Conecte-se Conosco

Pernambuco

MPPE pede a condenação de Sarí Corte Real por morte do menino Miguel

Publicado

em

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) protocolou suas alegações finais na ação que julga Sarí Corte Real na 1ª Vara dos Crimes Contra Criança e Adolescente da Capital.

Sarí foi acusada pelo Ministério Público de abandono de incapaz quando, em 2 de junho de 2020, deixou o menino Miguel, de 5 anos, sozinho no elevador do prédio de luxo, na área central do Recife.

Na manifestação, o Ministério Público pede a condenação pelo crime de abandono de incapaz, qualificado pelo resultado morte. O promotor de justiça Humberto Graça entendeu ainda que existem circunstâncias agravantes, pelo fato de o crime ter sido cometido em momento de calamidade pública. No dia da morte da criança, a creche que Miguel frequentava estava fechada em razão da pandemia de Covid-19 e a mãe, Mirtes Renata, precisou levar o filho até a casa de Sarí, onde trabalhava como empregada doméstica. Sarí pode pegar até 12 anos de prisão, se for condenada.

“Apenas pelas idades, dela e da criança, já seria natural esperar um comportamento diferente da acusada, pois naquele momento, não apenas convencer e demover a criança de seu intento seria o esperado, mas sim remover a criança do elevador e conduzi-la em segurança de volta ao interior do apartamento ou seguir com ela no elevador ao encontro da mãe. O que não poderia ter acontecido era o abandono da criança no interior de um elevador”, afirma o promotor de justiça.

O Ministério Público também não considerou aceitável que um adulto se sujeite às vontades de uma criança que não tinha condições de seguir no elevador desacompanhado, deixando-o conduzir a situação.

“Tratar, naquele momento, uma criança de apenas 5 anos, como uma pessoa maior, capaz, inclusive de entender os perigos a que estava sujeita, foi, no mínimo, imprudente e negligente da parte da acusada”, diz a manifestação.

Mirtes Renata Souza diz que a manifestação do Ministério Público chega com a sensação de alívio e felicidade. “Eu tenho muita esperança no coração e fé em Deus que vamos conseguir justiça, pois está explícito o crime que ela cometeu tanto nos autos, nos depoimentos das testemunhas, nas imagens e nos pareceres jurídicos apresentados. Agora está nas mãos do juiz e esperamos a finalização do processo com justiça”, desabafa.

O processo seguiu para os assistentes de acusação, advogados de Mirtes, que entregaram as alegações finais na sexta-feira (3). No documento, os advogados afirmam ainda que a motivação do crime se deu por motivo fútil, “diante da impaciência para terminar os serviços das unhas, o que agrava a pena do crime”.

Miguel subiu até o nono andar e, ao sair do elevador para a parte externa do prédio, caiu de uma altura de aproximadamente 35 metros. No momento da queda, Mirtes estava passeando com o animal da família durante alguns minutos.  Agora, o processo seguirá para a manifestação da defesa de Sarí Corte Real e, em seguida, para a decisão do juiz.

Por:Blog Nill Júnior

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail [email protected] ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Pernambuco

MPPE lança edital de concurso público para promotor de Justiça

Publicado

em

O Ministério Público de Pernambuco (MPPE) lança edital de concurso público para o cargo de Promotor de Justiça, publicado no Diário Oficial Eletrônico (DOE), nesta sexta-feira (21), e, dentro da sua política de inclusão, inova com o aumento de cota racial (PPP), com percentual acima do exigido pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). As inscrições iniciam no dia 28/01/2022 e seguem até 21/02/2022. (Confira abaixo as principais informações sobre o Concurso Público do MPPE 2022).

O procurador-geral de Justiça, Paulo Augusto de Freitas Oliveira, enalteceu o planejamento da gestão para a realização do certame, logo no início do seu segundo ano de mandato. “A partir de um planejamento bem elaborado (Plano de Gestão 2021/2022) e com muito esforço da nossa equipe de gestão, estamos conseguindo, depois de sete anos do último concurso para promotor de Justiça, abrir um novo certame, neste início de ano, com a pretensão da nomeação dos 15 cargos ofertados, ainda neste exercício. Trata-se da concretização de uma grande meta da nossa gestão, não só a abertura do certame como a previsão de nomeação e posse dos aprovados neste ano. Esperamos que tudo transcorra dentro da normalidade, com muita transparência e eficiência, conforme salientamos em reunião que realizamos com a Comissão do Concurso e com a Fundação Carlos Chagas”, afirmou Paulo Augusto.

O PGJ salientou ainda uma inovação trazida pelo MPPE. “As regras do concurso que aprovamos no Conselho Superior do MPPE, materializadas neste edital, são exemplos de inclusão em certame dessa natureza no nosso país. Todas as cotas estão sendo observadas, com destaque para cota racial, que tem uma previsão acima do mínimo, que é de 20%, exigido pelo Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP). Nós estamos com um percentual acima, perto de 30% do número de vagas para esse concurso. Os 15 futuros membros virão se somar ao quadro de excelência de membros do MPPE, que é referência nacional, justamente pela qualificação dos seus integrantes. Quem ganhará com tudo isso é a sociedade pernambucana, que contará com um Ministério Público ainda mais presente e atuante”, assegurou Paulo Augusto.

A procuradora de Justiça Zulene Santana de Lima Norberto comentou a importância do certame: “Ao campo institucional antevejo o concurso público como de valia e necessidade para o efetivo cumprimento da ordem legal que assegura a presença e a atuação do Promotor de Justiça em todos os municípios do Estado. A instituição espera novos membros. O Estado, por igual. E a sociedade neles depositará a confiança que dignifica e engrandece a nossa instituição”.

