado nesta terça-feira (20) para indenizar os donos dos últimos 80.000 automóveis com dispositivos para fraudar o o controle de emissões de poluentes.

Essa quantia cobrirá a recompra, reparação e cancelamento dos leasing de automóveis a diesel de 3 litros, além de incluir 225 milhões de dólares para mitigar a poluição, disse Cynthia Giles, diretora da agência ambiental dos Estados Unidos (EPA)

No final de outubro, uma corte americana estipulou a indenização recorde de 15 bilhões de dólares, que abarcava quase meio milhão de veículos a diesel de 2 litros equipados com esse programa.

O plano anunciado nesta terça-feira ainda precisa ser autorizado pela Justiça e será aplicado aos carros a diesel de 3 litros, incluídos os Porsche e Audi, também fabricados pela VW e que não estavam incluídos no acordo inicial.

(Da France Presse)

Veículos

Grupo Parvi aprimora gestão de vendas e pós-vendas e marketing digital em 7 concessionárias Hyundai

Publicado

em

Grupo inicia expansão da solução de pós-vendas para outras marcas
Conquistar o cliente na venda e aprimorar o relacionamento no pós-vendas é essencial para uma empresa se manter em crescimento e sólida dentro do mercado automotivo. Por isso, o Grupo Parvi, com atuação Norte e Nordeste no Rio de Janeiro e Brasília – resolveu melhorar a gestão de clientes com soluções da Syonet, líder em CRM para concessionárias, e com ações de marketing digital da Lead Force, agência especializada em marketing digital de performance.
Formado por uma rede de concessionárias com mais de 70 lojas no Brasil, o Grupo Parvi já está utilizando há seis meses os módulos de vendas e pós-vendas do CRM da Syonet. “O sistema de CRM da Syonet é muito intuitivo, fácil de usar e a visualização dos relatórios e KPIs é muito boa. Queríamos eliminar de vez as planilhas e ter acesso on-line as informações de vendas. Outro benefício que ganhamos foi a criação e disparos de campanhas por SMS, e-mail e outros”, explica o diretor Hyundai do Grupo Parvi, Amaury Pedrosa.
No pós-vendas, o agendamento para oficina se tornou mais robusto e a pesquisa de satisfação passou a gerar mais assertividade na retenção. ”Agora, realizamos com maior facilidade o contato de pós-vendas, usando e-mail, SMS, outros canais, além do contato telefônico. Isso nos ajudou a reduzir custos, garantir flexibilidade e aumentar a produtividade dentro da empresa”, explica Pedrosa.
Outra vantagem do módulo de pós-venda foi que as concessionárias Hyundai do Grupo Parvi passaram a ter uma previsão do faturamento mensal, o que facilita o planejamento dos próximos passos com clientes e prospects. O Syonet já apresenta melhorias muito significativas tanto na geração de leads e vendas quanto nos canais de agendamento de oficina e pesquisa de satisfação.
Marketing digital
Já na área de marketing digital, a Lead Force reformulou o site da Hyundai, seguindo o guideline da montadora, para atender de maneira mais responsiva o cliente. A gestão dos leads nas campanhas do Google garantiu uma redução em 20% do custo porlead, o que permitiu reinvestir em mais anúncios. Além disso, a introdução do chat robô ofereceu a possibilidade de atender clientes mesmo fora do expediente.
“Diante do tamanho gigantesco do Grupo PARVI está sendo um grande e prazeroso desafio poder atender todo o Grupo. Para mim fica muito mais fácil poder resolver todos os desafios e problemas deste projeto, porque tanto a Syonet como a Lead Force, são empresas na qual eu tenho total autonomia e isto gera grandes benefícios para todos, principalmente para o cliente. Soluções de CRM dependem muito de soluções de marketing digital e vice-versa, ou seja, conseguimos atuar desde a geração do lead até a conversão dele e por consequência temos o ROI (Retorno sobre o Investimento) com base real no faturamento”, explica o diretor da Syonet e Lead Force, Isac Campos.
Próximos passos
A partir dos resultados conquistados, o Grupo Parvi já está implantando o módulo de pós-venda do Syonet nas outras marcas (Ford, Volkswagen, Fiat, Jeep, Renault, Nissan, Land Rover, Jaguar, Mercedes-Benz Automóveis e Caminhões) e que deve entrar em operação até novembro deste ano.

Isac Campos, diretor da Syonet e Lead Force

Sobre a Syonet

A Syonet é uma empresa com sede em Montenegro (RS), São Paulo (SP) e Recife (PE), que existe há 15 anos e atualmente atende mais de 1.300 clientes e conta com uma equipe com mais de 90 profissionais. A empresa tem o quadro societário com larga experiência no setor automotivo e parte dos funcionários também já atuou no segmento. Graças a sua liderança no mercado de CRM para o setor automotivo, a Syonet possui clientes em todos os estados brasileiros, nos setores automotivo, financeiro e industrial. Também atua na Argentina, Chile, México e, em 2019, chegará aos EUA. Veja mais informações em: www.syonet.com.br.

