Conecte-se Conosco

Brasil

GP do Brasil de F-1 registra melhor público em Interlagos desde 2001

Publicado

em

O autódromo de Interlagos, em São Paulo, recebeu 158.213 pessoas nos três dias do evento

Sem ameaças de chuva e disputado sob sol forte, o GP do Brasil de Fórmula 1 registrou no final de semana o seu melhor público desde 2001. O autódromo de Interlagos, em São Paulo, recebeu 158.213 pessoas nos três dias do evento que culminou com a vitória do holandês Max Verstappen, da Red Bull, no domingo.

Trata-se do melhor público do GP desde 2001. Naquele ano, o circuito paulistano recebeu 174 mil fãs de automobilismo. No ano passado foram 150.307, então a melhor marca desde 2010, quando foram registrados 155.203 pessoas no autódromo. Desde então, o público tem oscilado, com seu menor número em 2016, com 128.100 pessoas. Em 2017, na despedida de Felipe Massa, 141.128 torcedores foram registrados no circuito.

Como aconteceu em 2018, o bom público surpreende porque mais uma vez o Brasil não conta com pilotos locais no grid. E ambos os Mundiais já estavam definidos. O inglês Lewis Hamilton assegurou o hexacampeonato no GP dos Estados Unidos, na etapa anterior. E a Mercedes garantira o troféu dos Construtores em Suzuka, no Japão.

No domingo, a Ferrari definiu o vice-campeonato entre as equipes e Verstappen subiu para o terceiro lugar no Mundial de Pilotos, esquentando a briga com o monegasco Charles Leclerc, do time italiano.

O GP do Brasil pode ter sido disputado em São Paulo pela penúltima vez. A cidade tem contrato por apenas mais um ano com a Fórmula 1 e segue em negociações. Ao mesmo tempo, tem a concorrência do Rio de Janeiro, que pretende retomar o campeonato a partir de 2021. A expectativa é de que a situação seja definida até agosto do próximo ano.

(POR ESTADAO CONTEUDO)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Brasil

Brasil regista total de 72.234 mortes por covid-19

Publicado

em

O levantamento foi realizado pelo consórcio formado pelo jornal O Estado de S. Paulo, G1, O Globo, Extra, Folha de S.Paulo e UOL

Brasil registrou desde as 20 horas do domingo 1.665 novos casos de contaminação por covid-19, elevando o número total para 1.867.841, conforme levantamento realizado pelo consórcio formado pelo jornal O Estado de S. Paulo, G1O GloboExtraFolha de S.Paulo UOL .

No mesmo período, desde as 20 horas do domingo, foram reportadas 83 mortes.

O total de mortes em decorrência da doença aumentou para 72.234, segundo o levantamento do consórcio feito junto às secretarias estaduais de Saúde.

Por Estadão Conteúdo

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Brasil

Na Paraíba quase 100 secretários municipais receberam o auxílio emergencial

Publicado

em

Noventa e quatro secretários municipais paraibanos receberam o dim-dim do governo federal, aquele dim-dim destinado aos desempregados, desvalidos, esfomeados e desamparados.

Esse povo não tem limites, não tem dignidade, não tem vergonha na cara. É um povo sem jeito. E se for preso, corre o risco de contaminar os presídios.

Com informações do comunicador Anchieta Santos, das rádios Pajeú FM, e Cidade FM, de Tabira.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Brasil

Brasil registra média diária de 1.036 mortes por covid-19

Publicado

em

No total, 72.151 brasileiros já perderam a vida por causa da covid-19

Nos últimos sete dias, o Brasil registrou uma média diária de 1.036 mortes por covid-19. É a quarta semana seguida em que o número de óbitos anunciados pelas secretarias estaduais de Saúde fica acima de mil.

Ao divulgar os dados da pandemia, o Estado calcula uma média móvel de ocorrências, levando em conta sempre os dados dos sete dias anteriores. A média resulta da soma de mortes dos últimos sete dias e da divisão do resultado por sete. Assim, os dados divulgados diariamente sempre incluem todos os dias da semana (de domingo a sábado, de segunda a domingo e assim por diante).

Essa forma de acompanhar a evolução da pandemia dilui as oscilações bruscas provocadas pelo represamento dos dados em feriados e fins de semana, por exemplo. Aos domingos, os números absolutos de casos e mortes costumam ser menores, por atrasos nos registros das informações. Nos dias seguintes, esse atraso é compensado, o que acaba inflando os dados em dias úteis. A média móvel compensa essas variações.

Neste domingo, 12, o Brasil registrou 659 óbitos causados pelo novo coronavírus. Foram mais 25.364 testes positivos de infecção, segundo o levantamento realizado pelo consórcio de veículos de imprensa formado por Estadão, G1, O Globo, Extra, Folha e UOL junto às secretarias estaduais de Saúde. No total, 72.151 brasileiros já perderam a vida por causa da covid-19, segundo os dados do consórcio. Desde o início da pandemia, 1.866.176 pessoas tiveram resultado positivo ao fazer o teste que identifica o vírus.

São Paulo acumula 17.848 mortes pela covid-19 e 371.997 casos confirmados da doença. Nas últimas 24 horas, foram anunciadas 5.107 novas infecções e 146 óbitos. A média móvel do Estado registra 253 mortes por dia.

O cálculo da média móvel também considera os dados do consórcio de veículos de imprensa. Jornalistas dos seis veículos coletam as informações das secretarias estaduais de Saúde e compartilham os resultados. A iniciativa foi lançada quando o presidente Jair Bolsonaro restringiu o acesso aos números da pandemia. O governo depois recuou, mas o trabalho colaborativo das equipes foi mantido.

De acordo com os dados divulgados pelo Ministério da Saúde neste domingo, o total de casos confirmados de covid-19 totaliza 1.864.681. Houve um acréscimo de 24.831 casos desde o dia anterior. Já os óbitos chegaram a 72.100, um aumento de 631. A taxa de pacientes recuperados é de 60,2%, com 1.123.204.

Por Estadão Conteúdo

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo
Propaganda  

Trending