Conecte-se Conosco

Cultura

Pierce Brosnan, ex-James Bond, defende mulher 007

Publicado

em

O ator interpretou 007 nos longas “007 – Contra GoldenEye” (1995), “007 – O Amanhã Nunca Morre” (1997), “007 – O Mundo Não É o Bastante” (199) e “007 – Um Novo Dia para Morrer” (2002)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – O ator Pierce Brosnan, 66, que interpretou James Bond entre 1995 e 2002, defendeu a ideia de que uma  mulher deve ocupar a próxima vaga de 007.

“Acho que nós só vimos homens nos últimos 40 anos. Saiam do caminho, garotos, e deixem as mulheres ocupar esse lugar! Acho que seria divertido, seria empolgante”, afirmou Brosnan, em entrevista ao site americano Hollywood Reporter.

Brosnan interpretou 007 nos longas “007 – Contra GoldenEye” (1995), “007 – O Amanhã Nunca Morre” (1997), “007 – O Mundo Não É o Bastante” (199) e “007 – Um Novo Dia para Morrer” (2002).

Ele defende a ideia, mas acha que isso não deve ocorrer enquanto a produtora do filme for Barbara Broccolli, filha de Albert Broccolli (1909-1996) que comprou os direitos do personagem dos romances de Ian Fleming (1908-1964).

O ator acha que uma mulher caberia no papel neste momento em que movimentos como o #MeToo ganham força.

O próximo filme “No Time to Die”, que estreia em 2020, terá Daniel Craig no papel, ator que vive o personagem desde 2006. Segundo o Hollywood Reporter, o fim do longa dará a entender que a próxima 007 seria a atriz britânica Lashana Lynch, 31.

Este é o último filme de Craig, que já ensaiou se aposentar do papel algumas vezes e chegou a dizer que “cortaria os pulsos” a interpretar o herói novamente. Na época, foram cogitadas algumas atrizes que pudessem fazer o papel de 007, entre elas, Gillian Anderson, de “Arquivo X”.

As filmagens do longa tiveram tantos problemas que a data de lançamento foi adiada diversas vezes. Craig se machucou nas filmagens e teve de fazer uma cirugia no tornozelo. Logo depois, houve  uma explosão no set. A produção, ainda, ficou para aguardando Rami Malek. O vilão do filme sofreu com conflito de agendas e atrasou o calendário das filmagens.

Brosnan já defendeu para o papel nomes como Tom Hardy e Idris Elba e diz que esse é tipo de personagem de marca a vida de qualquer ator. “James Bond tem sua significância, é um grande orgulho. Serei perguntado sobre isso até meus últimos dias de vida”, afirma Brosnan.

Por Folhapress

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Cultura

HBO pronta para adaptar nova história de ‘GOT’?

Publicado

em

O mais recente livro de George R.R. Martin pode dar início a uma nova adaptação

Mesmo com ‘His Dark Materials’ a ser a próxima grande aposta da HBO no que diz respeito a séries de fantasia parece que a rede de televisão norte-americana ainda não está pronta para esquecer ‘Game of Thrones’.

Isto de acordo com uma notícia avançada pela Deadline, que aponta para que a HBO esteja a estudar a hipótese de adaptar ‘Fire & Blood: Vol 1’, o mais recente livro de George R.R. Martin sobre a história da família Targaryen. Na verdade, a publicação aponta para que a série esteja a ser desenvolvida desde o final do ano passado, quando o livro foi lançado.

Aparentemente, uma representante da HBO foi confrontada com essa hipótese e não terá confirmado nem desmentido os planos de adaptar a história da Deadline. Quem sabe, é possível que tenhamos novidades em breve.

POR MIGUEL PATINHA DIAS

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Cultura

Filme russo é pastiche de Harry Potter com efeitos especiais risíveis

Publicado

em

Abigail e a Cidade Proibida’ estreou há três semanas na Rússia e o faturamento não chegou a US$ 1,5 milhão

Sempre é curioso assistir a um filme que saia do lugar-comum. No caso de “Abigail e a Cidade Proibida”, a novidade está no fato de que a produção é parte russa, filmada em cidades como São Petersburgo e Moscou, mas principalmente em Tallinn, capital da Estônia, cujo centro histórico serviu como locação para a cidade onde mora a moça do título.

Mas a outra parte da produção é americana, o que garante que nada saia muito dos trilhos do “cinemão” de Hollywood. Assim, o que temos em “Abigail” é um pastiche envolvendo Harry Potter e “Máquinas Mortais”, aquele filme em que cidades andam pela terra como se fossem gigantescos tratores.

Do pequeno mago, o diretor Aleksandr Boguslavskiy, também corroteirista, aproveitou toda a trama de “garota sem pai descobre que existe um mundo de magia e que ela é a mais forte de todos”. Cópia descarada mesmo.

Do segundo, vem todo o trabalho de figurino do início do século passado, das máquinas cheias de engrenagens e dos veículos, sejam eles automóveis dos anos 1930, sejam máquinas voadoras do estilo de Júlio Verne.

Quando criança, Abigail teve seu pai (o inglês Eddie Marsan, único ator não eslavo) levado pelas autoridades por estar infectado com uma doença misteriosa. Essa doença, ela vai descobrir uma década depois, é ter poderes mágicos. Para se manterem no poder, as pessoas “normais” criaram uma sociedade em que os mágicos sofrem perseguição e são relegados à escória social.

