Conecte-se Conosco

Saúde

Como evitar doenças respiratórias na infância

Publicado

em

 

Mesmo no período mais quente do ano, uma gama enorme de vírus e bactérias pode causar doenças.

Uma das principais vilãs da saúde de bebês e crianças, as infecções respiratórias podem ser evitadas com algumas mudanças simples na rotina dos pais e responsáveis. Mesmo no período mais quente do ano, uma gama enorme de vírus e bactérias pode causar doenças como gripes, resfriados, sinusites e bronquites catarrais, principalmente em crianças menores e lactentes, que inda não têm memória infecciosa para combater os organismos invasores.

Evitar lugares fechados ou com grande aglomeração, utilizar umidificador de ar, bacias de água ou toalhas umedecidas junto ao berço e à cama, lavar o nariz com soro fisiológico morno para manter a mucosa hidratada, lavar as mãos com frequência, usar álcool gel e reforçar a hidratação com líquidos ou sucos ricos em vitamina C são alguns exemplos de atitudes que os pais devem colocar em prática para diminuir o risco de transmissão de doenças aos pequenos.

Além dessas medidas preventivas, é fundamental estar atento aos sintomas. Os mais comuns são tosse, espirros, garganta seca, falta de ar e coceira no nariz – em crianças menores, inclusive, pode ocorrer até sangramento nasal. Após a instalação da doença respiratória, o recomendado é fazer inalações com soro fisiológico várias vezes ao dia, o que ajuda a liberar e umidificar as vias aéreas. Outras dicas são ligar o chuveiro quente para que o pequeno respire o ar úmido e utilizar uma pequena seringa para aplicar soro fisiológico morno nas narinas, utilizando algodão para a higienizar posteriormente. Isso permitirá que haja uma via aérea nasal livre de obstrução e secreções.

Na hora de dormir, é importante que a criança não se posicione inteiramente na horizontal. Dobrar o travesseiro é uma maneira de garantir que a sua cabeça fique mais elevada que o corpo. Se ela apresentar febre, as roupas devem ser leves e de algodão. Mas, caso a febre persista em mais de 38°, é essencial que o responsável não dê medicação por conta própria e procure um pediatra para orientá-lo corretamente.

Como todos já sabem, os vírus e bactérias se encontram principalmente em ambientes como creches, shoppings, mercados e transporte público, onde a transmissão ocorre se houver alguém adoentado. Se a criança tiver menos de 6 meses, sem vacinação antigripal e com algum tipo de alergia, o risco claramente aumenta. Por isso, a melhor maneira de evitar que os pequenos sejam afetados por doenças é manter o sinal de alerta sempre ligado.

 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe o nosso aplicativo gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais no FacebookTwitter,  InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para a redação do Blog do Silva Lima por e-mail: blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9200-1776.

Saúde

Serra Talhada tem novo caso suspeito de Coronavírus (Covid-19)

Publicado

em

A Secretaria Municipal de Saúde de Serra Talhada foi informada, nesta quarta-feira (01), que um paciente do sexo masculino, de 86 anos, deu entrada no Hospital Professor Agamenon Magalhães – HOSPAM, com sintomas semelhantes à Covid-19.

De acordo com as informações, o paciente apresentou sintomas no último dia 28. O paciente fica sob suspeição aguardando o resultado laboratorial.

Até o momento Serra Talhada tem 01 caso em investigação, 04 casos descartados e nenhum caso confirmado do novo coronavírus.

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Saúde

Sobe para oito o número de mortes pelo novo coronavírus em Pernambuco

Publicado

em

Informação foi confirmada pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) nesta quarta-feira (1º)

Sobe para oito o número de mortes causadas pelo novo coronavírus em Pernambuco. A informação foi confirmada pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) nesta quarta-feira (1º). Além disso, a pasta informou também que já são 95 pessoas que tiveram diagnóstico de covid-19 no Estado.

De acordo com a SES, dos oito novos casos confirmados no Estado, quatro são do sexo masculino, com idades entre 45 e 74 anos; e quatro são do sexo feminino, com idades entre 28 e 87 anos. Dos pacientes, sete são residentes do Recife e um de Aliança, na Zona da Mata de Pernambuco. Até o momento, 23 pacientes diagnosticados com a doença estão internados, sendo 14 em UTI/UCI e 9 em leitos de isolamento. Outros 50 estão em isolamento domiciliar e 14 estão curados.

Até agora, os 95 casos confirmados estão distribuídos nos seguintes municípios: Recife, Jaboatão dos Guararapes, Olinda, Camaragibe, São Lourenço da Mata, Palmares, Belo Jardim, Caruaru, Petrolina, Ipubi, Goiana e Aliança, além do Arquipélago de Fernando de Noronha e da ocorrência de pacientes em outros Estados e países.

Em relação aos dois novos óbitos da doença, as vítimas são dois homens, um de 64 e outro de 81 anos, residentes de Recife e Olinda, respectivamente. Eles estavam internados em unidades de saúde públicas. Segundo a SES-PE, o paciente de 64 anos tinha histórico de diabetes e hipertensão, além de ter passado por um transplante renal há dez anos. Os sintomas apresentados foram> tosse, desconforto respiratório e cefaleia. Ele foi admitido no Hospital Universitário Oswaldo Cruz (Huoc), localizado na área central do Recife, no dia 21 de março. O paciente faleceu nessa terça-feira (31).

Já o paciente de 81 anos foi socorrido para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) no dia 25 de março. Ele chegou ao local com dificuldade para respirar e quadro de desorientação, além de relato de febre e tosse nos últimos dias. O idoso tinha mal de Parkinson e sofreu uma parada cardiorrespiratória. (JC Online)

 

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

Continue lendo

Saúde

O que fazer na quarentena? Que tal um pãozinho em casa?

Publicado

em

Dias e dias em casa, criançada toda reunida e certamente bate a dúvida do que preparar para o lanche da tarde. Pensando em você, o lifestyle ao minuto vai te ensinar a fazer uma prática e rápida receita que promete agradar crianças e adultos.

Que tal um paõzinho feito em casa e de maneira muito prática?  Pois saiba que este aqui é levinho e é liberado pra quem está firme e forte também de não engordar durante a quarenta.

A receita do pão de minuto light leva adoçante culinário, margarina, iogurte natural e é um maravilhoso.  Anote aí!

Ingredientes

4 colheres (sopa) de adoçante culinário

4 ½  xícaras (chá) de farinha de trigo

3 colheres (sopa) de margarina

2 colher (sopa) de fermento em pó

1 colher (chá) rasa de sal

2 potes de iogurte natural desnatado

Modo de Preparo

Junte todos os ingredientes em uma tigela e prepare a massa, misturando bem (use as mãos, se necessário).

Enrole pãezinhos. Se desejar, recheie com requeijão ou goiabada ou o que mais lhe apetecer, não esqueça de usar a criatividade no recheio.

Leve ao forno médio (180 ºC) em forma untada e polvilhada, até que dourem. (POR NOTÍCIAS AO MINUTO)

Seja sempre o primeiro a saber. Baixe os nossos aplicativos gratuito.

Siga-nos em nossas redes sociais FacebookTwitter e InstagramVocê também pode ajudar a fazer o nosso Blog, nos enviando sugestão de pauta, fotos e vídeos para nossa a redação do Blog do Silva Lima por e-mail blogdosilvalima@gmail.com ou WhatsApp (87) 9 9937-6606 ou 9 9101-6973.

 

Continue lendo
Propaganda  

Trending