Conecte-se Conosco

Esporte

Ronaldo ganha a 5ª Bola de Ouro e iguala-se a Messi como maior vencedor.

Publicado

em

Sem surpresas. Cristiano Ronaldo ganhou a Bola de Ouro pela quinta vez na carreira, em cerimônia realizada nesta quinta-feira.

Dessa forma, o português, que tinha sido eleito o melhor jogador do mundo pela publicação também em 2008, 2013, 2014 e 2016, iguala-se a Lionel Messi como o maior vencedor na história. Michel Platini, Johan Cruyff e Marco van Basten aparecem na sequência com três troféus cada.

Vale destacar que duas das vezes que Ronaldo foi eleito – em 2013 e 2014 – o prêmio era unificado com o da Fifa. Hoje, eles são distribuídos separadamente, sendo que Ronaldo foi escolhido o melhor em 2017 também pela Fifa.

Na última temporada, o camisa 7 foi um dos principais responsáveis para que o Real Madrid conquistasse o título da Uefa Champions League e do Campeonato Espanhol. Contando as duas competições, mais a Copa do Rei e o Mundial de Clubes, o português fez 46 partidas em 2016-17, tendo somado 42 gols e 11 assistências.

O grande momento de Ronaldo na última temporada foi a final da Champions em Cardiff (País de Gales), na qual marcou duas vezes na goleada por 4 a 1 sobre a Juventus, assegurando a segunda conquista consecutiva do torneio. O meia-atacante terminou como artilheiro da competição com 12 gols.

No ano passado, o primeiro desde a separação da premiação da Fifa, o português ficou em primeiro com 745 pontos, mais do que o dobro dos 316 de Lionel Messi. Antoine Griezmann (198) completou o pódio.

O pódio, desta vez, só teve mudança no terceiro lugar, com Neymar entrando na vaga do francês.

Veja a lista dos 30 melhores jogadores do mundo em 2017, segundo a premiação da France Football:

1 – Cristiano Ronaldo (Real Madrid)
2 – Lionel Messi (Barcelona)
3 – Neymar (Barcelona/Paris Saint-Germain)
4 – Gianluigi Buffon (Juventus)
5 – Luka Modric (Real Madrid)
6 – Sergio Ramos (Real Madrid)
7 – Kylian Mbappé (Monaco/Paris Saint-Germain)
8 – N’Golo Kanté (Chelsea)
9 – Robert Lewandowski (Bayern de Munieu)
10 – Harry Kane (Tottenham)
11 – Edinson Cavani (Paris Saint-Germain)
12 – Isco (Real Madrid)
13 – Luis Suárez (Barcelona)
14 – Kevin de Bruyne (Manchester City)
15 – Paulo Dybala (Juventus)
16 – Marcelo (Real Madrid)
17 – Toni Kroos (Real Madrid)
18 – Antoine Griezmann (Atlético de Madrid)
19 – Eden Hazard (Chelsea)
20 – David De Gea (Manchester United)
21 – Pierre-Emerick Aubameyang (Borussia Dortmund)
21 – Leonardo Bonucci (Juventus/Milan)
23 – Sadio Mané (Liverpool)
24 – Radamel Falcao (Monaco)
25 – Karim Benzema (Real Madrid)
26 – Jan Oblak (Atlético de Madrid)
27 – Mats Hummels (Bayern de Munique)
28 – Edin Dzeko (Roma)
29 – Philippe Coutinho (Liverpool)
29 – Dries Mertens (Napoli).

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais no FacebookTwitter,  InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para a redação do Blog do Silva Lima por e-mail: blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9200-1776.

Esporte

Flamengo quer Felipe Melo, mas Palmeiras diz que negócio é inviável

Publicado

em

O time carioca vê no volante uma chance de mostrar a mudança de postura proposta pelo grupo do presidente eleito, Rodolfo Landim.

O Flamengo quer contar com Felipe Melo para 2019. O time carioca vê no volante uma chance de mostrar a mudança de postura proposta pelo grupo do presidente eleito, Rodolfo Landim.

O Palmeiras, no entanto, trata o negócio como absolutamente inviável, especialmente pelos flamenguistas sonharem com a liberação do volante sem custos.

Noticiado pelo Globoesporte.com e confirmado pela reportagem, o interesse rubro-negro deve ter novos capítulos nos próximos dias. O Flamengo pretende utilizar a identificação do jogador como um dos fatores de convencimento para que ele atue no Rio de Janeiro na próxima temporada.

O Palmeiras, por sua vez, não facilitará o negócio. Alguns membros da diretoria, inclusive, se irritaram com a notícia e disseram que não foram nem consultados por ninguém do Flamengo. Internamente no time alviverde, a ideia é tratada como “alucinação”.