Assim, Abigail liderará o levante pela justiça dos magos. Infelizmente, a Rússia não está em total sintonia com a sociedade ocidental mais esclarecida, por isso a moça cai de amores pelo líder da resistência, um verdadeiro palerma, mas que é retratado como herói na trama.

Falta ainda um bom vilão, pois o chefe da repressão é tão pouco desenvolvido no roteiro que não chega a assustar nem quando começa a matar nossos amigos mágicos com seu sabre lustroso. E os efeitos especiais são risíveis, frutos provavelmente de um orçamento baixo (estimado em US$ 25 milhões) para uma produção ambiciosa dessas.

Há, entretanto, boas ideias, notadamente o personagem do professor de magia que esquece tudo que faz segundos depois e também a engenhosa ligação de Abigail com seu pai desaparecido, que lhe manda dicas por meio de recordações.

Parece que esses achados não serviram para salvar o filme. “Abigail e a Cidade Proibida” estreou há três semanas na Rússia e o faturamento não chegou a US$ 1,5 milhão. Talvez a garotada do Ocidente, por onde o filme seguirá estreando a partir desta quinta (12), veja a poderosa mocinha com olhos melhores.

Por Folhapress

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Cultura

Coringa, Malévola e Star Wars estão entre principais lançamentos do ano

Publicado

em

Gui Pereira, diretor de cinema, separou seis filmes que vale a pena conferir nas telonas ainda em 2019

Vingadores- Ultimato”, “O Rei Leão”, “Era uma Vez em Hollywood”, são exemplos de filmes que foram muito comentados e esperados para 2019. Mas, mesmo com apenas quatro meses para o fim do ano, ainda temos vários lançamentos que prometem dar o que falar e lotar as salas de cinema.

O diretor de cinema e fundador da Dodô Filmes, Gui Pereira, separou seis filmes que vale a pena conferir e que, apesar de não ter o apelo comercial dos lançamentos do primeiro semestre, trazem grandes nomes do cinema e histórias já consagradas. Confira a lista:

Rambo: Até o Fim – Lançamento: 19 de setembro

O tempo passou para Rambo (Sylvester Stallone), agora ele vive recluso e trabalha em um rancho que fica na fronteira entre os Estados Unidos e o México. Sua vida antiga marcada por lutas violentas, mas quase sempre vitoriosas, ficou no passado. No entanto, quando a filha de um amigo é sequestrada, Rambo não consegue controlar seu ímpeto por justiça e resolve enfrentar um dos mais perigosos cartéis do México.

Ad Astra: Rumo às Estrelas – Lançamento: 26 de setembro

Roy McBride (Brad Pitt) é um engenheiro espacial, portador de um leve grau de autismo, que decide empreender a maior jornada de sua vida: viajar para o espaço, cruzar a galáxia e tentar descobrir o que aconteceu com seu pai, um astronauta que se perdeu há vinte anos atrás no caminho para Netuno.

Coringa – Lançamento: 4 de outubro

Gotham City, 1981. Em meio a uma onda de violência e a uma greve dos lixeiros que deixou a cidade imunda, o candidato Thomas Wayne (Brett Cullen) promete limpar a cidade na campanha para ser o novo prefeito. É neste cenário que Arthur Fleck (Joaquin Phoenix) trabalha como palhaço para uma agência de talentos, com um agente social o acompanhando de perto, devido aos seus conhecidos problemas mentais. Após ser demitido, Fleck reage mal à gozação de três homens de Wall Street em pleno metrô e os mata. Os assassinatos iniciam um movimento popular contra a elite de Gotham City, da qual Thomas Wayne é seu maior representante.

 Malévola: Dona do Mal – Lançamento: 17 de outubro

Uma aventura que se passa vários anos depois de “Malévola” – em que o público aprendeu sobre os eventos que endureceram o coração da vilã mais famosa da Disney e a levou a amaldiçoar a pequena princesa Aurora, “Malévola II” continua a explorar a relação complexa entre a fada de chifres e a quase rainha, ao formarem novas alianças e enfrentarem novos adversários em sua luta para proteger os mouros e as criaturas mágicas.

 Exterminador do Futuro: Destino Sombrio – Lançamento: 31 de outubro

27 anos após os eventos de O Exterminador do Futuro 2: O Julgamento Final, um novo e modificado Exterminador de metal líquido (Gabriel Luna) é enviado do futuro pela Skynet para exterminar Dani Ramos (Natalia Reyes), uma híbrida de ciborgue com humana (Mackenzie Davis) e seus amigos. Sarah Connor (Linda Hamilton) vai a seu auxílio, assim como o Exterminador original (Arnold Schwarzenegger), em uma luta pelo futuro.

Star Wars: A Ascensão Skywalker – Lançamento: 19 de dezembro

Lucasfilm e o diretor J.J. Abrams juntam forças mais uma vez para levar os espectadores a uma jornada épica em uma galáxia muito, muito distante em Star Wars: A Ascensão Skywalker, a fascinante conclusão da saga Skywalker, na qual novas lendas nascerão e a batalha final pela liberdade ainda está por vir.
Por Notícias ao Minuto

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo
Propaganda  

Trending