Conecte-se Conosco

Esporte

Santos arranca empate e Inter perde vice-liderança do Brasileiro

Publicado

em

[responsivevoice_button voice=”Brazilian Portuguese Female”]

Em um dos melhores jogos deste segundo turno do Brasileirão, Internacional e Santos empataram por 2 a 2 na noite desta segunda-feira, no encerramento da 30ª rodada. Numa partida eletrizante no Beira-Rio, o time gaúcho ficou duas vezes na frente, mas os paulistas igualaram com um erro bizarro da defesa anfitriã.

A partida foi marcada ainda por um gol anulado do Inter, no começo da segunda etapa. No polêmico lance, o árbitro Ricardo Marques Ribeiro assinalou impedimento de Leandro Damião, porém levou seis minutos para tomar a decisão após fazer uma “resenha” com os assistentes e até o quarto árbitro.

O resultado derrubou o Inter da vice-liderança do Brasileirão. Superado pelo Flamengo, com 58 pontos, o time gaúcho agora é o terceiro colocado, com 57. Já o Santos, que vinha de três vitórias consecutivas, tem 43 pontos e segue em sétimo, na beira do G6, a zona de classificação à próxima Copa Libertadores.

Sob os olhares de Tite, técnico da seleção brasileira presente nas tribunas do estádio, o Inter manteve a invencibilidade no Beira-Rio neste Brasileirão – o Inter é o melhor mandante da competição até agora. Ao mesmo tempo, manteve um tabu no Santos, que não vence no estádio há dez anos.

O JOGO

Tentando quebrar o tabu no Beira-Rio, o Santos foi para cima no início da partida e adiantou sua marcação, surpreendendo o Inter. Os primeiros 20 minutos do duelo foram de domínio dos visitantes, enquanto os anfitriões sofriam para sair para o jogo em busca de uma investida ofensiva.

Em uma das poucas vezes em que o time gaúcho conseguiu chegar ao campo de ataque, o Santos roubou a bola e iniciou perigoso contra-ataque aos 24. Sánchez disparou pelo meio e acionou Gabigol, que cortou o marcador e bateu colocado. Lomba se esticou para fazer leve desvio na bola, o suficiente para fazê-la atingir o travessão e sair.

A resposta do Inter veio aos 40. Cuesta cruzou da esquerda e Edenílson raspou de cabeça. Vanderlei, à queima-roupa, fez grande defesa. Três minutos depois, Edenílson avançou pela direita e bateu de cavadinha sobre Lomba. Em cima da linha, Luiz Felipe evitou o gol. Mas acabou entregando na cabeça de Leandro Damião, que escorou com tranquilidade para as redes.

No embalo do gol, o time gaúcho quase chegou ao segundo gol na sequência, aos 47. Após levantamento na área, Vanderlei desviou, Leandro Damião escorou de cabeça e Moledo, na pequena área, não conseguiu desviar de letra.

Passado o sufoco do fim da etapa inicial, o Santos voltou mais atento para o segundo tempo. E buscou o empate aos 4 minutos: Gabigol despontou pela esquerda dentro da área e bateu colocado. A bola acertou a trave e entrou. Foi o 15º gol do artilheiro do Brasileirão.

Novamente, a resposta do Inter não tardou. Mas, desta vez, Vanderlei evitou o gol de Damião, aos 8. Na sequência, apenas um minuto depois, houve o lance mais polêmico da partida. Cuesta dividiu com Sánchez no ataque colorado e a bola sobrou para Damião, que bateu quase sem ângulo e mandou para as redes. O árbitro, contudo, anulou o lance por impedimento do atacante.

O problema foi que a decisão levou seis minutos para ser confirmada. Após a anulação, Ricardo Marques Ribeiro consultou todos os assistentes e até o quarto árbitro. A “resenha” causou a irritação da torcida e deixou os jogadores em suspense até confirmação da decisão.

A partir daí, o jogo ganhou em movimentação. Bons lances para ambos os lados se sucederam até que o Inter chegou ao seu segundo gol. Em rápido contra-ataque, a jogada de Edenílson e Nico López culminou no gol de Patrick, aos 25.

A vantagem foi sustentada até os 33, quando o Santos empatou em lance bizarro protagonizado pela defesa gaúcha. Gabigol finalizou de dentro da área e Lomba deu rebote. A bola ficou praticamente parada na pequena área na indecisão entre a zaga e o goleiro para afastar a bola. Diante da demora, o ataque santista pressionou e, na confusão, Fabiano acabou completando contra as próprias redes.

O gol manteve o duelo aberto, com correria, muitos espaços em campo e chances ofensivas para os dois lados. O Inter impôs maior pressão nos minutos finais, principalmente com bolas paradas alçadas na área, mas o Santos se segurou bem e garantiu o empate.

FICHA TÉCNICA:

INTERNACIONAL 2 x 2 SANTOS

INTERNACIONAL – Marcelo Lomba; Fabiano (Jonatan Álvez), Rodrigo Moledo, Victor Cuesta e Iago (Wellington Silva); Rodrigo Dourado, Edenílson, Patrick, D’Alessandro e Nico López; Leandro Damião (Rossi). Técnico: Odair Hellmann.

SANTOS – Vanderlei; Victor Ferraz, Luiz Felipe, Gustavo Henrique e Dodô; Alison (Bryan Ruíz), Diego Pituca e Carlos Sánchez; Rodrygo (Derlis González), Gabriel e Bruno Henrique (Renato). Técnico: Cuca.