A banca escolhida foi a Fundação Carlos Chagas (FCC), seguindo o critério de especialização e de melhor custo na cotação de valores. Além disso, a FCC já tem uma história de concursos públicos com o MPPE. Um ponto importante, também inovador, é que haverá um hotsite do próprio MPPE, atualizado permanentemente com informações gerais para os concurseiros e com as principais novidades a serem divulgadas ao longo do concurso.

Primando pela transparência e integração on line, também será oportunizado para fins de esclarecimento de dúvidas específicas dos candidatos um canal direto com a banca FCC, por meio do endereço eletrônico www.concursosfcc.com.br ou pelo telefone (0XX11) 3723-4388, de segunda a sexta-feira, úteis, das 10 às 16 horas (horário de Brasília), ou ainda através do link: https://bit.ly/3GMhwks.

A secretária da Comissão do Concurso e Chefe de Gabinete da Procuradoria Geral de Justiça, promotora de Justiça, Vivianne Maria Freitas de Melo Monteiro de Menezes, explica como funcionará a atualização das informações. “Esperamos ter um concurso tranquilo e a comissão estará sempre à disposição para qualquer esclarecimento. Estamos também colocando tudo no hotsite do concurso, de maneira que a expectativa é de termos um concurso de alto nível e que siga dentro de um ritmo de muita tranquilidade. Essa é a garantia que a procuradoria-geral de Justiça quer dar a todos os concurseiros”, afirmou Vivianne Menezes.

Sobre a comissão do certame, vale ressaltar que é composta pela procuradora de Justiça Zulene Santana de Lima Norberto (presidente), pela promotora de Justiça Vivianne Maria Freitas Melo Monteiro de Menezes (secretária), pela Procuradora de Justiça Sineide Maria de Barros Silva Canuto – Indicada pelo CSMP (titular), pelo desembargador Sílvio Neves Baptista Filho – Indicado pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco (titular), pelo advogado João Olímpio Valença de Mendonça – Indicado pela OAB Pernambuco (titular), e pelos técnicos ministeriais do MPPE Felipe Domingos Jurema e Hebert de Souza Rodrigues como membros.

Confira as principais informações sobre o Concurso Público do MPPE 2022:

Vagas: 15 (sendo 4 PPP e 2 PCD)

Cargo: Promotor de Justiça

Salário: 30.342,42

Banca: Fundação Carlos Chagas (FCC).

Inscrições: As inscrições ficarão abertas, exclusivamente, via Internet, no período das 10h do dia 28/01/2022 às 14h do dia 21/02/2022 (horário de Brasília) e custam R$ 295,00.

Provas:

Prova Objetiva: (100 questões de múltipla escolha, com duração de 5h) – dia 03/04/2022;
Provas Discursivas: (P1) e (P2) – dia 29/05/2022, com duração de 4h cada uma, (P1) período matutino e (P2) período vespertino;
Prova Oral de Arguição: período de 30/09/2022 a 02/10/2022, por tempo não superior a 15 (quinze) minutos para cada examinador.
Prova de títulos

Disciplinas:

A Prova Objetiva e as Provas Discursivas versarão sobre as seguintes matérias:
Grupo Temático I – Direito Penal, Direito Processual Penal, Direito de Execução Penal e Medicina Legal. Grupo Temático II – Direito Civil, Direito Empresarial, Direito Processual Civil. Grupo Temático III – Direito Constitucional, Direito Tributário, Direito Administrativo e Direito Eleitoral. Grupo Temático IV – Direitos Difusos e Coletivos, Direito da Criança e do Adolescente e Legislação Institucional. Grupo Temático V – Promoção da Igualdade Étnico-racial e Legislação Específica.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail [email protected] ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Pernambuco

Eleições 2022: Oposição realiza debate sobre Pernambuco em Garanhuns, nesta sexta-feira(21)

Publicado

em

O primeiro evento “Levanta Pernambuco” em 2022, movimento do PSDB -PL -PSC e Cidadania, para debater problemas do estado e soluções, terá o primeiro encontro de 2022 nesta sexta-feira (21), a partir das 19h, em Garanhuns, no Agreste Meridional.

O evento será realizado na Associação Garanhunense de Atletismo (AGA), no bairro Heliópolis.

Participam do evento os presidentes estaduais do PSDB, Raquel Lyra; do PL, Anderson Ferreira; do Cidadania, Daniel Coelho; o deputado federal Fernando Rodolfo; o deputado estadual Álvaro Porto; o ex-senador Armando Monteiro; os ex-prefeitos Izaías Régis (Garanhuns), Débora Almeida (São Bento do Una) e Rossine Blesmany (Lajedo), e lideranças de toda a região.

O encontro será limitado a 300 pessoas e exigirá comprovação do esquema vacinal completo contra a Covid-19 na entrada.

Desde outubro passado, quando foi iniciado, o Movimento Levanta Pernambuco percorreu as regiões da Mata Sul e Norte, os Agrestes Setentrional e Central, os sertões Central, de Itaparica e do Araripe, e a RMR. (Da AsCom)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail [email protected] ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Pernambuco

Veja quais são as vagas de emprego disponibilizadas para hoje(21/01), no Estado de Pernambuco

Publicado

em

As agências do Trabalho de Pernambuco divulgam, diariamente, quadros de vagas com oportunidades de trabalho em unidades espalhadas pelo estado, na Região Metropolitana do Recife (RMR), Agreste e Sertão.

Para se candidatar, é necessário agendar previamente o atendimento através do site da Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação (Seteq), onde também há os endereços e telefones de todas as agências.

Confira o quadro de vagas completo  clicando aqui

Agende atendimento através do  site da Secretaria do Trabalho, Emprego e Qualificação.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail [email protected] ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo
Propaganda

Trending