Conecte-se Conosco

Esporte

Série B: Ponte bate o Náutico por 2×0 e aumenta a crise do Alvi-rubro

Publicado

em

Cada time dominou um tempo no duelo entre Náutico e Ponte Preta, na noite desta segunda-feira, nos Aflitos, mas a Macaca foi mais eficiente quando estava melhor em campo para ganhar por 2 a 0, pela 16ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. João Paulo e Dawhan marcaram de cabeça depois do intervalo para dar a primeira vitória à Macaca sob o comando de Marcelo Oliveira. O resultado coloca os campineiros na vice-liderança e aumenta a crise do Náutico, ameaçado de cair para a zona de rebaixamento.

A vitória leva a Ponte aos 27 pontos, momentaneamente na segunda colocação. O time pode ser ultrapassado na sequência da rodada por Chapecoense e América-MG, com 26, mas assegura um lugar no G-4 por mais uma rodada. O Náutico, por sua vez, completa o sexto jogo de jejum, com a segunda derrota consecutiva, sem um gol sequer há cinco partidas, e estaciona nos 15 pontos, correndo o risco de entrar na zona de rebaixamento dependendo dos resultados dos concorrentes nos próximos dias.

Náutico e Ponte acompanham a sequência da rodada para ver em que posições ficam e voltam a campo somente na outra terça-feira, dia 20 de outubro. O Náutico tem pela frente o lanterna Oeste, fora de casa, às 19h15, enquanto a Macaca faz um duelo direto com a Chapecoense, às 21h30, no Majestoso.

PRIMEIRO TEMPO

A Ponte chegou com perigo logo de cara, com Moisés, mas o Náutico assumiu as rédeas no restante do primeiro tempo. A marcação sob pressão colocou a saída de bola da Macaca em apuros, e o Náutico criou três chances claras: duas com Erik e uma com Kieza. O Timbu ainda reclamou de um pênalti não marcado de Guilherme Pato em cima de William Simões, aos 13. Segundo a Central do Apito, o árbitro errou ao mandar o lance seguir.

SEGUNDO TEMPO

Depois de sair no lucro no primeiro tempo, a Ponte se reorganizou no intervalo e voltou com outra postura, fechando os espaços do Náutico, principalmente pela esquerda, e conseguindo colocar a bola no chão, como no primeiro gol, aos seis minutos, com João Paulo de cabeça após cruzamento de Matheus Peixoto. A vantagem permitiu que a Ponte ficasse mais leve em campo, enquanto o Timbu se sentiu pressionado. Em nova jogada área, mas desta vez a partir de bola parada, Dawhan ampliou aos 22 minutos. O Náutico só foi chegar efetivamente aos 35 minutos, com Thiago, e depois teve um gol (bem) anulado de Dadá. Com a parada já resolvida, a Macaca ainda teve a chance de fazer o terceiro com Moisés, mas o atacante mandou na rede do lado de fora depois de driblar o goleiro. (Do GE PE)

 

 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e Instagram.Você também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail [email protected] ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Esporte

Bahia e Grêmio fazem ‘decisão’ contra o rebaixamento no Brasileirão

Publicado

em

A Arena Fonte Nova vai receber, na noite desta sexta-feira, um duelo de tricolores desesperados na luta contra o rebaixamento para a Série B. A partir das 19 horas, Bahia e Grêmio fazem um confronto direto em partida antecipada da 36.ª rodada do Brasileirão.

O Bahia amarga um jejum de três jogos sem vitória e também sem marcar gols, sequência que o colocou na zona de rebaixamento, em 17.º lugar, com 37 pontos, mas com uma partida a menos que seus concorrentes.

Para reencontrar o caminho das vitórias e deixar a zona de rebaixamento, o Bahia vai contar com o apoio dos seus torcedores. Mais de 26 mil ingressos foram vendidos antecipadamente. É garantia de casa cheia.

Diante da seca, o Bahia vai ter a volta do seu artilheiro. Autor de 13 gols no Brasileirão, Gilberto cumpriu suspensão automática no empate sem gols com o Cuiabá. Além dele, outro reforço é o atacante Rossi, poupado na última rodada.

“A gente tem que entregar de alguma forma ou de outra, seja na técnica ou na raça, seja da forma que der, a gente tem que entregar para o nosso clube o melhor e para torcida também, que vem nos apoiar. Com certeza vai nos apoiar muito nesse jogo”, disse Gilberto.

O zagueiro Luiz Otávio, que sofreu uma pancada na cabeça contra o Cuiabá, ainda é dúvida. Desfalque certo é o lateral-esquerdo Juninho Capixaba, que pertence ao Grêmio e fica de fora por questão contratual.

