Conecte-se Conosco

Entretenimento

Ana Maria Braga para programa após caso de blackface em quadro do Mais Você

A apresentadora convidou a jornalista e professora Rosane Borges para falar sobre o assunto.

Publicado

em

A apresentadora Ana Maria Braga, 73, parou a apresentação do último dia da competição Jogo de Panelas, do Mais Você (Globo), após um dos participantes fazer blackface –que consiste em pintar o corpo para ficar com a pele negra– para comparecer ao jantar de Felipe, feito em homenagem ao continente africano.

A apresentadora convidou a jornalista e professora Rosane Borges para explicar a problemática da prática e pontuar que não deve ser feita. “O blackface surge no século 19 nos Estados Unidos, como um recurso muito utilizado pela aristocracia escravagista, que fazia da técnica uma forma de estereotipar e negar a humanidade das pessoas negras”, explicou a estudiosa.

“No século 20 ele adentra o cinema, o carnaval –até do Brasil. Até o início do século 20 foi um recurso muito utilizado. Não devemos fazer em nenhuma hipótese. Estamos em pleno século 21, é preciso que a gente avance enquanto humanidade e civilização, e que digamos não a uma técnica tão cruel e desumanizadora”, completou Borges.

A competição começou na segunda-feira (16) e trouxe ao longo da semana cinco jantares temáticos, produzidos pelos cozinheiros. A cada refeição, o anfitrião deveria preparar uma decoração e os convidados se vestir de acordo com o tema escolhido.

“O Anderrupson estava super legal, mas mais uma vez ele traz a ingenuidade. Ele faz a pintura. Não precisa se pintar de negro, a gente não brinca de ser negro, temos toda uma história e é sofrido. Não se pinte para ser negro”, disse Felipe no trecho. “É um comportamento que não deve mais ser repetido”, completou Ana Maria.

Por Folhapress

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail [email protected]com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Entretenimento

Em Petrolina, o São João da Exclusão

Publicado

em

Pra quem acompanhou de perto, o São João de Petrolina foi muito diferente do que apareceu na mídia, a ponto de ser batizado de São João da Exclusão.

O espaço foi reduzido, criando uma festa semi particular bancada com dinheiro público. O conforto maior ficou para quem comprou ingressos para os camarotes, espaço conforto e muita sofisticação, ao custo antecipado de antecipado R$ 165.

Os ingressos foram parar nas mãos dos cambistas, que os vendiam vendiam a valores que iam de R$ 400,00 a R$ 500,00. Privilegiado e tomando a melhor visão da festa, bem a frente do palco na melhor e mais privilegiada vista estava o camarote do Prefeito que foi usado para a promoção do pré-candidato Miguel e o Clã Coelho, citados a todo momento pelos locutores e os artistas presentes, quebrando a regra e princípio da impessoalidade.

O ex-prefeito tinha o direito de subir ao palco e interagir com os artistas, mesmo fora do cargo. Chegou a cantar com Wesley Safadão.  Gustavo Lima chegou a dizer que iria transferir o Título dele e da banda para Pernambuco para votar em Miguel, sem nenhuma atitude do Ministério Público e da Justiça Eleitoral anunciados até agora.

E, para reforçar o São João da Exclusão,  na última sexta e sábado os portões foram fechados , deixando mais de 30 mil pessoas fora do evento. Os que tentaram forçar entrada ganharam bombas de gás e spray de pimenta. Quem apresentava o evento ainda ironizava os que não chegaram cedo como se fosse uma festa particula, desrespeitando quem foi barrado da própria festa.

Na área dos camarotes, pelas imagens aéreas, no território reservado caberia toda população que foi excluída de uma festa bancada com dinheiro público arrecadado dos seus impostos.

Poças de água suja, banheiros inóspitos, limitados, alagados de urina e mal cheiro. Sobraram marketing , publicidade nas redes sociais, atrações e faltou sensibilidade por parte da organização. Foi o São João da Exclusão. Veja post de Lara Cavalcanti:

(Do Nill Jr)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail [email protected] ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

 

Continue lendo

Entretenimento

Anitta fecha o Rock in Rio Lisboa com sertanejo e sob forte tensão política

Neste domingo, 26, o público ainda era de outro país, mas dessa vez falava o mesmo idioma da cantora.