O atual campeão brasileiro, aliás, tem a política de evitar reforçar rivais diretos na briga pelos principais títulos do ano. Até mesmo negócios com Atlético-MG e Internacional, que têm bem menos rivalidade com o Palmeiras nos últimos anos, foram brecados para não reforçar possíveis adversários da Libertadores.

Felipe Melo assinou com o Palmeiras sem custos de transação, mas com pagamento de luvas milionárias. Foram R$ 2,5 milhões só em comissões para empresários, além de R$ 8,4 milhões que serão pagos em parcelas para o próprio atleta até dezembro de 2019, quando o contrato acaba. (Por Folhapress)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram. Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Esporte

Receita Federal cobra R$ 69 milhões de Neymar

Publicado

em

O valor é referente a impostos e multas do atacante, em processo que acusa o jogador de sonegar impostos no Brasil quando se transferiu do Santos para o Barcelona, em 2013.

Receita Federal cobra R$ 69 milhões em impostos e multas de Neymar, em processo que acusa o jogador de sonegar impostos no Brasil quando se transferiu do Santos para o Barcelona, em 2013.

Em 2015, as autoridades autuaram o atacante em R$ 188 milhões sob a alegação de que o jogador deixou de declarar R$ 63,6 milhões entre 2011 e 2013, omitindo esse montante através das empresas NR Sports, N&N Consultoria Esportiva e Empresarial e N&N Administração de Bens. Sobre esse valor, incidem multa de 150% e juros, em impostos que a Receita considera que o atacante deveria ter pago no período.

“O processo ainda não terminou. Está sujeito a recurso, mas a parte que ele ganhou, ganhou inclusive a compensação de tributos. É a mesma discussão, sobrou uma parcela e entendemos que já está paga”, disse o advogado Marcos Neder, que defende o atleta.

Os R$ 69 milhões é o valor remanescente do processo, mais multa de 150%, o que é contestado pelo atleta. A informação foi publicada primeiro pelo Globoesporte.com, e confirmada pela reportagem.

Em agosto do ano passado, Neymar havia comemorado vitória no processo. Na ocasião, segundo a defesa do jogador, ele conseguiu reduzir em cerca de 95% o total da cobrança do fisco. Em 2015, as autoridades autuaram o atacante em R$ 188 milhões, em valores atuais mais de R$ 200 milhões.

“O Neymar tinha pago os tributos na época, uma parte a Receita compensou, mas sobrou tributos. O Neymar pedindo para compensar da parte que sobrou, querendo esclarecer que a decisão que ele ganhou incluía a compensação de todos os tributos, não de parte deles”, afirmou o representante jurídico do atleta.

No Carf, os conselheiros entendem que houve irregularidade na venda do jogador para o Barcelona. O clube catalão pagou cerca de 40 milhões de euros à empresa do pai de Neymar em parcelas nos anos de 2011, 2013 e 2014.

As autoridades apontam que esse valor pago deveria ser feito ao jogador. O imposto à pessoa física é de 27,5%, maior do que foi pago na época, 17%, na pessoa jurídica.

A defesa de Neymar entende que o valor deveria compensar os R$ 28 milhões pagos pelo atleta na Espanha por conta da transferência, e que a multa de 150% é indevida. Assim, acreditam que devem pagar R$ 11,5 milhões, por dívida em direitos de imagem e multas aplicadas. (Por Folhapress)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram. Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Esporte

Ronaldinho entrega passaporte à Justiça e suspende viagens para fora

Publicado

em

O irmão do ex-jogador, o empresário Assis, também devolveu o documento.

Ronaldinho e o empresário Assis, irmão do ex-craque, finalmente entregaram seus passaportes à Justiça, conforme determinação ocorrida em 31 de outubro. A devolução dos documentos ocorreu neste último fim de semana, quando a dupla desembarcou no Brasil após um longo período viajando pelo exterior, e foi confirmada pelo Ministério Público.

Ronaldinho e Assis tiveram que entregar os documentos por não cumprirem uma sentença da Justiça do Rio Grande do Sul. Quando a ordem foi emitida, eles não estavam no país. Durante esse período, os irmãos tentaram derrubar a medida, mas o caso não chegou a ser julgado pelo STJ.

De acordo com o UOL, antes de retornar ao Brasil, Ronaldinho visitou países da Europa, Ásia e África. O retorno dele ao país aconteceu por conta de compromissos profissionais. O ex-jogador participou de um evento em São Paulo, no domingo (9), e não quis falar com a imprensa.

Ronaldinho e Assis foram condenados por crime ambiental por conta de uma construção ilegal de um trapiche (rampa para atracar embarcações náuticas) na orla do Lago Guaíba, área de preservação permanente. (Por Notícias ao minuto)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram. Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo
Propaganda

Trending