Conecte-se Conosco

Esporte

Verstappen faz melhor tempo sob chuva e garante pole no GP do Canadá

Fernando Alonso (Alpine) e Carlos Sainz (Ferrari) largam na segunda e na terceira posição. Lewis Hamilton (Mercedes) terminou a prova em quarto.

Publicado

em

[responsivevoice_button voice=”Brazilian Portuguese Female”]

Max Verstappen fez o melhor tempo do treino de classificação da Fórmula 1, neste sábado (18), e garantiu a pole position para o GP do Canadá, que acontece neste domingo (19): 1min21s620. Fernando Alonso (Alpine) e Carlos Sainz (Ferrari) largam na segunda e na terceira posição. Lewis Hamilton (Mercedes) terminou a prova em quarto.O treino de classificação, assim como o treino livre, aconteceu sob intensa chuva. A prova que determinou o grid de largada da corrida deste deomingo teve acidentes e bandeira vermelha.

Q1 – ÚNICO TREINO DE LECLERC

Max Verstappen fez o melhor tempo do Q1. Kevin Magnussen, da Haas, surpreendeu ao sair da última posição e chegar à liderança, com o melhor tempo da volta. Ele terminou o Q1 na terceira posição.

Na largada, Nicholas Latif e Esteban Ocon passaram direto pela primeira curva. A pista ainda estava molhada devido à chuva que tomou conta de Montreal durante todo o dia. Entretanto, durante a prova, as condições da pista melhoraram.

Pierre Gasly e Sebastian Vettel, das equipes AlphaTauri e Aston Martin, respectivamente, fizeram o segundo e o terceiro melhor tempo no último treino livre. Os dois, entretanto, não se classificaram no Q1.

Apesar de ter passado para o Q2, Charles Leclerc abandonou o treino de classificação. A Ferrari decidiu, neste sábado (18), que faria uma alteração no motor do carro do piloto monegasco. Devido a isso, ele larga na última posição amanhã, independentemente do resultado do treino classificatório.

“Fiquei feliz com o resultado porque sei que, com o motor bom, vai ser fácil de ultrapassar”, diz.
Q2 – PEREZ BATE
Alexander Albon (Williams) bateu ao passar do ponto de freada durante o Q2. A bandeira amarela apareceu. O mesmo aconteceu com Sérgio Perez (Red Bull), que passou reto durante a curva na terceira volta. A batida de Perez, entretanto, foi um pouco mais forte do que a de Albon, fazendo com que a bandeira vermelha entrasse em cena para paralisar a prova.

O piloto da Red Bull abandonou o treino de classificação e vai largar em 13º. O carro do piloto mexicano precisou ser recolhido da pista. Nas últimas duas corridas, o mexicano largou na frente de Max Verstappen e tem obtido bons resultados.

Depois do acidente, todos os pilotos voltaram ao Q2 com pneus intermediários. A pista começou a secar, e as voltas foram ficando mais rápidas à medida que o tempo passada -com tempos reduzindo drasticamente.

Esteban Ocon (Alpine) e Alexander Albon foram os eliminados do Q2. Max Verstappen manteve a liderança com 1min23s746. Lewis Hamilton ficou entre os últimos até a última volta, mas conseguiu se recuperar e terminou o Q2 na quinta posição.
Q3 – VERSTAPPEN CONFIRMA FAVORITISMO
Max Verstappen liderou todo o Q3 e confirmou o favoritismo. Com a pista seca, a prova foi mais estável, e os índices de tempo diminuíram consideravelmente. A marca de Verstappen, entretanto, foi inferior à atingida durante o segundo treino livre, na sexta-feira (17): 1min14s127.
*
CONFIRA O GRID DE LARGADA DO GP DO CANADÁ
1º Max Verstappen (Red Bull)
2º Fernando Alonso (Alpine)
3º Carlos Sainz (Ferrari)
4º Lewis Hamilton (Mercedes)
5º Kevin Magnussen (Haas)
6º Mick Schumacher (Haas)
7º Esteban Ocon (Alpine)
8º Daniel Ricciardo (McLaren)
9º George Russel (Mercedes)
10º Guanyu Zhou (Alfa Romeo)
11º Valtteri Bottas (Alfa Romeo)
12º Alexander Albon (Williams)
13º Sergio Perez (Red Bull)
14º Lando Norris (McLaren)
15º Pierre Gasly (Alpha Tauri)
16º Sebastian Vettel (Aston Martin)
17º Lance Stroll (Aston Martin)
18º Nicholas Latifi (Williams)
19º Charles Leclerc (Ferrari)
20º Yuki Tsunoda (Alpha Tauri).

