Conecte-se Conosco

Saúde

5 mitos sobre clareamento odontológico

Publicado

em

Dentes retos, bem delineados, claros e sem manchas são quase indispensáveis

Um levantamento do Google aponta que o Brasil é o segundo país que mais utiliza o site de pesquisas e o YouTube para buscar conteúdo relacionado a beleza, ficando atrás apenas dos Estados Unidos. Tal cuidado se afasta dos óbvios corpo saudável e cabelo bem-cuidado, e dá espaço também à busca pelo sorriso perfeito, o que vai além do aspecto “saúde” da coisa. Dentes retos, bem delineados, claros e sem manchas são quase indispensáveis: abrem portas, conquistam e trazem ótimas impressões.

Por conta disso, o clareamento odontológico é um negócio crescente a cada ano no Brasil e no mundo, ajudando pessoas a se sentirem mais confiantes para distribuir sorrisos. No entanto, o procedimento necessita da orientação e supervisão de um cirurgião-dentista, que fará uma avaliação dental para determinar qual a concentração ideal do gel a ser usado, a frequência das sessões e outros detalhes importantes.

De acordo com a Dra. Natalia Vasconcelos Sartoretto, dentista da Sartoretto Odontologia, existem dois tipos de tratamento que podem ser procurados pelos pacientes, como: caseiro, feito pelo próprio paciente em casa com orientação de um profissional onde ele utiliza uma placa de acetato, junto a uma seringa com o produto em uma concentração menor; e a laser, feito pelo cirurgião dentista, dentro do consultório, com um gel em que a concentração é maior e o tratamento é feito em um curto período de tempo. 

Para ficar por dentro do assunto e não cair direto na cadeira do dentista, confira abaixo cinco mitos sobre clareamento dental:

1. A MAIORIA DOS PACIENTES NÃO APRESENTA SENSIBILIDADE DURANTE OU DEPOIS DO TRATAMENTO

São grandes as chances de se desenvolver ou aumentar a sensibilidade no aparelho dentário durante as sessões de clareamento. “Isso acontece porque, o processo de clareamento dos dentes ocorre pro meio de produtos químicos, que seriam peróxido de carbamida, usado em clareamento caseiro, e o peróxido de hidrogênio, usado no clareamento de consultório. A sensibilidade ocorre, pois o produto causa uma desidratação passageira no esmalte do dente deixando os canaliculus dentinários expostos ao meio bucal, integrando o meio externo e o meio interno, por isso aumenta a sensibilidade” explica a dentista.

É importante, no entanto, enfatizar que tal desconforto é passageiro para a maioria dos pacientes, podendo sumir alguns dias após o término do tratamento.

2. NÃO HÁ RESTRIÇÕES ALIMENTARES

Para que o clareamento seja efetivo, deve-se evitar bebidas e alimentos muito pigmentados, que podem sujeitar os dentes a alterações de cor. Na seção de bebidas, é importante evitar café, chás preto e verde, refrigerantes e vinho tinto; entre as comidas, não ingerir tomates, cenouras, beterrabas, abóboras ou qualquer outro item que contenha carotenos (forte pigmento orgânico) em sua composição é o ideal.

3. PRODUTOS ABRASIVOS E MAIS BARATOS ENTREGAM O MESMO RESULTADO QUE O GEL DO BRANQUEAMENTO

A internet está cheia de métodos alternativos para resolver as mais variadas situações e o clareamento de dentes é uma delas. É possível encontrar numerosos depoimentos, dicas e vídeos de pessoas que utilizam formas diversas para deixar o sorriso mais branquinho, entre elas o uso de produtos abrasivos como pedra pomes e carvão.

Esses mesmos itens podem ser usados por dentistas em consultas odontológicas, quando há a necessidade de higienizar os dentes do paciente e remover com mais “facilidade” manchas superficiais.

O problema começa quando um leigo começa a utilizar de forma desenfreada esse tipo de produto, o que pode criar ranhuras no esmalte dos dentes, que é a “capa” que clareia o sorriso.

4. OS DENTES VÃO FICAR BRANQUÍSSIMOS APÓS O CLAREAMENTO

A especialista explica que nem sempre, já que o clareamento, como o próprio nome indica, age limpando a superfície do dente que é naturalmente translucida, transparente, deixando com que a luz passe com mais facilidade demonstrando a cor natural do dente que é dada pela dentina. E a dentina varia de cor, do branco, amarelo, acizentado até o marrom. Sendo assim, “se o paciente tem o dente com coloração mais puxada para o amarelo e para o branco, levantará da cadeira do dentista com o sorriso de um tom mais claro que o anterior, mas não necessariamente branco como uma porcelana” ressalta Dra. Natalia Vasconcelos Sartoretto.

Isso pode gerar uma leve frustração em pessoas que procuram por um sorriso de porcelana, mas não é algo que deva gerar abalo, já que o resultado final pode ficar igualmente satisfatório. Já os pacientes que tem os dentes que variam do cinza para o marrom não terão um resultado tão satisfatório.

Lembrando, que somente um cirurgião dentista poderá avaliar se o caso do paciente é para o clareamento ou para uma reabilitação estética com lente de contato, facetas ou coroas em porcelanas.

5. TODOS PODEM SE SUBMETER A SESSÕES DE CLAREAMENTO DENTAL

Nem todo indivíduo pode ou deve se sujeitar a um clareamento. As contraindicações incluem pessoas menores de 15 anos (afinal os dentes não estão totalmente formados ainda), pacientes que esteja passando por tratamentos médicos extremamente debilitantes e gestantes.