 

Sobre a Lead Force

A Lead Force é uma plataforma convergente multicanal de marketing e estratégia digital automotivo que mais gera e converte leads no Brasil. É uma ferramenta on-line que otimiza e facilita a criação e distribuição do conteúdo por você mesmo, sem ter que ficar esperando e dependendo de agência.  Alteração de preço, ofertas, modelos, serviços, agendar e postar nas redes sociais e tudo o que você precisar você mesmo pode fazer sem ter que solicitar à agência ou a um programador. Mais informações em www.leadforce.com.br

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram. Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Destaque

Com visual esportivo, Jetta GLi 2019 é flagrado em aeroporto

Publicado

em

Com visual esportivo e exclusivo, o Jetta GLi 2019 foi flagrado num aeroporto no México e divulgado pelo canal Depo AutoLamp México, que divulgou as fotos no Twitter. Algumas unidades de cor cinza, preta e vermelha foram vistas sobre plataformas para embarque em aeronaves de carga.

Parcialmente camuflado com proteção também para viagem, o Jetta GLi 2019 aparece com belas rodas esportivas que aparentemente parecem aro 18 polegadas. O conjunto ótico frontal não poderia ser diferente, compreendo dois projetores de LED e luzes diurnas em LED envolventes, item usado em versões mais completas vendidas no México e EUA.

Chama atenção também o para-choque traseiro com duas saídas de escape cromadas , reforçando a pegada esportiva dessa versão do Jetta, que não conseguiu esconder a identificação GLi sobre a camuflagem. Por dentro, dois detalhes importantes: volante esportivo com fundo chato e badge “GLi”, sendo revestido em couro com costuras vermelhas.

O outro é o pedal esportivos com detalhes metálicos, mas também é possível notar o banco em couro com padronagem diferenciada no assento do passageiro. Obviamente, os bancos são mais envolventes e elaborados nessa versão GLi, que tem como característica principal a esportividade.

Equipada com motor 2.0 TSI de 230 cavalos e 35,7 kgfm, conforme confirmado pela VW na Argentina, o Jetta GLi deverá ser um “Golf GTI com porta-malas”, conforme dito pelo designer brasileiro José Carlos Pavone para o site Autoblog Argentina. O câmbio automático de seis ou oito marchas cede lugar ao DSG de sete velocidades, o que contribui especialmente para a performance.

Além disso, o Jetta GLi 2019 terá suspensão traseira multilink e, como pode ser observado discretamente no volante, terá os paddle shifts, faltantes nas versões Comfortline e R-Line vendidas no Brasil com motor 1.4 TSI Flex de 150 cavalos e 25,5 kgfm. Sem dúvida, a diferença de performance entre os dois deverá ser muito grande.

 

Para os brasileiros, fica a expectativa de uma futura versão Highline com a mesma motorização do GLi, já que esta proposta esportiva não deverá vir ao Brasil, conforme a VW já insinuou na Argentina.

[Fotos: Bepo AutoLamp/Fonte: Argentina Autoblog/El Carro Colombiano]

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.


Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Destaque

‘Carro dos Flintstones’ é flagrado no Rio de Janeiro

Publicado

em

Vídeo mostra que motorista consegue colocar um dos pés para fora por meio de um buraco no chão do veículo, cuja última vistoria foi feita em 2013.

Um vídeo que circula nas redes sociais desde a última segunda-feira (24) mostra o quanto o sistema de vistoria do Detran-RJ pode ser ignorado. Motoristas flagraram um carro cujo condutor consegue colocar o pé para fora do veículo por meio de um furo no chão.

O flagrante foi feito quando o carro – um Chevette 1976, placa KTQ-9469, de São Gonçalo – foi flagrado enquanto passava pelo Viaduto de Campo Grande. No registro, é possível ver que o motorista coloca o pé esquerdo para fora, por baixo do veículo.

Quem faz o vídeo se surpreende: “Se eu contar ninguém acredita. É o carro dos Flintstones”.

Ele faz uma referência à série de desenhos dos Estúdios Hanna-Barbera produzidos e apresentados nos Estados Unidos entre 1960 e 1966, também muito populares no Brasil. Nela, personagens que vivem na idade da pedra – os mais conhecidos são Fred Flintstone e Barney Rubble – utilizam um carro cujo deslocamento é feito pelos pés.

“Olha lá o pezinho. Tá fincado no chão. Parou, descansa o pé… Quando o trânsito anda, ele tem que levantar o pé pra botar na embreagem”, descreveu o autor do vídeo.

Última vistoria em 2013

Uma verificação feita no banco de dados do Detran-RJ mostra que o veículo passou por vistoria pela última vez em 2013. Movido a gasolina e também GNV, o veículo tem uma multa pendente desde 2006.

O artigo 230 do Código de Trânsito Brasileiro determina que circular com veículo em mau estado de conservação, comprometendo a segurança, ou reprovado na avaliação de inspeção de segurança e de emissão de poluentes e ruído (prevista no art. 104), equivale a infração grave.

Por essa infração, o motorista deve ser punido com a perda de cinco pontos na carteira de habilitação, além do pagamento de multa de R$ 195,23.

Por meio de sua assessoria de imprensa, o Detran-RJ enviou a seguinte nota:

“O Detran informa que os veículos precisam estar em bom estado de conservação para serem aprovados na vistoria anual. Como o último licenciamento foi em 2013, o veículo passou pelo crivo de um agente público que goza de fé pública e, como foi aprovado, não é possível contestá-lo. É obvio que um veículo nesse estado não seria liberado em uma ação de fiscalização de trânsito. Cabe ressaltar a importância da vistoria anual para que essa cena não se repita”.
(Do G1)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.


Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo
Propaganda

Trending