Por Uol/Folhapress

 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

 

Esporte

Corinthians vive ‘fim de ciclo’ contra o Coritiba em encerramento do Brasileirão

O time fecha o ano diante do Coritiba, a partir das 21h30 (horário de Brasília), já planejando a próxima temporada.

Publicado

em

Sem riscos de ser rebaixado e já classificado à Copa Sul-Americana de 2024, o Corinthians viaja ao Paraná nesta quarta-feira para encerrar sua temporada. Com um ano sem grandes glórias – eliminado na fase de grupos da Libertadores, quartas de final do Paulistão e nas semifinais da Copa do Brasil e Sul-Americana -, o time fecha o ano diante do Coritiba, a partir das 21h30 (horário de Brasília), já planejando a próxima temporada.

Mano Menezes assumiu o comando da equipe na reta final do Brasileirão e conseguiu o principal objetivo: manter a equipe na primeira divisão. Com 47 pontos, está a seis do Bahia, 17º colocado e o primeiro no Z-4. Sendo assim, não há mais riscos matemáticos de uma queda para a Série B. A partida contra o Coritiba – 19º e já rebaixado para a Série B – no Estádio Couto Pereira serve apenas para o treinador tentar traçar ideias para o próximo ano.

Contratado após a demissão de Vanderlei Luxemburgo, o treinador ainda não teve sua permanência para o próximo ano garantida por Augusto Melo, presidente eleito para o triênio 2024-2026. Por ser um ‘jogo morto’, em que os times já não têm mais pelo que disputar neste Brasileirão, o elenco corintiano não estará completo.

Lucas Veríssimo, expulso contra o Internacional, e Gabriel Moscardo, que pode ter se despedido do clube em direção ao futebol europeu e recebeu o terceiro cartão amarelo na partida contra o Internacional, serão desfalques. Fábio Santos, outro que se despediu da torcida, não viajou com o grupo para Curitiba.

Renato Augusto e Maycon, que terão seus contratos encerrados ao fim deste ano e ainda não acertaram sua renovação, não viajaram com o grupo de Mano Menezes, assim como Giuliano e Matías Rojas. Além destes, Gil e Paulinho, que se recupera de lesão no joelho, também estão no final de seus vínculos. A partida contra o Coritiba marca o fim de um ciclo para alguns dos principais jogadores do elenco.

Um destes é Cássio. Há alguns jogos o goleiro tem demonstrado insatisfação em sua relação com a torcida. “Não sei, tenho contrato. Geralmente fala de sair quando tem proposta, não sei se tem, tenho contrato com o Corinthians. Futebol não dá para cravar nada, vem demonstrando que nada é certo”, disse Cássio, na zona mista após derrota para o Internacional por 2 a 1. O goleiro também não viajou com o elenco.

Em meio a isso, a escalação de Mano Menezes foi mexida em relação ao último duelo. Fausto Vera volta a ficar à disposição após lesões e vai começar entre os 11 iniciais. O mesmo vale para Yuri Alberto, que cumpriu suspensão contra seu ex-time e encerrará a temporada no Couto Pereira. Na última temporada, no mesmo estádio, o atacante marcou um dos gols no empate por 2 a 2.

“Às vezes, você não consegue conviver com essa pressão, jogadores sentem um pouco mais. Mas ano que vem vai ser diferente, nós vamos voltar a vencer como sempre venceu”, afirmou Mano Menezes. Dentre os times paulistas, o Corinthians terminará apenas à frente do Santos na tabela do Brasileirão.

Já o Coritiba, que contratou Guto Ferreira para as últimas rodadas, tem apenas um objetivo: evitar com que o elenco de 2023 conquiste a pior campanha do clube na história dos pontos corridos. Com 30 pontos, soma um a menos do que 2020, quando também foi rebaixado à Série B.

Foto Getty Images

Por Estadão Conteúdo

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9155-5555.

Continue lendo

Esporte

Sauber promete surpreender com nome substituto da Alfa Romeo na Fórmula 1

Publicado

em

Depois de quatro anos com sua equipe de Fórmula 1 competindo sob o nome de Alfa Romeo, como fruto de um acordo de patrocínio, a Sauber terá um novo parceiro no ano que vem, já que a parceria com a marca italiana de automóveis de luxo chegou ao fim. De acordo com Alessandro Alunni Bravi, chefe da empresa suíça de automobilismo, o anúncio do novo nome da equipe será surpreendente.