Do outro lado está um adversário em evolução. Com três vitórias nos últimos cinco jogos, o Grêmio vem animado depois de ter buscado o empate com o Flamengo, com um jogador a menos e perdendo de 2 a 0. Em 18.º lugar, o tricolor gaúcho tem 36 pontos.

A maratona de jogos – será o nono em menos de um mês – vai fazer o técnico Vagner Mancini mexer no time titular em relação ao duelo contra o Flamengo. Desgastados, o lateral-direito Rafinha e o atacante Diego Souza devem ser substituídos por Vanderson e Borja, respectivamente.

“Os outros jogos as estratégias foram diferentes. Não quero dizer para o jogo contra o Bahia a gente fosse optar pela mesma estratégia, porque já seria o terceiro jogo deles jogando de 72 horas em 72 horas. Daqui até o final, terá que ter muita superação, além da mobilização natural que todos fazemos”, disse Mancini.

O treinador ainda tem os desfalques do goleiro Brenno, do volante Lucas Silva e do atacante Jhonata Robert, suspensos. A boa notícia é que o zagueiro Kannemann, que desfalcou o Grêmio contra o Flamengo por conta de dores no quadril, deve voltar.

Por:Esporte ao Minuto

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail [email protected] ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Esporte

Conmebol tira gol fora de casa como critério de desempate em mata-mata

Publicado

em

A Conmebol anunciou nesta quinta-feira (25) o fim do gol fora de casa como critério de desempate nas fases de mata-mata das competições que organiza. A medida já valerá para os regulamentos dos torneios a partir de 2022 e abrange a Libertadores e a Sul-Americana.

“A Conmebol elimina o ‘gol de visitante’. A partir de agora, todos os gols de torneios da Conmebol terão o mesmo valor, já não se considerará como um critério de desempate os gols convertidos na condição de visitante. Com isso, aponta-se para uma maior justiça desportiva”, escreveu Alejandro Domínguez, presidente da entidade em publicação nas redes sociais.

A mudança no critério de desempate das competições sul-americanas acompanha a tendência ao redor do mundo. No Brasil, a CBF já tinha retirado esse modelo da Copa do Brasil. A Uefa recentemente também foi mais uma a realizar esse movimento.

O critério de desempate não afeta a final da Libertadores e da Sul-Americana porque o vencedor é definido em partida única, mas mexe com o caminho nas fases anteriores. Com a alteração, uma possibilidade é de aumento do número de confrontos decididos nos pênaltis. Por outro lado, os times mandantes podem jogar de forma mais aberta nas partidas de ida, sem ter a preocupação de sofrer um gol que condicione a eliminatória, pensando no jogo de volta.

Ao fim de 2018, o fim do gol fora de casa como critério de desempate -algo que entrou no regulamento a partir de 2005- chegou a ser discutido na Conmebol, mas o texto foi mantido sem alteração naquele momento.

Fonte: Esporte ao Minuto

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail [email protected] ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Esporte

Esportes Com gol de Fred, Fluminense vence o Internacional no Maracanã

Publicado

em

 

O Fluminense deu mais um passo importante em busca da conquista de uma vaga direta para a próxima edição da Copa Libertadores, pois, em partida realizada na noite desta quarta-feira (24) no estádio do Maracanã, derrotou o Internacional por 1 a 0

Com os três pontos alcançados diante de mais de 18 mil torcedores, o Tricolor das Laranjeiras alcançou os 51 pontos, mantendo a 7ª posição, mas abrindo 4 pontos de vantagem sobre o 8ª colocado, que é justamente o Colorado.

A partida teve emoção desde o primeiro minuto, quando Fred dominou dentro da área do Inter e tentou um passe, mas a bola resvalou no braço de Bruno Méndez e o juiz assinalou pênalti.

O próprio camisa 9 do Fluminense foi para a cobrança e não falhou. Este foi o 20º gol de Fred na temporada.

A partir daí o Internacional até conseguiu manter a posse de bola, mas ela acabou sendo pouco produtiva diante de uma defesa muito bem armada pelo técnico Marcão. Com isso, a primeira oportunidade clara do Colorado surgiu apenas aos 43 minutos, quando o volante Edeníson bateu de primeira após bola levantada na área.

Na etapa final o técnico Diego Aguirre até conseguiu deixar a sua equipe mais produtiva após realizar algumas mudanças, mas foi o Fluminense quem criou as melhores oportunidades, em especial em jogadas de contra-ataque com os pontas Caio Paulista e Luiz Henrique.

O Fluminense volta a entrar em campo no domingo (28), quando enfrenta o líder Atlético-MG no estádio do Mineirão. No mesmo dia o Internacional recebe o Santos em Porto Alegre.

Por:Agência Brasil

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail [email protected] ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo
Propaganda

Trending