Conecte-se Conosco

Esporte

Copa do Nordeste: Sport leva dois gols em dois minutos e cede empate ao Imperatriz no final

Publicado

em

Leão saiu na frente em casa, mas Cavalo de Aço não desistiu e aproveitou falhas e expulsão de Sander para igualar marcador com dois gols de Cesinha, em jogo pela Copa do Nordeste.

Diante de um público tímido na Ilha do Retiro, nesta quinta-feira à noite, Sport e Imperatriz se enfrentaram pela Copa do Nordeste. O Leão saiu na frente com Elton e ampliou o placar com o Jean Patrick. E o que era uma vitória certa, transformou-se em empate no finalzinho. O Cavalo de Aço marcou duas vezes com Cesinha e deu os números finais da partida: 2 a 2.  

Próximos jogos pelo Nordestão

Pela 4ª rodada do torneio regional, o Sport visita o Náutico, nos Aflitos, às 18h do dia 15. O Imperatriz-MA, por sua vez, recebe o Fortaleza às 20h do dia 17 de fevereiro, no estádio Frei Epifânio. 

Como fica

Com o resultado, o Sport sobe temporariamente para a liderança do grupo A, com 5 pontos, mas pode ser ultrapassado por até seis equipes no complemento da rodada, podendo ficar na vice-lanterna. Já o Imperatriz é o 3º do grupo B com 4 pontos e também pode perder posições.

Primeiro tempo

A partida começou em ritmo lento para Sport e Imperatriz-MA. O Leão saiu na frente com as melhores chances, aparecendo com Leandro Barcia e Marquinhos no ataque, enquanto o time maranhense sentia dificuldades de perfurar a defesa leonina e apelava para os lançamentos. Não à toa que, logo aos 15 minutos de jogo, o Leão abriu o placar com gol de Elton. Ainda na primeira etapa, o Sport perdeu o zagueiro Cleberson, machucado, e acionou Chico na posição. Enquanto o Imperatriz-MA trocou o meia Kariri pelo volante Nonato. A partida perdeu o ritmo e não sofreu alterações no placar depois disso.   

Segundo tempo

O Imperatriz-MA começou a segunda etapa mais organizado em campo. Acelerou o ritmo e criou oportunidades, mas pecava nas finalizações. Foi com o zagueiro Renan Dutra, aos 18 minutos, que ficou mais perto de empatar a partida, em um cabeceio que acertou o travessão do goleiro Luan Polli. Com Ewandro e Jean Patrick no lugar de Yan e Marquinhos, o Sport se organizou e o confronto esfriou. Até que, aos 34 minutos, o volante aproveitou escanteio e finalizou para o fundo das redes. Mas o cenário estava longe do que seria o resultado final. Isso porque Sander foi expulso, e num intervalo de dois minutos, já depois dos 40, o Imperatriz-MA buscou o empate com dois gols de Cesinha. (Do GE PE)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Esporte

CBF anuncia novas datas de confrontos da 3ª fase da Copa do Brasil

Publicado

em

Os duelos de ida foram disputados antes da paralisação do futebol no país, devido à pandemia do novo coronavírus (covid-19)

Confederação Brasileira de Futebol (CBF) remarcou datas e horários dos jogos de volta dos confrontos pela terceira fase da Copa do Brasil. As partidas serão realizadas entre os dias 25 (terça-feira) e 27 (quinta-feira) de agosto. Os duelos de ida foram disputados antes da paralisação do futebol no país, devido à pandemia do novo coronavírus (covid-19).

A competição será retomada às 16h (horário de Brasília) do dia 25, com o Afogados recebendo a Ponte Preta. A Macaca tem vantagem confortável, já que venceu o compromisso de ida, em Campinas (SP), por 3 a 0. No mesmo dia, às 19h, a Ferroviária visita o América-MG. Na primeira partida, em Araraquara (SP), as equipes ficaram no 0 a 0. Já às 21h30, no Rio de Janeiro, o Fluminense enfrenta o Figueirense, que ganhou o duelo anterior, em Florianópolis, por 1 a 0.

No dia 26, serão cinco jogos. Às 16h (de Brasília), o Cruzeiro encara o CRB em Maceió. O time da casa venceu o jogo de ida, em Minas Gerais, por 2 a 0. No mesmo horário, América-RN e Juventude jogam em Natal, depois do empate por 1 a 1 na partida anterior, em Caxias do Sul (RS). Às 19h, o Botafogo, que venceu o primeiro jogo por 1 a 0, visita o Paraná. Por fim, às 21h30, Goiás e Vasco se enfrentam em Goiânia, enquanto Vitória e Ceará duelam em Salvador. Goianos e cearenses levaram a melhor na ida, por 1 a 0.

Já dia 27, às 19h,  o Brusque recebe o Brasil de Pelotas, após ter vencido fora de casa por 1 a 0. E na sequência, às 21h30, em Porto Alegre, o São José-RS pega o Atlético-GO, que venceu em casa por 2 a 0, antes da paralisação do futebol.

As equipes classificadas à quarta fase terão os confrontos entre si sorteados para definição das vagas às oitavas de final. Os cinco times que avançarem se unem aos oito que iniciaram a temporada na Libertadores (Flamengo, Santos, Palmeiras, Grêmio, São Paulo, Athletico-PR, Corinthians e Internacional) e aos campeões de 2019 na Série B (Red Bull Bragantino),  nas Copas Verde (Cuiabá) e do Nordeste (Fortaleza).