“No dia 10 de dezembro, tão logo a Federação Internacional de Automobilismo publique a lista de inscritos, anunciaremos, é claro, o novo nome da equipe. Acho que será uma surpresa. Mal podemos esperar para iniciar a parceria com nossos novos parceiros, acho que teremos uma abordagem realmente nova em termos de comunicação, marketing e faremos o lançamento do carro aqui no Reino Unido”, afirmou durante premiação da revista Autosport.

A Sauber competiu na Fórmula 1 de 1993 até 2018 com seu próprio nome atrelado a algumas marcas como Red Bull, Petronas e BMW, mas quando firmou o acordo com a Alfa Romeo, o nome da equipe passou a ser apenas da parceira. A partir de 2026, a Sauber se tornará a equipe de fábrica da Audi, atraída para a Fórmula 1 após a reformulação do regulamento de motores, que determina maior uso de potência elétrica e combustíveis sustentáveis

Apesar do acerto com a Audi, a equipe suíça já deixou claro de que não exibirá nenhuma referência à Audi em seu carro de Fórmula 1 até 2026. “Não é um período de limbo, construímos nosso futuro aqui e agora, não é que haja uma separação entre o período Sauber e o período Audi. Estamos trabalhando desde o início do ano com o CEO do nosso grupo, Andreas Seidl, para este processo de transformação”, disse Bravi.

Fonte:  ESTADAO CONTEUDO

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9155-5555.

 

Continue lendo

Esporte

Conmebol anuncia sedes, estádios e calendário da Copa América de 2024; veja

A Copa América de 2024 terá 16 seleções e será realizada entre 20 de junho e 14 de julho.

Publicado

em

A Conmebol anunciou cidades-sede, estádios, calendário, e todos os detalhes da Copa América de 2024, nos Estados Unidos.

A Copa América de 2024 terá 16 seleções e será realizada entre 20 de junho e 14 de julho. Serão disputadas 32 partidas ao longo de 25 dias de competição.

O torneio acontecerá em 14 estádios diferentes, anexados em 13 cidades e 10 estados dos EUA.

A partida de abertura será em Atlanta, no Mercedes-Benz Stadium. A final ocorrerá no Hard Rock Stadium, em Miami.

As 10 seleções da Conmebol e outras 4 equipes da Concacaf (Estados Unidos, Jamaica, México e Panamá) já estão confirmadas. As duas vagas restantes serão conhecidas após as repescagens de Canadá x Trinidad y Tobago e Costa Rica x Honduras.

O Brasil será cabeça de chave do Grupo D do torneio. Os rivais argentinos estão no Grupo A, enquanto México (B) e EUA (C) completam a lista.

“Teremos uma Copa América inesquecível, sentindo as emoções do melhor futebol do mundo em 14 magníficos estádios. A paixão do futebol vai percorrer este enorme país de leste a oeste e de norte a sul, levando vibração e diversão a centenas de torcedores nas sedes e outros milhões de espectadores em todo o mundo”, disse Alejandro Domínguez, presidente da Conmebol e vice-presidente da Fifa.

Confira o calendário de jogos:

Fase de grupos: 20 de junho a 2 de julho
Quartas de final: 4 a 6 de julho
Semifinais: 9 e 10 de julho
Disputa pelo terceiro lugar: 13 de julho
Final: 14 de julho

Confira os estádios:

Allegiant Stadium, Las Vegas, Nevada
AT&T Stadium, Arlington, Texas
Bank of America Stadium, Charlotte, North Carolina
Children’s Mercy Park, Kansas City, Kansas
Exploria Stadium, Orlando, Flórida
GEHA Field at Arrowhead Stadium, Kansas City, Missouri
Hard Rock Stadium, Miami Gardens, Flórida
Levi’s Stadium, Santa Clara, Califórnia
Mercedes-Benz Stadium, Atlanta, Georgia
MetLife Stadium, East Rutherford, New Jersey
NRG Stadium, Houston, Texas
Q2 Stadium, Austin, Texas
SoFi Stadium, Inglewood, Califórnia
State Farm Stadium, Glendale, Arizona.

Foto Shutterstock

Por Folhapress

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9155-5555.

Continue lendo
Propaganda

Trending

Fale conosco!!