Conecte-se Conosco

Saúde

Entenda como usar óculos pode protegê-lo do novo coronavírus

Publicado

em

Veja o que dizem os especialistas sobre os óculos e lentes de contato na prevenção da doença

Especialistas alertam para que indivíduos optem por usar óculos ao invés de lentes de contato como medida protetora contra a infeção da Covid-19. Evitar utilizar usar lentes de contato pode diminuir significativamente o risco de contrair o novo coronavírus, destacam as autoridades de saúde. 

A Organização Mundial de Saúde (OMS) alertou que os indivíduos não devem tocar no rosto, sobretudo nos olhos, boca e nariz de modo a impedir que sejam infectados. 

Nesse sentido, pessoas que usam lentes de contato não só estão a aumentar as chances de contraírem  a doença, como estão mais propensas a tocarem nos olhos inúmeras vezes ao longo do dia. 

A médica Sonal Tulsi, da Academia Norte-Americana de Oftalmologia, disse à estação televisiva ABC13: “Substituir as lentes de contato pelos óculos pode reduzir a irritação ocular, assim como parar a pessoa ao perceber que está prestes a tocar nos olhos”. 

Mais ainda, a clínica refere que usar óculos oferece igualmente outro tipo de proteção contra a Covid-19 já que é uma barreira adicional caso alguém que seja portador do vírus tossir ou espirrar, salvaguardando a visão das gotículas expelidas.

Contudo, é importante salientar que usar óculos disponibiliza somente proteção limitada – e que manter o chamado distanciamento social relativamente a outras pessoas continua sendo a medida mais importante para reduzir o risco de contração do vírus. 

Wang Guangfa, médico especialista pulmonar, disse à ABC13 que acredita que contraiu o vírus a partir de um paciente e que esse contágio se deu através do olho. 

Guangfa explicou que um dos seus olhos ficou subitamente inflamado, mesmo previamente à manifestação de quaisquer outros sintomas, e antes de ser diagnosticado com a Covid-19. 

Os especialistas alertam que se tiver mesmo que usar lentes de contato, deve então lavar minuciosamente as mãos antes de as colocar nos olhos, assim como usar gotas específicas ao longo do dia para aliviar qualquer irritação que sinta na vista. 

Utilizar lenços de papel para ajustar as lentes também pode ser uma solução viável, de forma a reduzir a possibilidade de contrair o novo coronavírus ao tocar nos olhos. 

Por Notícias ao Minuto

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Saúde

Mandetta diz que continua no cargo de ministro da Saúde

Publicado

em

O ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, afirmou em entrevista coletiva na noite desta segunda-feira (6) que vai continuar no cargo. A permanência dele à frente da pasta foi questionada depois de críticas feitas pelo presidente Jair Bolsonaro. Hoje o presidente se reuniu com ministros para discutir o futuro das ações do governo no enfrentamento à pandemia.

“Hoje foi dia que rendeu pouco, ficou todo mundo com a cabeça avoada se eu iria permanecer ou sair. Agradeço muitos que vieram em solidariedade. Gente limpando gaveta, inclusive a minha. Nós vamos continuar, porque continuando nós vamos enfrentar o nosso inimigo, que é a covid-19”, declarou Mandetta.

Ele afirmou que diante da tarefa de combate à pandemia é importante ter um bom ambiente de trabalho e condenou o que chamou de críticas não construtivas. “Mas as condições de trabalho precisam ser para todos. A única coisa é que tenhamos melhor ambiente para trabalhar no ministério. Esperamos que a gente possa possa ter paz.” O titular da pasta agradeceu a equipe, dizendo que ela entrou junta e sairá junta. Ele afirmou que a reunião de hoje entre o presidente e ministros “reposicionou” o governo “no sentido de ter mais foco”.

Esse reposicionamento foi marcado por uma mudança nas orientações do ministério, que passa a trabalhar com dois tipos de distanciamento social: o ampliado e o seletivo. O primeiro é o que vem sendo realizado pelos estados, enquanto o segundo envolve uma abertura maior a atividades econômicas e circulação de pessoas abaixo de 60 anos desde que não apresentem sintomas.

Pelas novas recomendações, as cidades ou estados que tenham pelo menos 50% dos leitos vagos poderão adotar um modelo de distanciamento seletivo a partir da próxima segunda-feira (13). Essa alternativa não vale para unidades federativas com alto índice de incidência de casos por 100.000 habitantes, como é o caso de São Paulo, Rio de Janeiro, Ceará, Amazonas e Distrito Federal.

Mandetta colocou que há dias vem reforçando a importância do distanciamento até que os sistemas de saúde de cidades e estados estejam estruturados com leitos, máquinas e insumos (como equipamentos de proteção individual). Enquanto isso não estiver garantido, é importante manter o distanciamento.

“Momento é de cautela, é de distanciamento social. Isso que vocês passaram não é quarentena. É muito mais duro que isso. Estamos em fase de distanciamento social. Pessoa pode fazer caminhada, não precisa ficar trancada, mas não pode aglomerar. A gente está conseguindo ter um número de casos relativamente controlado. Não vamos deixar que a cidade A, B ou C vá fazer o movimento exponencialmente pra cima”, defendeu.

