Conecte-se Conosco

Esporte

Zagueiro Neto desembarca em Chapecó e se junta a Alan Ruschel e Henzel

Publicado

em

neto-zagueiro-da-chapecoense

O zagueiro Neto voltou a Chapecó 18 dias depois da tragédia com o time da Chapecoense. O jogador do time catarinense se junta agora ao lateral Alan Ruschel e ao jornalista Rafael Henzel, que chegaram ao Brasil na última terça. O desembarque ocorreu às 21h46 desta quinta-feira.

A aeronave deixou Medellín no começo da tarde de hoje e fez uma escala no aeroporto Eduardo Gomes, em Manaus, por volta das 16h45. Uma hora depois, ela seguiu para a cidade catarinense.

“Iniciamos a missão ao meio-dia e chegamos com segurança. Ele está consciente, orientado. Está sendo um voo descontraído. Durante o voo ele está sendo medicado, estamos dando condição para ele chegar bem a Chapecó. Fizemos essa escala técnica em Manaus para abastecer a aeronave”, disse Francisco Souto, chefe da equipe médica.

Neto, que foi um último sobrevivente retirado do local da tragédia, nas cercanias de Medellín, será internado no mesmo hospital dos outros brasileiros estão sendo atendidos em Chapecó – ele chegou ao local às 22h27. Jackson Follmann está em São Paulo, no Hospital Albert Einstein, e deve ser transferido para Santa Catarina até segunda-feira.

O zagueiro era o sobrevivente em estado mais grave. O atleta da Chapecoense dependeu de ventilação mecânica por 11 dias e só passou a respirar sem a ajuda de aparelhos na última sexta-feira.

Neto só soube do acidente com a delegação do time catarinense na segunda-feira passada. Segundo os médicos, o jogador chegou a sonhar com a queda do avião na noite anterior à tragédia.

Nesta quinta, o zagueiro falou publicamente pela primeira vez sobre o fato. Ele fez um agradecimento aos colombianos pela ajuda nos últimos dias. 

“Sou grato a Deus pelo trabalho que vocês fazem. Agradeço muito a vocês pela ajuda que me deram. Muito obrigado. Que Deus abençoe todos. Que vocês continuem fazendo esse trabalho – que é maravilhoso – para quem necessita, como eu necessitei. Grande abraço a todos”, disse com a voz baixa.

(Do UOL SP)

Esporte

Athletico plagiou emblema do pior time do mundo, diz Ibis Sport Club

Publicado

em

“Nada pode ser pior”, como diz o lema do Ibis. O time pernambucano acusa o Athletico Paranaense de plagiar o emblema do clube.

“Obrigado pela homenagem, Athletico Paranaense”, ironizou o Ibis.

Daqui a pouco, por volta das 21h45, o “novo” Athletico entrará em campo, na Arena da Baixada, com a insígnia semelhante a do pior time de futebol do mundo.

O Athletico vai receber o Junior Barranquilla, da Colômbia, na decisão da Copa Sul-Americana de 2018.

O mascote do Athletico é o mesmo do Íbis Sport Club, qual seja, uma ave da mitologia egípcia estilizada.

A diferença é que o “frango” do Ibis olha para direita e o do Athletico flerta com a esquerda.

O uniforme pode até ser bastante parecido, mas os atleticanos rezam para que o desempenho em campo, hoje à noite, seja muito diferente do pior time do mundo.

A polêmica está nas redes sociais. (Por Esmael Morais)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Esporte

Jogador do São Paulo é acusado de agredir garota; polícia vai apurar

Publicado

em

Everton nega as acusações e o pai dele registrou um Boletim de Ocorrência por invasão.

O atacante Everton, do São Paulo, é acusado de agredir uma jovem de 21 anos. O caso teria ocorrido na madrugada desta terça-feira (11), durante a festa de aniversário de 30 anos do jogador, realizada na casa de um amigo dele, na cidade de Nortelândia, que fica a cerca de 230 km de Cuiabá.

De acordo com o Globoesporte.com, a menina se chama Joanna Darc Campos Dourado. Em Boletim de Ocorrência e em publicação (já apagada) no Facebook, ela afirma ter recebido um “murro” de Everton, que nega a agressão.

O pai do atleta, Evandro Campos, também registrou um B.O., mas por invasão de domicílio..

Ainda segundo o “Globo Esporte”, Joanna Darc teria ido a festa de Everton com mais dois amigos, sem serem convidados. O trio teria sido expulso do local e, de acordo com Joanna, foi neste momento que o jogador são-paulino a agrediu. Ela conta ainda que o irmão do atleta, as esposas e um segurança também participaram das alegadas agressões.

Em nota, a assessoria de Everton nega violência.