GOLS – Leandro Damião, aos 43 minutos do primeiro tempo. Gabriel, aos 4, Patrick, aos 25, e Fabiano (contra), aos 33 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Gustavo Henrique, Nico López, Bruno Henrique, Luiz Felipe.

ÁRBITRO – Ricardo Marques Ribeiro (MG).

RENDA – R$ 1.082.715,00.

PÚBLICO – 39.136 pagantes (43.159 no total).

LOCAL – Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre (RS).

 

(Do Estado de S.Paulo)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram. Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Esporte

Santa Cruz consegue laudo e aumenta capacidade do Arruda para receber até 50 mil torcedores

Publicado

em

Mesmo sem jogos profissionais desde março, o Santa Cruz trabalhou nos bastidores para aumentar a capacidade do estádio do Arruda. O Tricolor conseguiu a ampliação do reduto coral que está liberado para receber 50 mil torcedores.

A informação foi divulgada pela assessoria do clube em suas redes sociais.” Após intensos trabalhos de reestruturação e a mais recente vistoria do Corpo de Bombeiros, nossa casa, o Estádio do Arruda, está liberado para receber até 50 mil torcedores novamente!”, escreveu.

Durante esse longo período sem partidas do profissional do Santa Cruz, o estádio coral está sendo utilizado pelas categorias de base, e recentemente recebeu a Seleção Brasileira Feminina para uma semana de treinamentos.

Paulo Mota/DP
Rafael Vieira/DP Foto

           

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9155-5555.

Continue lendo

Esporte

Copa América começa com duelo entre Argentina e Canadá

Publicado

em

Vai começar a Copa América 2024! Nesta quinta-feira (20), Argentina Canadá se enfrentam, às 21h, horário de Brasília, no Mercedes-Benz Stadium, em Atlanta, pelo jogo de abertura da competição, válido pela 1ª rodada do Grupo A, que conta ainda com Chile e Peru.

Atual campeã da competição, quando bateu o Brasil no Maracanã, em 2021, e atual campeã do mundo, a Argentina chega como “super favorita” para conquistar o 16° título e se isolar como a maior campeã, posto que hoje divide com o Uruguai.

Com Messi, que pode estar disputando sua última competição pela seleção e a base do time campeão há menos de dois anos no Catar, os argentinos enfrentarão um Canadá que ainda tenta se encontrar.

Apesar de contar com nomes com Alphonso Davies, do Bayern de Munique e na mira do Real Madrid, Jonathan David, artilheiro do Lille, da França, o time canadense conta com muitos jogadores que atuam em ligas de menor competitividade e encontra dificuldades para performar em alto nível.

Problemas que foram vistos na Copa do Mundo 2022, onde começou muito bem os jogos contra Bélgica e Croácia, mas acabou perdendo e que ainda são vistos no atual ciclo, que incluem um empate com a França no último amistoso, mas goleadas sofridas para Holanda e Japão e uma eliminação para a Jamaica na Nations League.

Transmissão ao vivo de Argentina x Canadá

Continue lendo

Esporte

Sem Hulk e Paulinho, Atlético-MG enfrenta o Vitória no Barradão

Atlético enfrenta o lanterna Vitória nesta quinta-feira, às 18h30, no estádio Barradão, em Salvador (BA), pela décima rodada do Campeonato Brasileiro.

Publicado

em

Na busca pela reabilitação após a derrota polêmica para o Palmeiras na Arena MRV, o Atlético enfrenta o lanterna Vitória nesta quinta-feira, às 18h30, no estádio Barradão, em Salvador (BA), pela décima rodada do Campeonato Brasileiro.

O Atlético é considerado um dos favoritos ao título, mas foi goleado por 4 a 0 pelo Palmeiras. O time mineiro tem 13 pontos e precisa da vitória para se aproximar dos líderes.

Já o Vitória está pressionado pelo fraco início de competição, embora tenha conquistado seu primeiro triunfo na última rodada, quando bateu por 2 a 1 o Internacional. Mesmo assim é o lanterna, com apenas seis pontos.

No Brasileirão, Atlético e Vitória já se enfrentaram em 48 oportunidades, com 12 vitórias do time baiano, 22 dos atleticanos e 14 empates.

Do lado do Atlético, os atacantes Hulk e Paulinho, expulsos contra o Palmeiras, estão fora. A lista de desfalques ainda conta com o lateral-esquerdo Guilherme Arana,e os meias Alan Franco e Vargas com suas respectivas seleções, além de Rubens e Otávio, lesionados.

Mas nem tudo é notícia ruim. O goleiro Everton, o zagueiro Maurício Lemos e o meia Battaglia retornam após cumprirem suspensão automática. Quem se junta ao trio é o lateral-direito Mariano, recuperado de lesão. Com isso, o técnico Gabriel Milito conseguirá encorpar o time na ausência de seus principais atacantes, ao mesmo tempo que apostará nas categorias de base.

Thiago Carpini poderá optar por repetir a escalação do Vitória, com exceção do lateral-direito Willean Lepo, que recebeu o terceiro cartão amarelo e terá que cumprir suspensão. Raúl Cáceres é o substituto imediato.

O treinador ainda deve contar com o volante Dudu e o atacante Iury Castilho, recuperados de uma virose. No entanto, ambos devem ficar como opções no banco de reservas.

“Eu vejo um Vitória mais sólido, mais consistente defensivamente e mais vibrante. Quando a gente vê a evolução, a gente está construindo. A gente precisa seguir essa linha de posição”, afirmou o treinador.

Foto Getty

Por Estadão

           

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9155-5555.

Continue lendo
Propaganda

Trending

Fale conosco!!