Além disso, pessoas que possuem restaurações demais na boca, coroas, facetas ou lentes de contato em porcelana também não devem se sujeitar a um clareamento, já que o gel não age em resina e porcelana e, assim, não atingirá o objetivo desejado. (POR NOTÍCIAS AO MINUTO)

 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo
Clique para comentar

Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
11 + 24 =


Saúde

ALEPE: Comissões aprovam projeto para reforçar divulgação dos direitos dos pacientes com câncer

Publicado

em

Um projeto que tem o objetivo de ampliar o conhecimento de pacientes com câncer sobre todos os direitos garantidos para eles, por lei, recebeu parecer favorável das comissões de Negócios Municipais e de Ciência e Tecnologia da Alepe, em reuniões remotas realizadas nesta quarta. A proposta é do deputado Joaquim Lira, do PSD, e determina que as unidades de saúde providenciem cartazes com alerta para garantias como isenção de imposto de renda, IPI e IPVA, prioridade no fornecimento de remédios e no andamento de processos judiciais, além de benefícios previdenciários.

Presidente do Colegiado de Negócios Municipais, o deputado Rogério Leão, do PL, elogiou a iniciativa. “Nós fomos autores de um projeto de lei que dá direito às pessoas que acompanham esses portadores, quando é o caso, a cinquenta por cento de desconto em todos os eventos artísticos, esportivos e culturais do Estado de Pernambuco, cinema, futebol, teatro, e muito poucas pessoas sabem disso”.

O texto, votado nos termos de um substitutivo da Comissão de Administração Pública, foi o único projeto discutido no Colegiado de Negócios Municipais. Já a Comissão de Ciência e Tecnologia aprovou outros dois PLs. Um deles aumenta as restrições para venda de materiais odontológicos. O projeto é assinado pelos deputados do PSB Roberta Arraes, Lucas Ramos e Adalto Santos, e pelo deputado Joaquim Lira, do PSD, atendendo a pedido das próprias entidades profissionais.

A outra matéria aprovada determina que os estabelecimentos que usam carnês de pagamento disponibilizem boletos digitais e faturas online enquanto durar a pandemia do coronavirus.  O texto é um substitutivo da Comissão de Justiça à proposta do deputado João Paulo Costa, do Avante.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Saúde

OMS anuncia retomada de testes com hidroxicloroquina para covid-19

Publicado

em

Após uma suspensão de 10 dias, os testes com a hidroxicloroquina serão retomados com 3.500 pacientes em 35 países, informou o diretor-geral.

Após a análise de um estudo publicado pela revista médico-científica The Lancet, Tedros Ghebreyesus Adhanom, diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), anunciou hoje (3) durante coletiva de imprensa que o grupo responsável pelos testes clínicos com substâncias que podem combater o novo coronavírus retomará os protocolos com a cloroquina e sua variante mais recente, a hidroxicloroquina. 

“Como vocês sabem, na última semana o Grupo Executivo dos Testes de Solidariedade [nome dado ao grupo de pesquisa que busca medicamentos eficazes contra o SARS-CoV-2] decidiu suspender o ramo de testes com hidroxicloroquina por preocupação no uso da droga. Essa foi uma decisão de precaução. Com base nos dados disponíveis, os membros recomendaram que não há razões para suspender o protocolo de testes”, afirmou Tedros.

Após uma suspensão de 10 dias (o anúncio foi feito em 25 de março), os testes com a hidroxicloroquina serão retomados com 3.500 pacientes em 35 países, informou o diretor-geral. Vários especialistas do mundo inteiro já haviam se manifestado contra a metodologia de mineração de dados usada pela Surgisphere – empresa responsável por coletar números para o estudo. “A OMS está comprometida em acelerar o desenvolvimento de terapias eficazes, vacinas e diagnósticos [contra a covid-19]  como parte do nosso compromisso em servir o mundo com ciência, resolução de problemas e solidariedade”, complementou.

A decisão vem logo em seguida ao anúncio da doação de comprimidos de hidroxicloroquina ao Brasil feita pelos Estados Unidos. O presidente americano, Donald Trump, também enviou respiradores mecânicos. 

Por Notícias ao Minuto

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Saúde

Salgueiro-PE: Vereadores aprovam projeto que cria cargos para o Hospital de Campanha da Covid-19

Publicado

em

A Câmara de Vereadores de Salgueiro aprovou por unanimidade na sessão ordinária desta quarta-feira, 3, o Projeto de Lei nᵒ 012/2020, que cria cargos e funções por tempo limitado para atuar no combate ao novo coronavírus no Hospital de Campanha Nova Esperança. Os legisladores quebraram o interstício legal e aprovaram a proposta em dois turnos.

De autoria do Poder Executivo, o projeto estabelece na estrutura administrativa municipal os cargos e funções de Coordenador Técnico em Saúde COVID-19; Enfermeiro Plantonista COVID-19; Médico Plantonista COVID-19; Farmacêutico COVID-19 e Técnico em Enfermagem Plantonista COVID-19.

Com exceção da atribuição de Coordenador Técnico em Saúde, as outras funções devem ser preenchidas por meio de processo seletivo simplificado. Do Blog Alvinho Patriota

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo
Propaganda  

Trending