Conecte-se Conosco

Mundo

Ex-presidente da Bolívia, Evo Morales, na lista da Interpol como terrorista

Publicado

em

Ex-presidente da Bolívia, Evo Morales, na lista da Interpol como terrorista 21
Governo interino da Bolívia classificou o ex-presidente Evo Morales como terrorista e ele agora entrou na lista da Organização Internacional de Polícia Criminal (Interpol). A notificação azul da Interpol significa que os Estados membros devem informar o paradeiro do investigado.

A Organização Internacional de Polícia Criminal é uma organização internacional que ajuda na cooperação de polícias de diferentes países. Foi criada em Viena, na Áustria, no ano de 1923. Hoje sua sede é em Lyon, na França, e tem a participação de 190 países membros.

O ministro do Interior, Arturo Murillo, disse que Morales deveria passar a vida na prisão por “terrorismo e sedição”.

O ministro pediu que Evo Morales, ex-presidente socialista da Bolívia – que estava exilado no México há quase duas semanas e foi visto em Cuba nos últimos dias – seja preso pelo resto de sua vida.

Citando gravações de áudio de Morales que direcionam os bolivianos a “estrangular” economicamente as cidades bolivianas com bloqueios de estradas, o ministro do Interior acusou o ex-presidente de terrorismo e sedição e disse que “qualquer terrorista deve passar o resto de sua vida na prisão”, em entrevista ao jornal Guardian publicada no final de novembro.

Fraudes eleitorais
Morales foi deposto, após semanas de protestos populares e greves devido às fraudes eleitorais.

Desde a queda do socialista, a Bolívia passa por um novo período de limpeza política e reorganização governamental. No entanto, a esquerda continua causando agitação. Apoiadores do MAS (Movimiento al Socialismo) se mobilizaram para causar instabilidade e caos no país. O governo interino respondeu a isso com ações de segurança para que a ordem volte no país.

A presidente interina da Bolívia, Jeanine Áñez, assinou uma lei que anulou os resultados da eleição de Morales e o impediu de concorrer à próxima, que deve ser realizada nos próximos meses. A lei recebeu o apoio unânime do Congresso – o que significa que o partido de Evo, o MAS, apoiou a ideia de avançar para a próxima eleição sem a candidatura de Morales.

Jeanine Áñez está preparando seu país para que novas eleições sejam realizadas rapidamente e a democracia seja reestabelecida.

Política externa
Áñez rapidamente montou um gabinete de transição e transformou a política externa do governo boliviano. Ela reconheceu o presidente interino venezuelano Juan Guaido, se aproximou de países democráticos como o Brasil e os EUA, e classificou o ex-presidente Evo Morales como terrorista, que agora, é procurado pela Interpol.

Interpol
A Interpol não se envolve na investigação de crimes que não envolvam vários países membros ou crimes políticos, religiosos e raciais. Trata-se de uma central de informações para que as polícias de todo o mundo possam trabalhar integradas no combate ao crime internacional, o tráfico de drogas e os contrabandos.

Sua função é promover a cooperação com organizações policiais de outros países, em estrita coordenação com a Sede da Interpol, em Lyon (França). Policiais Federais da Interpol trabalham na tradução e divulgação de informação criminal internacional, cooperação em investigações internacionais, repressão de crime transnacional, e a busca de foragidos da Polícia de outros países, como no caso de Evo Morales.

conexão politica

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Mundo

Covid-19 matou mais de 700 mil pessoas e infectou mais de 18,5 milhões

Publicado

em

Os Estados Unidos são o país mais afetado tanto em termos de vítimas mortais como de infecções.

pandemia de covid-19 já matou pelo menos 701.112 pessoas em todo o mundo desde que o vírus foi detectado na China, em dezembro, refere o último balanço feito pela Agência France-Presse (AFP) com base em dados oficiais. Ao todo, 18.572.720 casos de infecção foram oficialmente diagnosticados em 196 países e territórios, dos quais pelo menos 10.917.200 já foram considerados curados.

O número de casos diagnosticados só reflete, no entanto, uma fração do número real de infecções, já que alguns países testam apenas casos graves, outros fazem os testes para rastreio e muitos países mais pobres têm uma capacidade limitada de fazer testes.

Na terça-feira foram registradas 6.784 mortes e 252.972 novos casos da doença em todo o mundo, sendo que os países que mais vítimas mortais contabilizaram nos seus últimos relatórios foram os Estados Unidos, com 1.302 novos casos, o Brasil (1.154) e o México (857).

Os Estados Unidos são o país mais afetado tanto em termos de vítimas mortais como de infecções, com 156.830 mortes e 4.771.846 casos, segundo a Universidade Johns Hopkins. Pelo menos 1.528.979 pessoas foram declaradas curadas no país.

