Conecte-se Conosco

Esporte

Botafogo quer adiantar projeto de virar clube-empresa devido à crise

Publicado

em

O clube já atravessava um momento delicado nas finanças quando houve a suspensão das atividades

RIO DE JANEIRO, RJ (UOL/FOLHAPRESS) – A queda de receita devido à pandemia do novo coronavírus teve reflexos diretos na situação financeira do Botafogo e pode fazer com que a transformação do departamento de futebol em S/A tenha uma urgência ainda maior. Apesar de, internamente, haver um entendimento de que o atual cenário teve aspectos positivos, também se enxerga a necessidade de tirar o projeto do papel o quanto antes.

 O clube já atravessava um momento delicado nas finanças quando houve a suspensão das atividades. A ausência de partidas teve consequências, além do fato de o Azeite Royal, patrocínio master, ter rompido o contrato com o Botafogo de forma unilateral.Em relação ao projeto, existe um tom de otimismo, uma vez que, com o real desvalorizado, também há uma queda no valor da dívida, o que pode atrair investidores.

Apesar disso, Carlos Augusto Montenegro, um dos homens fortes do comitê de futebol e um dos responsáveis pela transição para clube-empresa, admitiu, recentemente, que o Botafogo precisa de uma definição até o meio do ano.

“Temos que resolver isso de qualquer jeito até o meio do ano, com ou sem pandemia. Não vamos aguentar esse ritmo até o final do ano. Acredito que a ‘Botafogo S/A’ saia em curto prazo. Ou sai até julho ou não sai. E aí não sei o que vai acontecer”, disse em uma transmissão do “Canal do Fabiano Bandeira”.

Um dos pontos que a diretoria vê como preocupante é o fato de não estarem entrando novas receitas e as já recorrentes estarem penhoradas por conta de antigos débitos.No começo do mês, o clube demitiu funcionários, apontando que “a decisão do Conselho Diretor foi tomada considerando as implicações orçamentárias com a vertiginosa queda de receitas, bem como o cenário que se desenha para os próximos meses no âmbito esportivo, econômico e na rotina da sociedade em geral”.

Por Folhapress

 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Esporte

Lewandowski é eleito o melhor jogador da temporada 2019/2020 na Europa pela Uefa

Publicado

em

Lewandowki conseguiu 477 pontos na votação, contra 90 de De Bruyne e 66 de Neuer.

polonês Robert Lewandowski foi o melhor jogador do futebol europeu na temporada 2019/2020. O reconhecimento ao centroavante do Bayern de Munique veio da Uefa, que lhe concedeu esse prêmio em cerimônia realizada nesta quinta-feira, assim como o de melhor atacante da Liga dos Campeões na temporada passada, vencida pelo seu time, dominante na premiação.

Seus concorrentes ao prêmio de melhor jogador eram Manuel Neuer, goleiro do Bayern de Munique, e o belga Kevin de Bruyne, meia do Manchester City, que foram agraciados em suas respectivas posições.

Lewandowki conseguiu 477 pontos na votação, contra 90 de De Bruyne e 66 de Neuer. O brasileiro Neymar ficou na quarta posição, empatado com Messi, ambos com 53 pontos. Pesou a favor do polonês os 15 gols em dez jogos na Liga dos Campeões, além dos 34 em 31 compromissos por competições na Alemanha.

Para triunfar na premiação entre os atacantes, Lewandowski superou a concorrência de dois jogadores que foram adversários na decisão do torneio continental: Neymar e o francês Mbappé, ambos do Paris Saint-Germain.

Dominante na temporada passada, em que também teve as conquistas domésticas do Campeonato Alemão e da Copa da Alemanha, o Bayern também recebeu outros prêmios individuais ma premiação realizada conjuntamente ao sorteio dos grupos da Liga dos Campeões pela Uefa.

Foi o caso de Hansi Flick, que derrotou outros dois treinadores alemães na votação promovida com treinadores de clubes participantes da Liga dos Campeões e da Liga Europa, além de jornalistas. Seus concorrentes eram Jürgen Klopp, do Liverpool, e Julian Nagelsmann, do RB Leipzig.