Publicado

em

O céu ainda estava claro quando Anitta, tirando onda ao som do hit “Vai Malandra” e de carona em uma moto, repetiu em mais um show a entrada que conquistou a plateia norte-americana no festival Coachella, em abril. Neste domingo, 26, o público ainda era de outro país, mas dessa vez falava o mesmo idioma da cantora.

A apresentação feita no último dia do Rock in Rio Lisboa só veio antes da do rapper Post Malone, responsável por fechar a primeira edição do evento desde que a pandemia começou, mas foi a única a arrancar coros altos da plateia europeia, bem mais comedida do que a brasileira.

Os hits e colaborações que a cantora fez em sua empreitada por outros territórios da América Latina, Estados Unidos e Europa nos últimos anos caíram bem na apresentação, mas o que decolou mesmo na noite de Anitta foram as canções que a fizeram crescer no país onde nasceu.

Sertanejo, brega e as várias batidas de funk exploradas por ela ao longo da carreira regeram o show que fez do Rock in Rio um cantinho brasileiro na Europa por pouco mais de uma hora.

Mas a presença do Brasil no festival extrapolou as músicas de Anitta –e também as de outros brasileiros convocados para a edição, como Ney Matogrosso, Rebecca, Johnny Hooker e Francisco, el Hombre.

Temas como as eleições, o presidente Jair Bolsonaro (PL), o desmatamento da Amazônia e os assassinatos de Bruno Pereira e Dom Phillips na região também pipocaram com frequência na Cidade do Rock no último final de semana de apresentações, embora Roberta Medina, responsável pela edição portuguesa do evento, diga não acreditar que a política seja feita desta forma.

“Eu acho que política se faz com conversa e não em cima do palco”, disse, em entrevista no sábado, 25. “No Rock in Rio vemos os artistas explorando a oportunidade de dar cara para uma multidão, de reverberar para um país inteiro. É mais pela arte do que pela posição política, ninguém consegue fazer uma defesa política no palco”. Ela, no entanto, disse que a única orientação que o festival deu para as bandas foi a de que elas fizessem um bom show.

Mas mesmo no palco de Anitta o tema apareceu quando seu balé repetiu o grito de “Fora, Bolsonaro” feito no Coachella. Em entrevista dada a jornalistas brasileiros e portugueses antes do show, a cantora ainda falou sobre a Amazônia. “A Amazônia é o grande tesouro do nosso país, e as pessoas a tratam como nada. É inaceitável que esse lugar seja perigoso para as pessoas visitarem”, disse.

Mais cedo do mesmo dia, o pernambucano Johnny Hooker também pediu a saída do presente do poder e o acusou de ter propositalmente atrasado a entrega das vacinas contra a Covid-19 no país, além de sacudir uma toalha com o rosto de Lula –um repeteco do que fez Pabllo Vittar no Lollapalooza Brasil deste ano.

Ainda no sábado, Ney Matogrosso fez um show sem manifestações verbais, mas com uma reverência a vídeos de indígenas que passavam em seu telão. Assim como Hooker, o grupo Francisco, el Hombre foi mais explícito ao cantar suas músicas “Bolso Nada” e “Arranca a Cabeça do Rei”, que pede a cabeça de Bolsonaro a partir do voto.

Fora do palco, pessoas na plateia também puxaram gritos contrários ao presidente em todas as apresentações de artistas do Brasil no último fim de semana de evento –mesmo movimento visto na última edição do Lollapalooza, mas dessa vez extrapolando as fronteiras brasileiras.

Por Folhapress

 

 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail [email protected] ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

 

Continue lendo

Entretenimento

Horóscopo: Veja o que os astros falam para você, nesta Segunda-feira, 27 de Junho de 2022

Publicado

em

Consulte as Previsões do Horóscopo do dia hoje (Clicando aqui) para seu Signo e saiba os conselhos dos Astros sobre a sua vida. Saiba, todos os dias, as Previsões dos Signos sobre Amor, Dinheiro e Saúde.

 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail [email protected] ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

 

Continue lendo
Propaganda

Trending

Como podemos ajudar!!