Conecte-se Conosco

Mundo

Itália autoriza suicídio assistido de tetraplégico

Publicado

em

O Comitê de Ética da Itália, principal autoridade regional de saúde pública do país, autorizou pela primeira vez o suicídio assistido no caso de um tetraplégico que está paralisado há 10 anos, uma prática que era punida até 2019 com pena de 5 a 12 anos de prisão.
“O Comitê de Ética, após várias verificações feitas por uma equipe de médicos especialistas, (…) confirmou que os critérios para o acesso legal ao suicídio assistido foram atendidos”, explicou em um comunicado a Associação Luca Coscioni, que luta há vários anos pela legalização do suicídio assistido na Itália.
A lei italiana pune o suicídio assistido com uma pena de 5 a 12 anos de prisão, mas em 2019 o Tribunal Constitucional introduziu uma exceção para “os pacientes mantidos com vida por meio tratamento […] e que sofrem uma patologia irreversível, fonte de sofrimentos físicos e psicológicos que considerem intoleráveis, sendo plenamente capazes de tomar decisões livres e conscientes”.
O caso autorizado é o de Mario (nome fictício), de 43 anos, um caminhoneiro que ficou tetraplégico há 10 anos após um acidente de trânsito em que fraturou a coluna vertebral.
Ele solicitou diversas vezes às autoridades de saúde da região em que mora, Marche, no centro do país, autorização para ter acesso ao suicídio assistido, o que foi negado, até que uma equipe de advogados da Associação Luca Coscioni assumiu o caso.
“Me sinto mais leve, toda a tensão acumulada dos últimos anos se foi”, declarou Mario, segundo a associação.
Até o momento não foram definidas as modalidades concretas nem a data para o suicídio assistido.
A decisão de 2019 do Tribunal Constitucional provocou um terremoto na Itália, país de forte tradição católica, mas deixou um vazio jurídico porque não definiu os procedimentos para a aplicação.
Por este motivo, a Associação Luca Coscioni iniciou uma campanha a favor de um referendo sobre a legalização da eutanásia na Itália, que foi assinada por mais de 750.000 pessoas. A consulta nacional poderá acontecer a partir de 2022.
Por:Diario de Pernambuco

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail [email protected] ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Mundo

Elefante enfurecido destrói carrinho de safari e causa pânico

Publicado

em

Um elefante-touro enfurecido destruiu um carrinho de safari na Selati Game Reserve,  perto do Kruger Great Park, na África do Sul, levando turistas e estudantes assustados a fugir.

Um vídeo que captou o momento mostra o animal descontrolado e as pessoas desesperadas correndo.

De acordo com o jornal Mirror, o elefante se enfureceu quando dois carrinhos de 11 lugares chegaram muito perto.

Dois elefantes são vistos caminhando em direção ao veículo quando outro ataca pela esquerda. Em seguida, o animal usa as suas presas para desviar o carrinho do caminho.

Fonte: MUndo ao Minuto

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail [email protected] ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Mundo

Japão detecta primeiro caso da variante ômicron

Publicado

em

O Japão confirmou nesta terça-feira o primeiro caso da variante ômicron do coronavírus, em um homem que retornou da Namíbia, um dia depois do anúncio de novas restrições nas fronteiras.
“A respeito do viajante que retornou da Namíbia, se confirmou que era um caso de ômicron após a análise do Instituto Nacional de Doenças Infecciosas”, declarou o porta-voz do governo, Hirokazu Matsuno.
“Este é o primeiro caso de ômicron confirmado no Japão”, acrescentou. O homem infectado – com idade entre 30 e 40 anos – está isolado em um centro médico.
Na segunda-feira, o Japão anunciou novas restrições nas fronteiras e vetou o acesso a todos os estrangeiros, poucas semanas depois de flexibilizar as medidas para permitir a entrada de alguns estudantes e viajantes de negócios.
Por:Diario de Pernambuco

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail [email protected] ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Mundo

Países do G7 convocam reunião para discutir variante Ômicron e Japão fecha fronteiras

Publicado

em

O Japão anunciou, nesta segunda-feira (29), o fechamento de suas fronteiras a todos os visitantes estrangeiros para frear a variante Ômicron da Covid-19 e, durante o dia, os ministros da Saúde do G7 se reunirão em caráter de urgência para tentar estabelecer uma estratégia comum diante do avanço da pandemia.

Três semanas após flexibilizar algumas restrições, o Japão decidiu implantar controles rígidos de fronteira, algo que muitos consideram coisa do passado.

A variante Ômicron, detectada inicialmente no sul da África, já está presente em vários países. Nesta segunda-feira, os ministros da Saúde do G7 (França, Estados Unidos, Canadá, Alemanha, Itália, Japão e Reino Unido) se reunirão “para discutir a evolução da situação sobre a Ômicron”, em um encontro organizado em caráter de urgência em Londres, que tem a presidência temporária do grupo.

 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail [email protected] ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo
Propaganda

Trending