Conecte-se Conosco

Esporte

Palmeiras avalia realizar nova redução salarial no elenco profissional

Publicado

em

No começo deste mês, o técnico Vanderlei Luxemburgo afirmou que o elenco se colocou à disposição para reduzir os salários com a intenção de preservar o emprego de outros funcionários.

Palmeiras pretende negociar uma extensão da redução salarial do elenco profissional por causa do impacto financeiro da pandemia do novo coronavírus. Após os atletas receberem nos meses de maio e junho um valor 25% menor, a diretoria pretende aplicar a diminuição também em julho, possivelmente com uma parcela até maior de desconto. Para isso, o clube já começou a se reunir com alguns jogadores para formalizar a proposta.

Assim como no primeiro acordo de redução salarial, o Palmeiras quer conduzir essa nova rodada de negociação da mesma forma. O clube conta com um estudo técnico para avaliar a viabilidade e até a necessidade do desconto. Depois disso, a proposta é apresentada a alguns jogadores tidos como líderes do elecno, como o capitão Felipe Melo, que têm o papel de repassar o recado para consulta e votação dos demais atletas.

O acordo salarial anterior previa também a postergação do pagamento dos direitos de imagem. Os valores relativos a abril serão divididos entre os meses de agosto e dezembro de 2020, enquanto os de maio serão distribuídos entre janeiro e junho do ano que vem. Agora para essa nova rodada, o Palmeiras quer incluir também na discussão um novo calendário de acertos sobre esse pagamento.

Em entrevista ao Estadão no começo deste mês, o técnico Vanderlei Luxemburgo afirmou que o elenco do Palmeiras se colocou à disposição para reduzir os salários com a intenção de preservar o emprego de outros funcionários. O treinador, assim como alguns membros do departamento de futebol, também tiveram os vencimentos reduzidos. “Quando você fala que vai ajudar os funcionários, acabou. Os caras vão lá e colaboram”, comentou.

Assim como outros times paulistas, o Palmeiras só deve ter calendário de jogos a partir de agosto, com o retorno do Brasileirão e do Campeonato Paulista. As duas competições serão disputadas com os portões fechados, para evitar a propagação do coronavírus.

Por Estadão Conteúdo

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Esporte

Ronaldinho Gaúcho volta a ter pedido de liberdade negado no Paraguai

Publicado

em

Uma corte do Paraguai rejeitou uma apelação para libertar Ronaldinho Gaúcho e seu irmão e empresário, Roberto de Assis, detido há quatro meses no país por uso de documentos públicos de conteúdo falso, informaram neste sábado (11), fontes judiciais à AFP.

A promotoria investiga Ronaldinho Gaúcho por supostas conexões com uma rede que opera documentos autênticos com conteúdo falso e jogos clandestinos de azar.

Ronaldinho e seu irmão foram detidos em 6 de março por uso de passaportes paraguaios com identidade de conteúdo falso.

A defesa dos dois tinha apresentado uma apelação contra uma resolução tomada pelo juiz que confirmou a prisão preventiva. A corte argumentou que os advogados recorreram a um “meio processual indevido para atacar a decisão judicial”.

Ronaldinho e o irmão estão alojados em um hotel no centro de Assunção, onde cumprem prisão domiciliar.

Dezoito pessoas foram detidas por envolvimento no caso, a maioria funcionários da Migração e do Departamento de Identificações da Polícia, todas em prisão domiciliar.

A promotoria emitiu uma ordem de captura contra a empresária Dalia López, que intermediou a ida do ex-craque do futebol mundial para o Paraguai para atos beneficentes com crianças pobres.