Para fazer essa transição, será necessário um acompanhamento ágil dos leitos e equipamentos. A equipe do Ministério da Saúde anunciou que fará nesta semana uma recadastramento da situação das unidades de saúde nos estados para verificar a ocupação e as condições destes. (Agência Brasil)

 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

 

Continue lendo

Saúde

Faxina na quarentena? 10 dicas para manter seu colchão bem limpo

Publicado

em

Dicas para retirar manchas, evitar ácaros e muito mais!

Que tal aproveitar a quarentena para fazer uma faxina geral em casa? Sim, não é das tarefas mais divertidas mas é sempre necessária. Hoje daremos dez dicas caseiras para livrar o seu colchão das sujeiras mais comuns:

Ácaros – Faça uma limpeza semanal com bicarbonato de sódio, que deve ser polvilhado por toda a superfície do colchão. Aguarde 30 minutos e passe o aspirador de pó. Nunca coloque o colchão sob o sol.

Mofo – Deixe o colchão tomar um ar para que a umidade seque. Se as manchas forem recentes, passe um pano umedecido em detergente com água e borrife vinagre branco. Deixe secar. Se o bolor for mais antigo, use 1 colher de sopa de bicarbonato diluída em 30 ml de água oxigenada. Aplique com uma escova dental e esfregue até formar espuma. Tire o excesso com pano úmido.

Urina – Aplique bicarbonato de sódio sobre as manchas e deixe agir por 30 minutos. Depois, com uma esponja, esfregue levemente uma solução de partes iguais de sabão em pó e água morna. Passe um pano úmido para limpar essa mistura e deixe o colchão secar diante do ventilador.

Sangue – O detergente quebra as moléculas de manchas biológicas, mas, para removê-las, nunca deve ser aplicado diretamente sobre elas, mas em um pano úmido. Depois de passar sobre o local sujo, deixe agir por 15 minutos e passe um pano seco. Se não funcionar, aplique com uma escovinha ou um pano um pouco de água oxigenada de 10 volumes e depois limpe.

Vinho – Misture meio copo de água morna e meio copo de vinagre de álcool ou de limão e aplique com uma toalha branca sobre o colchão. Se a mancha estiver muito concentrada, evite esfregá-la para não aumentar o estrago.

Cigarro – Passe sobre o colchão um pano embebido em vinagre de maçã branco. Ou espalhe bicarbonato e deixe agir por cerca de oito horas, antes de remover com aspirador.

Suor – Misture meio copo de água morna mais meio copo de vinagre de álcool e 3 colheres de sopa de bicarbonato. Depois, aplique essa solução em uma flanela e esfregue a área afetada. Caso o colchão fique cheirando a vinagre, pingue cerca de 20 gotas de óleo essencial de lavanda em outro pano e passe sobre o local já limpo.

Ferrugem – Cubra a área manchada com uma pastinha feita com suco de meio limão e um punhado de bicarbonato. Deixe agir por cerca de 30 minutos e depois limpe com um pano úmido em água. 

Cheiro de cachorro molhado – Borrife uma mistura de meio copo de vinagre branco e meio de álcool. Esfregue e deixe secar naturalmente.

Tinta – Com uma folha de papel-toalha pressione a mancha para absorvê-la. Nunca esfregue! Depois, umedeça um pano com álcool e aperte. Se não sair, passe outro pano umedecido em 1 colher de sopa de detergente, 2 colheres de chá de vinagre e 1 xícara de água. Deixe agir por cerca de 10 minutos e repita o processo, caso seja necessário. Depois é só limpar com pano umedecido em água fria.

Por Notícias ao Minuto Brasil

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

 

Continue lendo

Saúde

Gestante morre por covid-19 no Recife; bebê está na UTI

Publicado

em

Este é o primeiro óbito de gestante com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) causada pelo novo coronavírus em Pernambuco

A fisioterapeuta Viviane Albuquerque, gestante de 31 semanas, morreu na noite do último domingo (5), vítima de covid-19. Este é o primeiro óbito de gestante com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) causada pelo novo coronavírus em Pernambuco. O bebê foi retirado em procedimento cesariano também no domingo e está internado na UTI de um hospital particular do Recife, em estado grave.

Os últimos números oficiais apresentados pelo estado apresentaram 201 casos confirmados da doença, com 21 mortes. No domingo, também no Recife, duas técnicas de enfermagem que trabalhavam no Hosítal Getúlio Vargas (HGV) morreram – uma delas por causa da covid-19. A segunda servidora tem a causa da morte ainda investigada.

Com relação a Viviane Albuquerque, a gestante estava internada com quadro de tosse e febre desde o início da semana. Na última segunda-feira, ela fez o teste para coronavírus e, na quinta, recebeu o resultado positivo do exame, quando foi levada para UTI. Devido à gravidade do caso, os médicos decidiram fazer a cesárea e retirar o bebê na madrugada do sábado. (Por André Luis)

 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo
Propaganda  

Trending