Assim, Neuer foi eleito o melhor goleiro da temporada europeia, com Joshua Kimmich, seu companheiro no Bayern, recebendo o prêmio destinado aos defensores. E o belga Kevin de Bruyne, do Manchester City, foi o intruso na premiação ao receber o prêmio de melhor meio-campista.

Neuer competia contra Oblak, do Atlético de Madrid, e Navas, do PSG. A disputa pela honraria de melhor defensor envolvia apenas nomes do Bayern. Kimmich, que variou entre a lateral direita e o meio-campo na temporada passada, derrotou Alphonso Davies e David Alaba.

Já na disputa entre os meio-campistas, De Bruyne superou Thiago Alcântara, que recentemente trocou o Bayern pelo Liverpool, e Thomas Müller, que segue em Munique.

PREMIAÇÃO FEMININA – O prêmio de melhor jogadora da Europa na temporada 2019/2020 ficou com a dinamarquesa Pernille Harder, que recentemente trocou o Wolfsburg pelo Chelsea. Ela foi finalista da Liga dos Campeões pelo clube alemão e derrotou, na votação, duas jogadores que faturaram o título pelo Lyon: a zagueira Wendie Renard, capitã do time francês, e a lateral-direita Lucy Bronze, que recentemente se transferiu para o Manchester City após o título europeu com o Lyon.

Harder também foi eleita a melhor atacante da temporada europeia, mas outros prêmios individuais foram dominados pelo Lyon, que venceu as últimas cinco edições da Liga dos Campeões.

Sarah Bouhaddi foi eleita a melhor goleira, com Renard, sua companheira de clube, sendo votada como melhor defensora. Também do time francês, a alemã Dzsenifer Marozsán acabou sendo a escolhida a meio-campista da temporada, enquanto Jean-Luc Vasseur faturou a disputa entre os técnicos.

OUTROS PRÊMIOS – Vencedor da Liga dos Campeões na temporada 2011/2012, o marfinense Didier Drogba recebeu o prêmio presidencial, sendo o primeiro jogado de fora da Europa a ganhar a honraria distribuída pela Uefa.

 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Esporte

Carcará vence segundo jogo na Série D do Campeonato Brasileiro

Publicado

em

O Salgueiro Atlético Clube está com 100% de aproveitamento na Série D do Campeonato Brasileiro. Após derrotar o Atlético-PB em casa no último sábado, 26, o Carcará do Sertão derrotou o América-RN por 1 a 0 na noite dessa quarta-feira, 30. O único gol da partida foi marcado por Ciel.

Esses resultados deixaram o atual campeão pernambucano na 2ª colocação do Grupo 3, com seis pontos. O Carcará está abaixo apenas do Globo, que leva a melhor no número de gols marcados. Vale lembrar que o Salgueiro tem um jogo a menos, porque o duelo da primeira rodada, contra o Guarani-CE, foi adiado.

Na 4ª rodada, agendada para esse sábado, 3, no Estádio Salgueirão, Salgueiro e Globo se enfrentam em duelo decisivo pela liderança do grupo. A partida começa às 19h e será transmitida pela Vida FM. Do Blog Alvinho Patriota

 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Esporte

Hamilton é punido, tem recorde de vitórias adiado e Bottas vence na Rússia

Publicado

em

Foi a nona vitória de Bottas em sua carreira na Fórmula 1 e a segunda da temporada

Ainda não foi dessa vez que Lewis Hamilton chegou à 91ª vitória na Fórmula 1 e se igualou ao recordista Michael Schumacher. Neste domingo, o hexacampeão foi punido por uma infração cometida antes da corrida, terminou em terceiro e viu o companheiro de Mercedes, Valtteri Bottas, se aproveitar da penalidade para vencer o GP da Rússia, no circuito de Soshi. O segundo lugar ficou com o holandês Max Verstappen.

Foi a nona vitória de Bottas em sua carreira na Fórmula 1 e a segunda da temporada. O finlandês é o único piloto, além de Hamilton, que venceu mais de uma corrida em 2020. O triunfo na Rússia o manteve na vice-liderança do Mundial de Pilotos, agora com 161 pontos, mais perto do seu companheiro de Mercedes, que lidera com 205. Verstappen é o terceiro, com 128.