Ronaldinho Gaúcho também tinha na agenda a inauguração de um cassino de propriedade de um empresário brasileiro quando foi detido.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Esporte

Libertadores volta em 15 setembro; Sul-Americana, em 27 de outubro

Publicado

em

“Esse fator, somado à elaboração e aprovação unânime do Conselho do Protocolo Conmebol e de um manual operacional para viagens e treinamentos possibilita o retorno da Conmebol Libertadores e da Conmebol Sul-Americana”

Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) anunciou a retomada das Copas Libertadores e Sul-Americana. A Libertadores reiniciará no dia 15 de setembro e a Sul-Americana em 27 de outubro. Ambas as competições terão seus regulamentos mantidos, como previsto inicialmente. Em nota a entidade afirmou que o retorno estará em conformidade com as determinações das autoridades sanitárias de cada país. 

“Esse fator, somado à elaboração e aprovação unânime do Conselho do Protocolo Conmebol e de um manual operacional para viagens e treinamentos possibilita o retorno da Conmebol Libertadores e da Conmebol Sul-Americana. Com a aplicação rigorosa e responsável de todos os jogadores de futebol, o desejo de retorno do futebol se tornará uma realidade das condições de saúde, sempre cuidando da saúde de todos.”

De acordo com o calendário divulgado pela Conmebol, os dois campeonatos, que foram suspensos em março devido à pandemia do novo coronavírus, serão concluídos em 2021. As finais ainda não têm data confirmada, embora haja marcação no cronograma para ocorrerem em 23, 24 ou 30 de janeiro. As semifinais de ambas as disputas estão agendadas para 6 e 13 de janeiro. Em relação a decisão da Recopa no ano que vem, que é o confronto entre os campeões da Libertadores e Sul-Americana, ocorrerá em 12 e 19 de fevereiro.

A Libertadores foi interrompida quando se encontrava na 3° rodada da fase de grupos, tendo sete representantes brasileiros em busca do título continental: Athletico-PR, Flamengo, Grêmio, Internacional, Palmeiras, Santos e São Paulo. Já a Sul-Almericana foi suspensa na 2° fase, com dois clubes do Brasil na disputa – Bahia e Vasco

Por Notícias ao Minuto

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Esporte

Revisão libera capital, grande SP e Baixada Santista para Paulistão

Publicado

em

Os jogos, até o fim do Estadual, serão disputados sem público.

Os jogos que marcam o retorno da primeira divisão (Série A1) do Campeonato Paulista a partir de 22 de julho poderão ser disputados na cidade de São Paulo, na maior parte da região metropolitana da capital e na Baixada Santista. São as áreas, com equipes envolvidas na competição, que constam na fase amarela (a terceira, de cinco) do Plano São Paulo, que flexibiliza as medidas de isolamento social adotadas no estado para combater a pandemia do novo coronavírus (covid-19). A revisão das etapas, realizada a cada duas semanas, foi feita nesta sexta (10).

Conforme o anúncio do governo paulista, as regiões de Osasco, Barueri, Mogi das Cruzes, Suzano (todas da grande São Paulo), Santos (Baixada) e Registro (Vale do Ribeira) passaram a constar na etapa amarela, que indica um melhor controle no combate ao coronavírus. A próxima atualização será em 24 de julho, com validade a partir do dia 27.

A Federação Paulista de Futebol (FPF) ainda não divulgou as datas e horários das duas próximas rodadas, que encerram a primeira fase da competição, mas, com a previsão de que o torneio acabe em 8 de agosto, elas devem ser concluídas até dia 26, um domingo. Os jogos, até o fim do Estadual, serão disputados sem público.

Na última quarta (8), quando anunciou a liberação para volta do campeonato, o governador João Doria disse que a condição para a realização dos jogos era que os municípios estivessem ao menos na fase amarela do plano. Na última quinta (9), a FPF confirmou que adotaria a determinação e que as equipes de cidades nas etapas vermelha (primeira, com maior número de restrições) e laranja (segunda com mais restrições) teriam que mandar as partidas em outro local. A entidade informou que iria “custear o transporte e hospedagem dos clubes que não puderem atuar em suas sedes, se assim for solicitado”.

Por Notícias ao Minuto

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Trending