“O jogador Everton Cardoso, do São Paulo, nega qualquer incidente envolvendo o seu nome. O que houve foi uma invasão da casa onde ele estava com a família na cidade de Nortelândia, no Mato Grosso, e os invasores foram convidados a se retirar pelo segurança do jogador. O pai do atleta, Evandro Campos, registrou essa invasão na polícia local. O caso está na justiça e o jogador e sua família esperam que os invasores sejam punidos”, diz a nota enviada ao Globoesporte.com pela assessoria de Everton.

A Polícia Civil do Mato Grosso confirmou os registros dos dois Boletins de Ocorrência e disse que vai investigar o caso. (Por Notícias ao minuto)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Esporte

Com golaço de Neymar, PSG vence na Sérvia e avança na Champions

Publicado

em

Já o Liverpool superou o Napoli e também se classificou às oitavas de final.

A última rodada do Grupo C da Liga dos Campeões correspondeu à emoção que prometia. Na chave mais equilibrada da competição, a definição ficou para esta terça-feira, e quem se deu bem foi o Paris Saint-Germain e o Liverpool, que bateram Estrela Vermelha e Napoli, respectivamente, e garantiram vaga nas oitavas de final.

A liderança da chave ficou com o Paris Saint-Germain, que foi a 11 pontos com a goleada por 4 a 1 na Sérvia. A suada vitória por 1 a 0 no Anfield Road levou o Liverpool a nove pontos, mesmo número do Napoli, mas com vantagem no número de gols marcados. A lanterna ficou com o Estrela Vermelha, que parou nos quatro pontos com a derrota em casa.

Quem tinha a tarefa teoricamente mais fácil era o Paris Saint-Germain. Bastava uma vitória sobre o adversário mais frágil do grupo para uma das vagas ser francesa. Para evitar qualquer zebra, o time parisiense foi para cima e abriu o placar logo aos nove minutos. Mbappé fez grande jogada pela esquerda, passou por dois marcadores e deixou Cavani sem goleiro para marcar.

Apesar do ímpeto ofensivo, o PSG via um Neymar apagado, o que mudou aos 30 minutos, quando ele invadiu a área pela esquerda e bateu cruzado, parando no goleiro. Nove minutos mais tarde, porém, o brasileiro marcou um golaço. Novamente pela esquerda, ele foi acionado por Mbappé, deixou dois marcadores para trás e o goleiro no chão antes de finalizar.

Estava fácil, e Mbappé perderia chance incrível de ampliar no primeiro tempo. Na volta do intervalo, porém, o Estrela Vermelha acordou, passou a pressionar e diminuiu aos 10 minutos. Após cruzamento da esquerda, Thiago Silva não conseguiu afastar e Gobeljic pegou de primeira.

A vaga, que parecia definida, ficou em risco, até porque os donos da casa se mandaram ao ataque e seguiram pressionando. A tranquilidade só voltou aos 28 minutos, novamente graças a um brasileiro. Di María cobrou falta pela esquerda, Marquinhos subiu bem e tranquilizou o time francês. Ainda houve tempo para Mbappé selar a goleada nos acréscimos, após assistência de Neymar.

LIVERPOOL VENCE – Se o PSG chegou a sofrer, Liverpool e Napoli fizeram um jogo ainda mais nervoso no Anfield Road. O time inglês foi melhor na maior parte do confronto e começou encurralando o Napoli, que não conseguia sair do campo de defesa. Salah, logo no início, desperdiçou grande chance.

Apesar de dominar, o Liverpool tinha dificuldade de infiltrar na defesa italiana. Até que, de tanto tentar, Salah foi recompensado. Aos 33 minutos, o egípcio recebeu ótimo passe de Milner, girou para cima da marcação e finalizou cruzado, mesmo com pouco ângulo. Ainda contou com a ajuda de Ospina, que não foi bem no lance.

O gol não mudou o panorama da partida, e o Liverpool conseguiu manter a superioridade. Na etapa final, começou a acumular chances desperdiçadas. Logo aos cinco, Firmino deixou Salah sozinho, mas o egípcio jogou rente à trave. Milner foi outro que perdeu ótimo momento pouco depois.

Quando o Napoli finalmente se lançou ao ataque em busca do gol salvador, o Liverpool teve ainda mais espaço para pressionar. Aos 28, Ospina se redimiu do lance do gol e salvou em duas tentativas de Salah. Três minutos depois, foi melhor ainda para defender o chute à queima-roupa de Mané.

Apesar da superioridade inglesa, o Napoli teve duas chances claríssimas para empatar. Aos 33, Insgine cruzou rasteiro para a área, a bola passou por todo mundo e encontrou Callejón, que, sozinho na pequena área, isolou. Nos acréscimos, Alisson ainda fez um “milagre” em finalização de Milik, para levar à loucura a fanática torcida inglesa e garantir a vaga. (Por Folhapress)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram. Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

 

Continue lendo
Propaganda

Trending