Saindo do terceiro posto, Bottas largou bem e contou com o erro de Verstappen para assumir o segundo lugar logo na largada. Depois, foi beneficiado pela punição a Hamilton, e assumiu a ponta para não sair mais. O finlandês fez uma corrida segura e não foi ameaçado na liderança. Ao cruzar a linha de chegada em primeiro, fez um desabafo no rádio e extravasou, dizendo que o triunfo era uma resposta a quem o criticava.

O momento determinante para o resultado aconteceu antes mesmo do início da corrida. Hamilton praticou duas largadas em local não apropriado antes da prova e levou uma sanção de 10s. Com o tempo perdido, o britânico perdeu a liderança que havia sido mantida nas primeiras voltas. Logo subiu para terceiro, mas não conseguiu recuperar a ponta.

Hamilton vai levar um ponto pelo incidente na “carteira” dele. Assim, o hexacampeão mundial fica com dez pontos, a dois do limite para ser suspenso por uma etapa. Ele vai ter a chance de igualar o recorde de Schumacher na próxima etapa, justamente na Alemanha, país do lendário piloto da Ferrari.

Logo atrás do trio que mais vezes subiu no pódio em 2020 veio o mexicano Sergio Pérez, da Racing Point, que conquistou seu melhor resultado na temporada. Ele foi seguido pelo australiano Daniel Ricciardo, da Renault, em quinto, e pelo monegasco Charles Leclerc, que conseguiu colocar a Ferrari no sexto posto, uma posição mais digna do que a das últimas etapas.

O francês Esteban Ocon, da Renault, finalizou no sétimo lugar, à frente dos dois carros da AlphaTauri, com o russo Daniil Kvyat à frente do francês Pierre Gasly. O tailandês Alexander Albon, da Red Bull, completou o top 10 e também somou pontos.

A largada foi marcada por acidentes de Carlos Sainz e Lance Stroll, que abandonaram a prova. O espanhol da McLaren errou e acabou batendo a dianteira no muro, destruindo o seu carro. Já o canadense da Racing Point rodou e bateu após ser tocado por Charles Leclerc e também saiu de cena logo no começo. Ele ficou revoltado que o monegasco da Ferrari não sofreu uma penalidade.

A Fórmula 1 dá uma pausa e retorna daqui a duas semanas, para o GP de Eifel, no circuito de Nurburgring, na Alemanha. Será a 11ª etapa da temporada de 2020 da Fórmula 1.

Confira a classificação do GP da Rússia:

1°) Valtteri Bottas (FIN/Mercedes), em 1h34min00s364

2º) Max Verstappen (HOL/Red Bull), a 7s729

3º) Lewis Hamilton (ING/Mercedes), a 22s729

4º) Sergio Perez (MEX/Racing Point), a 30s558

5º) Daniel Ricciardo (AUS/Renault), a 52s065

6º) Charles Leclerc (ALE/Ferrari), 62s186

7º) Esteban Ocon (FRA/Renault), 68s006

8º) Daniil Kvyat (RUS/AlphaTauri), a 68s740

9º) Pierre Gasly (FRA/AlphaTauri), 89s766

10º) Alexander Albon (TAI/Red Bull), a 97s860

11º) Antonio Giovinazzi (ITA/Alfa Romeo), a uma volta

12º) Kevin Magnussen (DIN/Haas), a uma volta

13º) Sebastian Vettel (ALE/Ferrari), a uma volta

14º) Kimi Raikkonen (FIN/Alfa Romeo), a uma volta

15º) Lando Norris (ING/McLaren), a uma volta

16º) Nicholas Latifi (CAN/Williams), a uma volta

17º) Romain Grosjean (FRA/Haas), a uma volta

18º) George Russel (ING/Williams), a uma volta

Abandonaram a prova:

Carlos Sainz Jr. (ESP/McLaren)

Lance Stroll (CAN/Racing Point)

Por Estadão Conteúdo

 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Trending