A vaga na quarta fase garante uma bonificação de R$ 2 milhões por clube. Se o time que for o campeão tiver iniciado a participação na Copa do Brasil na primeira fase, a premiação arrecadada durante a competição pode chegar a quase R$ 80 milhões. Devido à pandemia, a decisão está prevista para ocorrer somente em 10 de fevereiro do ano que vem. Com informações da Agência Brasil

Por Notícias ao Minuto

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Esporte

Presidente da CBF evita projetar retorno da torcida aos estádios

Publicado

em

“A medida mais importante é mesmo a manutenção das competições. Isso significa manter contratos de patrocínio e de direitos de transmissão, além de manter os torcedores conectados com a equipe”, disse o dirigente

Diretamente impactado pela pandemia do novo coronavírus, o Campeonato Brasileiro começou neste sábado depois de mais de três meses de atraso, bem diferente do que o torcedor se acostumou ao longo das últimas décadas. Sem torcida nos estádios, recheada de protocolos de segurança e com a maioria das equipes voltando depois de longo tempo de inatividade, a competição é, no fundo, uma incógnita – mas não para todo mundo.

Presidente da CBF, Rogério Caboclo deposita grande expectativa no Brasileirão. Sempre tendo o cuidado de demonstrar preocupação com a saúde de todos os envolvidos, ele vê a realização do campeonato como fundamental para os clubes, principalmente em um ano marcado por queda brusca de receita.

“A medida mais importante é mesmo a manutenção das competições. Isso significa manter contratos de patrocínio e de direitos de transmissão, além de manter os torcedores conectados com a equipe”, disse o dirigente, em entrevista ao Estadão.

O dirigente reconhece que os portões fechados nos estádios serão um desafio extra aos clubes, mas não quis cravar se os torcedores conseguirão ir às arenas do País antes do fim do campeonato, previsto para fevereiro. “Espero que sim, mas isso depende da involução da pandemia”, destaca.

A pandemia fará este Brasileiro ser muito diferente dos demais?

Teremos muitas diferenças, claro. A principal será a ausência da torcida nos estádios, algo que nenhum apaixonado pelo futebol gosta, mas que faz parte das condições necessárias para retomar as competições com segurança. Teremos um protocolo muito rígido de testes e controle de casos de contágio. Mas também teremos muito do que faz o Brasileirão ser um dos campeonatos mais sensacionais do mundo: alto nível técnico em campo, disputa por todas as posições da tabela, e a vibração da torcida, mesmo em casa.

Considerando tudo o que está acontecendo desde o início da pandemia, o senhor avalia que o Brasileiro está começando no momento certo ou no momento necessário?

Desde o início da pandemia, nossa preocupação central foi a saúde de todos. Por isso, suspendemos as competições. O Campeonato Brasileiro só vai começar 98 dias depois da data prevista, e a retomada foi decidida com 45 dias de antecedência, dando tempo aos clubes para se preparar. Ao longo desse tempo, desenvolvemos protocolos de testagem e isolamento, que incluem também um conjunto de medidas e regras que envolvem todas as etapas de treino e jogo, ouvindo especialistas da CBF e da comunidade médica e também alinhados com as autoridades de saúde. O nosso Guia Médico para retomada foi plenamente aprovado pelo Ministério da Saúde. Por isso, a volta progressiva do futebol está associada a esse conjunto de novas normas de segurança, que visam proteger atletas, técnicos e todos os profissionais envolvidos e viabilizar, assim, a retomada de uma atividade que tem enorme relevância econômica e social para os brasileiros.

Qual é o grau de preocupação com o impacto financeiro de um Brasileirão sem torcida?

Não há dúvida de que jogar com os portões fechados priva os clubes de uma receita importante. Eles estão se esforçando para contornar isso de maneira criativa, em especial com seus programas de sócios-torcedores. A CBF está atenta e já tomou diversas medidas de apoio aos clubes. Entre antecipações de receita sem juros, doações, isenções e outros apoios, já chegamos a R$ 125 milhões. E a medida mais importante é mesmo a manutenção das competições. Isso significa manter contratos de patrocínio e de direitos de transmissão, além de manter os torcedores conectados com a equipe.

O senhor acredita que o torcedor conseguirá voltar aos estádios ainda neste Brasileirão?

Espero que sim, mas isso depende da involução da pandemia e do posicionamento das autoridades de saúde.

Os Estados do País estão em níveis diferentes de impactos da pandemia, e ainda não há um retrato claro do que acontecerá nos próximos meses. É possível que cidades que autorizem jogos agora vetem ali na frente, obrigando clubes a mudarem suas praças de jogo. Isso não poderá atrapalhar a isonomia técnica do campeonato?

Os clubes deram uma enorme demonstração de maturidade e compromisso com o Campeonato Brasileiro ao aceitar mandarem seus jogos fora de suas cidades ou Estados, caso haja restrições das autoridades locais. Nossa expectativa é de que, com as medidas de segurança que tomamos, isso não seja necessário.

Por Estadão Conteúdo

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Esporte

Futebol: Brasileirão começou, acompanhe a tabela aqui no Blog

Publicado

em

O Brasileirão 2020 começou e a partir, já desta primeira rodada, você pode acompanha tudo aqui no Blog. Veja a Tabela

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo
Propaganda  

Trending