Conecte-se Conosco

Brasil

Ministério do Trabalho é invadido e tem salas reviradas; PF é acionada

Publicado

em

Primeiro andar do prédio foi isolado; pasta é um dos alvos da Operação Registro Espúrio, que investiga fraudes na concessão de registros sindicais

Ministério do Trabalho foi invadido e teve salas reviradas, durante o fim de semana. Documentos oficiais foram encontrados espalhados sobre mesas e pelo chão por servidores do órgão, na manhã desta segunda-feira (16).

A Polícia Federal foi acionada e a segurança do prédio isolou todo o primeiro andar. Funcionários que trabalham no local precisaram ser deslocados para o térreo, que também teve parte da área externa cercada.

A assessoria da pasta confirmou o ocorrido, mas não soube informar o que foi levado. Disse apenas que ao menos duas salas do setor de seguro-desemprego foram invadidas.

O Ministério do Trabalho é um dos alvos da Operação Registro Espúrio, desencadeada no fim de junho, que investiga fraudes na concessão de registros sindicais. O prédio havia sido palco de mandado de busca e apreensão, expedido pelo Supremo Tribunal Federal (STF). O então chefe da pasta, Helton Yomura, chegou a ser afastado do cargo, por decisão do ministro Edson Fachin, e acabou pedindo demissão.

O substituto dele, Caio Vieira de Mello, tomou posse na semana passada e cancelou a emissão de registros sindicais pelo ministério até outubro, conforme publicação no Diário Oficial da União (DOU).

Por Notícias ao Minuto

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram. Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Brasil

Sequestrador do ônibus na ponte Rio/Niterói foi alvejado por seis tiros, diz perícia

Publicado

em

As primeiras análises da perícia indicam que o homem que sequestrou um ônibus, na manhã desta terça-feira (20/08/2019), no Rio de Janeiro, levou seis tiros ao ser baleado por snipers do Batalhão de Operações Especiais (Bope). Os tiros atingiram o antebraço direito, perna esquerda, braço esquerdo e o tórax do acusado Willian Augusto da Silva, de 20 anos, que faleceu no local do crime.

O sequestro durou cerca de quatro horas, iniciando às 5h30. Os militares conseguiram acertar William quando ele desceu do coletivo e jogou um casaco aos policiais. Nenhum dos 37 passageiros a bordo ficou ferido.

De acordo com o batalhão responsável pelo caso, a mãe do sequestrador disse que ele estava em surto psicótico há dias. Assim, a negociação dos policiais passou a ser tática, ao procurar alguma forma de conter o criminoso. As investigações também comprovaram que o revólver utilizado pelo sequestrador era de brinquedo.

Ao ser acertado, o coletivo foi cercado e uma maca foi deixada ao lado do ônibus para retirada do corpo. Os policiais foram aplaudidos pelos civis que estavam nas redondezas. Fonte: Metrópoles

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.
Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Brasil

Sequestro na Ponte: imagens mostram movimentação de criminoso no trajeto

Publicado

em

Imagens do circuito interno de vídeo do ônibus sequestrado na Ponte Rio-Niterói nesta terça-feira (20) mostram a ação do criminoso durante o trajeto. Ao todo, 39 pessoas foram feitas reféns.

Nas imagens é possível ver Willian Augusto da Silva, de 20 anos, com a pistola de brinquedo, abordando o motorista do coletivo, falando com passageiros, mexendo em pertences e inutilizando a câmera com um spray de tinta preta.

O homem que sequestrou um ônibus na Ponte Rio-Niterói morreu com seis perfurações, após ser alvejado por snipers do Batalhão de Operações Especiais da PM, segundo uma primeira análise da perícia.

Sequestrador do ônibus na Ponte Rio-Niterói fala com motorista — Foto: Reprodução
Sequestrador de ônibus na Ponte usa spray para inutilizar câmera — Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal
Willian interage com passageiros durante o sequestro — Foto: Reprodução/Arquivo Pessoal

Arma falsa e ameaça de incêndio

Willian subiu no ônibus, por volta das 5h10, em Alcântara, no ponto final. Deu uma nota de R$ 20 e recebeu troco. A tarifa é de R$ 9,15.

Segundo passageiros, estava calmo e foi assim durante toda a viagem até entrar na Ponte. O sequestro foi anunciado às 5h26. Pouco antes das 6h, o ônibus foi atravessado na pista sentido Rio da Ponte.

Willian intimidava os passageiros com uma arma falsa e ameaçou incendiar o ônibus. O Globocop flagrou quando Willian jogou, já em chamas, um desses recipientes para a frente do ônibus. Eram 6h31. Ninguém foi atingido.

Para tal, cortou garrafas PET ao meio, encheu os recipientes com gasolina e os pendurou ao longo da cabine. Fotos de reféns mostram esses copos improvisados.

Willian foi baleado e morto por um atirador de elite do Batalhão de Operações Especiais (Bope) às 9h04, após quase quatro horas de sequestro. Os 39 reféns, incluindo o motorista do ônibus, foram resgatados sem ferimentos – seis deles haviam sido liberados por Willian ao longo das negociações.

A polícia agiu após Willian descer do coletivo e arremessar um casaco. Quando ia subir a escada para reembarcar, ele foi baleado.

Willian Augusto da Silva, sequestrador do ônibus da Ponte — Foto: Reprodução

Por Marco Antônio Martins

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.
Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Brasil

Bolsa Família começa a pagar R$ 2,6 bilhões para beneficiários

Publicado

em

O pagamento segue até o dia 30 de agosto

Mais de 13,8  milhões famílias começam a receber o benefício do Bolsa Família relativo ao mês de agosto nesta segunda-feira (19). De acordo com informações do Ministério da Cidadania, no total, mais de R$ 2,6 milhões estão sendo transferidos para as famílias pobres. O pagamento segue até o dia 30. 

Estão aptas a receber o benefício famílias inscritas no Cadastro Único com uma renda mensal, por pessoa, de até oitenta e nove reais; ou de até cento e setenta e oito reais, no caso de núcleos familiares com crianças ou adolescentes de até dezessete anos.

Para receber o valor as famílias são obrigadas a manter as crianças na escola e a cumprir com o calendário de vacinação. O valor médio pago é de R$ 188 reais e 63 centavos. 

O repasse é realizado de acordo com o Número de Inscrição Social, o NIS, impresso no cartão. Aqueles que terminam com final 1 podem sacar no primeiro dia do pagamento. Os com final 2, no segundo dia e assim por diante. Os recursos ficam disponíveis para saque por três meses. Com informações da Agência Brasil

Por Notícias ao Minuto

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.
 

Continue lendo
Propaganda  

Trending