Depois dos Estados Unidos, os países mais afetados são o Brasil, com 95.819 mortos e 2.801.921 casos, o México, com 48.869 mortos e 449.961 casos de infecção, o Reino Unido, com 46.299 mortos e 306.293 casos, e a Índia, com 39.795 óbitos e 1.908.254 casos de infecção.

Entre os países mais atingidos, a Bélgica é a que apresenta o maior número de mortes em relação à sua população, com 85 mortes por cada 100.000 habitantes, seguida do Reino Unido (68), de Espanha (61), do Peru (61) e da Itália (58).

A China (excluindo os territórios de Hong Kong e Macau) contabiliza oficialmente um total de 84.491 casos (27 novos nas últimas 24 horas), incluindo 4.634 mortes e 79.047 recuperados.

A Europa totalizava hoje, 211.603 mortes e 3.256.677 casos, enquanto a América Latina e Caribe registravam 206.713 óbitos (5.120.531 casos).

Os Estados Unidos e o Canadá contabilizavam 165.818 mortes (4.889.179 casos) e na Ásia somavam-se 66.979 óbitos (3.113.070 casos).

O  Oriente Médio contabilizava 28.637 mortes (1.192.975 casos), a África 21.083 óbitos (979.057 casos) e Oceânia 279 mortes (21.239 casos).

Esta avaliação foi realizada usando dados recolhidos pela AFP junto das autoridades nacionais de saúde e com informações da Organização Mundial da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detectado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Por Notícias ao Minuto

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Mundo

Virologista chinesa diz que Covid-19 foi criada em laboratório militar

Publicado

em

Uma virologista chinesa garante que a Covid-19 foi produzida num laboratório militar chinês. Yan Li-Meng fugiu para os EUA por “temer que a matassem ou a fizessem desaparecer” após as várias ameaças de que foi alvo por ter, segundo a própria, informações sobre a investigação do novo coronavírus.

A especialista da Universidade de Saúde Pública de Hong Kong afirma que “avaliou claramente” que a Covid-19 surgiu num laboratório vinculado ao Exército Popular de Libertação, pertencente ao Partido Comunista Chinês.

A descoberta foi feita numa análise à transmissão deste patógeno de humano para humano, segundo explicou em entrevista à Lude Press. A virologista não explica, contudo, como é que o vírus escapou do laboratório.

A virologista alega que o “mercado de Wuhan foi usado apenas como um engodo” e que o Governo chinês sabia da existência e do perigo do novo coronavírus muito antes de anunciar oficalmente o surto em Wuhan. Além disso, relata também que os seus superiores ficaram em silêncio e ocultaram a sua investigação à covid-19, cujas descobertas poderiam ter ajudado a salvar muitas vidas.

Li-Meng Yan é especialista em virologia e imunologia. Era uma das virologistas encarregadas de estudar o coronavírus, até que as suas descobertas a levaram a fugir da China para os Estados Unidos.

Após as suas denúncias, a Universidade de Hong Kong negou que a profissional tenha realizado uma investigação sobre a transmissão da doença de humano para humano, afirmando que as suas afirmações não estão “de acordo com os fatos-chave”.

Por Notícias ao Minuto

 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Mundo

Miss Mundo é cancelado pela primeira vez, desde sua primeira edição em 1951

Publicado

em

O tradicional concurso Miss Mundo (Miss World) não acontecerá em 2020. Pela primeira vez na história, o evento será cancelado e só voltará a ocorrer, provavelmente, em 2021.

Criado em 1951, o concurso de beleza vai para a sua 70ª edição. O motivo do adiamento, como era de se esperar, é a pandemia causada pelo novo coronavírus. Devido à doença, que ainda não possui vacina ou medicamento comprovadamente eficaz, diversos eventos ao redor do mundo estão sendo cancelados.

A decisão pelo adiamento do Miss Mundo, aliás, foi divulgada pela Miss World Organisation, segundo informações do WikiNews. A nova edição deve acontecer na Tailândia, país que sediaria o concurso este ano. Ao todo, 120 candidatas, de todos os continentes do planeta, devem participar da competição.

Atualmente, a jamaicana Toni Ann-Ann Singh é atual detentora do título. Ela foi coroada no fim do ano passado após vencer 111 concorrentes. No top 5, aliás, também ficou a brasileira Elis Miele, que conquistou o título das Américas.

O Miss Mundo, aliás, tem por mote a ação “Beleza com propósito“, que incentiva as candidatas a apresentarem um projeto social dos quais participaram ou criaram em seus próprios países. O trabalho indicado pelas postulantes, dessa forma, recebe uma nota preliminar classificatória, que se soma ao resultados das outras etapas da competição.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo
Propaganda  

Trending